Carregando...
JusBrasil - Diários
17 de setembro de 2014
Pg. 66. Suplemento - Seção 1. Diário Oficial da União DOU de 10/10/2011

Pág. 66. Suplemento - Seção 1. Diário Oficial da União (DOU) de 10 de Outubro de 2011

Página 66 Suplemento - Seção 1 10/10/2011DOU

Publicado por Diário Oficial da União (extraído pelo JusBrasil) - 2 anos atrás

ANEXO




Razão Social: SUPRIMEDICAL COMÉRCIO DE PRODUTOS MÉDICOS E HOSPITALARES LTDA 

CNPJ: 05.251.493/0001-56 

Expediente da Petição: 223313/10-4 
  

Endereço: RUA LOPES DA CRUZ 
  

Nº. 310 Complemento: 
  

Bairro: MEIER 

CEP: 22.720-170 

Município: RIO DE JANEIRO 

UF: RJ 

Autorização de Funcionamento Comum n.: K6L4M55WLY3M (803.268-2) 
  

Certificado de Boas Práticas de Armazenamento e Distribuição para os produtos: 
  

Produtos médicos, devidamente registrados junto à ANVISA, enquadrados na classe de risco I, II, III
e IV, conforme regras de classificação definidas na Resolução
2001. 

RDC n. 185, de 22 de outubro de 

RESOLUÇÃO - RE Nº 4.490, DE 5 DE OUTUBRO DE 2011

O Diretor da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, no uso das atribuições que lhe conferem o Decreto de nomeação de 31 de março de 2011, da Presidenta da República, publicado no DOU de 1º de abril de 2011, o inciso VIII do art. 15, o inciso I e o § 1º do art. 55 do Regimento Interno aprovado nos termos do Anexo I da Portaria n.º 354 da ANVISA, de 11 de agosto de 2006, republicada no DOU de 21 de agosto de 2006, e a Portaria nº 1.417 de 20 de setembro de 2011,

considerando o disposto no inciso V do art. 41,da Portaria n.º 354 de 2006,

considerando ainda a Resolução RDC n.º 95, de 08 de novembro de 2000 e que a empresa foi inspecionada cumprindo os requisitos de Boas Práticas de Fabricação - área de produtos para a saúde, resolve:

Art. 1º Conceder à Empresa, na forma do ANEXO, a Certificação de Boas Práticas de Fabricação.

Art. 2º A presente certificação terá validade de 2 (dois) anos a partir de sua publicação.

Art. 3º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.

JAIME CÉSAR DE MOURA OLIVEIRA

ANEXO

Fabricante: BAYER HEALTHCARE LLC, DIABETS CARE

Endereço: 430 S. BEIGER STREET - MISHAWAKA - INDIANA - EUA

Pais: EUA

Importador: BAYER S/A CNPJ: 18.459.628/0001-15

Autorização de Funcionamento Comum n.: 9L01197M373Y (803.843-8)

Expediente da Petição: 312437/10-1

Certificado de Boas Práticas de Fabricação para os produtos:

Produtos médicos fabricados na planta acima mencionada, devidamente registrados por esta empresa junto à ANVISA, enquadrados na classe de risco II, conforme regras de classificação definidas na Resolução RDC n. 185, de 22 de outubro de 2001.

RESOLUÇÃO - RE Nº 4.491, DE 5 DE OUTUBRO DE 2011

O Diretor da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, no uso das atribuições que lhe conferem o Decreto de nomeação de 31 de março de 2011, da Presidenta da República, publicado no DOU de 1º de abril de 2011, o inciso VIII do art. 15, o inciso I e o § 1º do art. 55 do Regimento Interno aprovado nos termos do Anexo I da Portaria n.º 354 da ANVISA, de 11 de agosto de 2006, republicada no DOU de 21 de agosto de 2006, e a Portaria nº 1.417 de 20 de setembro de 2011,

considerando o disposto no inciso V do art. 41,da Portaria n.º 354 de 2006,

considerando ainda a Resolução RDC n.º 95, de 08 de novembro de 2000 e que a empresa foi inspecionada cumprindo os requisitos de Boas Práticas de Fabricação - área de produtos para a saúde, resolve:

Art. 1º Conceder à Empresa, na forma do ANEXO, a Certificação de Boas Práticas de Fabricação.

