Carregando...
JusBrasil
04 de agosto de 2015

Página 1 de 14.380 33 16 9.852 4.402 76 2 resultados para "Empresa executada que não teve suas atividades encerradas" em Notícias em Artigos em Jurisprudência em Diários em Legislação em Modelos e peças

TJ-SP - Apelação Sem Revisão SR 3866195000 SP (TJ-SP)

Data de publicação: 19/12/2008

Ementa: EMBARGOS À EXECUÇÃO FISCAL - EXECUÇÃO FISCAL - ICMS - Embargos improcedentes - Empresa executada que não teve suas atividades encerradas - A responsabilidade tributária prevista no citado art. 135 , III do CTN , imposta ao sócio-gerente, ao administrador ou ao diretor de empresa comercial, somente se caracteriza quando há dissolução irregular da sociedade ou se comprova a prática de atos de abuso de poder de gestão ou de violação da lei ou do contrato. Não respondem os sócios de sociedade por cotas de responsabilidade limitada pelo simples inadimplemento do tributo devido porque o não cumprimento da obrigação principal, sem dolo ou fraude, somente representa mora da empresa e não "infração legal" que deflagre a responsabilidade pessoal e direta do sócio - Possibilidade de reconhecimento da ilegitimidade de oficio - Execução fiscal julgada extinta - Recurso oficial e apelo fazendário prejudicados. .

TJ-SP - Apelação Sem Revisão SR 3866185500 SP (TJ-SP)

Data de publicação: 19/12/2008

Ementa: EMBARGOS À EXECUÇÃO FISCAL - EXECUÇÃO FISCAL - ICMS - Embargos improcedentes - Empresa executada que _ não, teve suas atividades -. encerradas - A responsabilidade tributária prevista no citado art. 135 , III do CTN , imposta ao sócio-gerente, ao administrador ou ao diretor de empresa comercial, somente se caracteriza quando há dissolução irregular da sociedade ou se comprova a prática de atos de abuso de poder de gestão ou de violação da lei ou do contrato. Não respondem os sócios de sociedade por cotas de responsabilidade limitada pelo simples inadimplemento do tributo devido porque o não cumprimento da obrigação principal, sem dolo/ ou fraude, somente representa mora da empresa e não "infração legal" que deflagre a responsabilidade pessoal e direta do sócio - Recurso provido para julgar extinta a execução fiscal com relação ao sócio. .

TJ-SP - Apelação Sem Revisão SR 3866205400 SP (TJ-SP)

Data de publicação: 19/12/2008

Ementa: EMBARGOS À EXECUÇÃO FISCAL - EXECUÇÃO FISCAL - ICMS - Embargos improcedentes - Empresa executada que não teve suas atividades encerradas - A responsabilidade tributária prevista no citado art. 135 , III do CTN , imposta ao sócio-gerente, ao administrador ou ao diretor de empresa comercial, somente se caracteriza quando há dissolução irregular da sociedade ou se comprova a prática de atos de abuso de poder de gestão ou de violação da lei ou do contrato. Não respondem os sócios de sociedade por cotas de responsabilidade limitada pelo simples inadimplemento do tributo devido porque o não cumprimento da obrigação principal, sem dolo ou fraude, somente representa mora da empresa e não "infração legal" que deflagre a responsabilidade pessoal e direta do sócio - Possibilidade de reconhecimento da ilegitimidade de ofício - Execução fiscal julgada extinta - Recurso oficial e apelo fazendário prejudicados. .

DJSP 18/10/2011 - Pág. 12 - Judicial - 1ª Instância - Interior - Parte III - Diário de Justiça do Estado de São Paulo

- Empresa executada que não teve suas atividades encerradas - A responsabilidade tributária prevista... da empresa e não ?infração legal? que deflagre a responsabilidade pessoal e direta do sócio. ...

Diário • Diário de Justiça do Estado de São Paulo

DJSP 18/10/2011 - Pág. 11 - Judicial - 1ª Instância - Interior - Parte III - Diário de Justiça do Estado de São Paulo

do sócio do pólo passivo da empresa - Empresa executada que não teve suas atividades encerradas... ou fraude, somente representa mora da empresa e não ?infração legal? que deflagre a ...

Diário • Diário de Justiça do Estado de São Paulo

TJ-SP - Apelação Sem Revisão: SR 3866185500

Data de publicação: 19/12/2008

Decisão: suas atividades -. encerradas - A responsabilidade tributária prevista no citado art. 135, III do CTN... FISCAL - EXECUÇÃO FISCAL - ICMS - Embargos improcedentes - Empresa executada que _ não, teve... em tela, a empresa executada Picchi S/A Indústria 'Metalúrgica continua em atividade,' deixando...

TJ-SP - Apelação Sem Revisão: SR 3866195000

Data de publicação: 19/12/2008

Decisão: suas atividades encerradas - A responsabilidade tributária prevista no citado art. 135, III do CTN, imposta... FISCAL - EXECUÇÃO FISCAL - ICMS - Embargos improcedentes - Empresa executada que não teve... principal, sem dolo ou fraude, somente representa mora da empresa e não "infração legal" que deflagre...

TJ-SP - Apelação Sem Revisão: SR 3866205400

Data de publicação: 19/12/2008

Decisão: suas atividades encerradas - A responsabilidade tributária prevista no citado art. 135, III do CTN, imposta... FISCAL - EXECUÇÃO FISCAL - ICMS - Embargos improcedentes - Empresa executada que não teve... principal, sem dolo ou fraude, somente representa mora da empresa e não "infração legal" que deflagre...

TRF-3 - AGRAVO DE INSTRUMENTO AI 00261302220114030000 SP (TRF-3)

Data de publicação: 11/03/2015

Ementa: PROCESSO CIVIL. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. INEXISTÊNCIA DE OMISSÃO, OBSCURIDADE OU CONTRADIÇÃO. REDIRECIONAMENTO. NOME DO SÓCIO NÃO CONSTA DA CDA. DISSOLUÇÃO IRREGULAR NÃO COMPROVADA. 1. As razões da embargante não demonstram obscuridade, contradição ou omissão. 2. No caso dos autos, foi afastada a responsabilidade do sócio, porquanto seu nome não consta da CDA. Além disso, não houve prova inequívoca da prática de atos, na administração da sociedade empresária, com excesso de poderes ou infração à lei, nem de que a pessoa jurídica teve suas atividades encerradas irregularmente, pelo que não cabe a responsabilização dos sócios pelas dívidas da empresa executada. 3. Não há, no acórdão recorrido, qualquer violação ao art. 535 , do CPC , visto que analisada por completo a questão trazida a lume. 4. Embargos de declaração não providos.

TRF-3 - AGRAVO DE INSTRUMENTO AI 3481 SP 0003481-58.2014.4.03.0000 (TRF-3)

Data de publicação: 09/12/2014

Ementa: PROCESSO CIVIL. EXECUÇÃO FISCAL. FGTS. REDIRECIONAMENTO. NOME DO SÓCIO NÃO CONSTA DA CDA. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. INEXISTÊNCIA DE VÍCIO. 1. As razões da embargante não demonstram obscuridade, contradição ou omissão. 2. No caso dos autos, foi afastada a responsabilidade do sócio, porquanto seu nome não consta da CDA. Além disso, não houve prova inequívoca da prática de atos, na administração da sociedade empresária, com excesso de poderes ou infração à lei, nem de que a pessoa jurídica teve suas atividades encerradas irregularmente, pelo que não cabe a responsabilização dos sócios pelas dívidas da empresa executada. 3. Não há, no acórdão recorrido, qualquer violação ao art. 535 , do CPC , visto que analisada por completo a questão trazida a lume. 4. Embargos de declaração não providos.

1 2 3 4 5 999 1000 Próxima

ou

×

Fale agora com um Advogado

Oi, está procurando um advogado ou correspondente jurídico? Podemos te conectar com Advogados em qualquer cidade do Brasil.

Escolha uma cidade da lista
Disponível em: http://www.jusbrasil.com.br/busca