Art. 2º A presente certificação terá validade de 2 (dois) anos a partir de sua publicação.

Art. 3º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.

JAIME CÉSAR DE MOURA OLIVEIRA

ANEXO

Fabricante: BENCHMARK ELETRONICS (THAILAND) PUBLIC COMPANY LIMITED

Endereço: 94 MOO 1, HI-TECH INDUSTRIAL ESTATE, BANLANE, BANG PA-IN, AYUDHAYA (AYUTTHAYA) - TAILÂNDIA

Pais: TAILÂNDIA

Importador: BAYER S/A CNPJ: 18.459.628/0001-15

Autorização de Funcionamento Comum n.: 9L01197M373Y (803.843-8)

Expediente da Petição: 312329/10-4

Certificado de Boas Práticas de Fabricação para os produtos:

Produtos médicos fabricados na planta acima mencionada, devidamente registrados por esta empresa junto à ANVISA, enquadrados na classe de risco II, conforme regras de classificação definidas na Resolução RDC n. 185, de 22 de outubro de 2001.

RESOLUÇÃO - RE Nº 4.492, DE 5 DE OUTUBRO DE 2011

O Diretor da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, no uso das atribuições que lhe conferem o Decreto de nomeação de 31 de março de 2011, da Presidenta da República, publicado no DOU de 1º de abril de 2011, o inciso VIII do art. 15, o inciso I e o § 1º do art. 55 do Regimento Interno aprovado nos termos do Anexo I da Portaria n.º 354 da ANVISA, de 11 de agosto de 2006, republicada no DOU de 21 de agosto de 2006, e a Portaria nº 1.417 de 20 de setembro de 2011,

considerando o disposto no inciso V do art. 41,da Portaria n.º 354 de 2006,

considerando ainda a Resolução RDC n.º 16, de 23 de abril de 2009, que estabelece critérios de auto-inspeção, as informações constantes na ata, e que a empresa cumpre os requisitos de Boas Práticas de Fabricação - área de produtos para a saúde, resolve:

Art. 1º Conceder à Empresa, na forma do ANEXO, a prorrogação da Certificação de Boas Práticas de Fabricação.

Art. 2º A presente certificação terá validade de 2 (dois) anos a partir de sua publicação.

Art. 3º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.

JAIME CÉSAR DE MOURA OLIVEIRA

ANEXO

Fabricante: ROCHE DIAGNOSTICS GRAZ

Endereço: A-8020 GRAZ, KRAKTYSTRASSE 2 - ÁUSTRIA

Pais: ÁUSTRIA

Importador: ROCHE DIAGNÓSTICA BRASIL LTDA CNPJ: 30.280.358/0001-86

Autorização de Funcionamento Comum n.: 102.874-1

Expediente da Petição: 992792/10-1

Certificado de Boas Práticas de Fabricação para os produtos:

Produtos para diagnóstico de uso in vitro fabricados na planta acima mencionada, devidamente registrados por esta empresa junto à ANVISA, enquadrados nas classes de risco I, II, III e IIIa, conforme regras de classificação definidas na Resolução RDC 206, de 17 de novembro de 2006.

RESOLUÇÃO - RE Nº 4.493, DE 5 DE OUTUBRO DE 2011

O Diretor da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, no uso das atribuições que lhe conferem o Decreto de nomeação de 31 de março de 2011, da Presidenta da República, publicado no DOU de 1º de abril de 2011, o inciso VIII do art. 15, o inciso I e o § 1º do art. 55 do Regimento Interno aprovado nos termos do Anexo I da Portaria n.º 354 da ANVISA, de 11 de agosto de 2006, republicada no DOU de 21 de agosto de 2006, e a Portaria nº 1.417 de 20 de setembro de 2011,

considerando o disposto no inciso V do art. 41,da Portaria n.º 354 de 2006,

considerando ainda a Portaria nº 686 de 27 de agosto de 1998, Resolução RDC n.º 167, de 2 de julho de 2004 e que a empresa foi inspecionada cumprindo os requisitos de Boas Práticas de Armazenamento e Distribuição - área de produtos para a saúde, resolve:

Art. 1º Conceder à Empresa, na forma do ANEXO, a Certificação de Boas Práticas de Armazenamento e Distribuição.

Art. 2º A presente certificação terá validade de 2 (dois) anos a partir de sua publicação.

Art. 3º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.

JAIME CÉSAR DE MOURA OLIVEIRA

ANEXO




Razão Social: HUGO PEREZ FILHO 

CNPJ: 03.026.028/0001-96 

Expediente: 326963/11-9 
  

Endereço: RUA PAISSANDU 
  

Nº. 214 Complemento: 
  

Bairro: PARTENON 

CEP: 90.660-360 

Município: PORTO ALEGRE 

UF: RS 

Autorização de Funcionamento Comum n.º: 103.116-1 
  

Certificado de Boas Práticas de Armazenamento e Distribuição para os Produtos: 
  

Produtos para diagnóstico de uso in vitro, devidamente registrados junto à ANVISA, enquadrados nas
classes de risco I, conforme classificação definida na Resolução
2006. 

RDC 206, de 17 de novembro de 

RESOLUÇÃO - RE Nº 4.494, DE 5 DE OUTUBRO DE 2011

O Diretor da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, no uso das atribuições que lhe conferem o Decreto de nomeação de 31 de março de 2011, da Presidenta da República, publicado no DOU de 1º de abril de 2011, o inciso VIII do art. 15, o inciso I e o § 1º do art. 55 do Regimento Interno aprovado nos termos do Anexo I da Portaria n.º 354 da ANVISA, de 11 de agosto de 2006, republicada no DOU de 21 de agosto de 2006, e a Portaria nº 1.417 de 20 de setembro de 2011,

considerando o disposto no inciso V do art. 41, da Portaria n.º 354 de 2006,

considerando ainda a Resolução RE n.º 1450 de 11 de setembro de 2001, e que a empresa foi inspecionada cumprindo os requisitos de Boas Práticas de Fabricação - área de cosméticos, resolve:

Art. 1º Conceder à Empresa, na forma do ANEXO, Certificação de Boas Práticas de Fabricação de Cosméticos.

Art. 2º A presente certificação terá validade de 02 (dois) anos, a partir de sua publicação.

Art. 3º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.

JAIME CÉSAR DE MOURA OLIVEIRA

ANEXO


Razão Social: INDÚSTRIA DE COSMÉTICOS CARVALHO
LT D A 

CNPJ: 09.006.813/0001-63 

Expediente da Petição: 349677/11-5 
  

Endereço: AVENIDA DOS ITALIANOS 
  

Nº: 196 Complemento: 
  

Bairro: ROCHA MIRANDA 

CEP: 21.510-103 

Município: RIO DE JANEIRO 

UF: RJ 

Autorização de Funcionamento n.º: 204.907-7 
  

Certificado de Boas Práticas de Fabricação para as Linhas de Produção / Formas: 
  

I - A empresa está certificada a fabricar:
COSMÉTICOS, PERFUMES E PRODUTOS DE HIGIENE.
II - Nas seguintes Linhas de Produção / formas:
SEMI-SÓLIDOS 
  

0 Comentário

Faça um comentário construtivo abaixo e ganhe votos da comunidade!

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "gritar" ;)

ou

×
Disponível em: http://www.jusbrasil.com.br/diarios/31324142/pg-66-suplemento-secao-1-diario-oficial-da-uniao-dou-de-10-10-2011