Carregando...
JusBrasil - Diários
17 de setembro de 2014
Pg. 214. Executivo - Caderno 1. Diário Oficial do Estado de São Paulo DOSP de 27/02/2010

Pág. 214. Executivo - Caderno 1. Diário Oficial do Estado de São Paulo (DOSP) de 27 de Fevereiro de 2010

Página 214 Executivo - Caderno 1 27/02/2010DOSP

Publicado por Diário Oficial do Estado de São Paulo (extraído pelo JusBrasil) - 4 anos atrás

8. Agentes etiológicos das hepatites virais e diagnóstico laboratorial.

9. Inflamação crônica versus reumatologia: uma visão integrada.

10. Síndrome da imunodeficiência adquirida: biologia e diagnóstico laboratorial.

11. Artrite reumatóide doenças do tecido conectivo.

12. Lesão do tecido saudável pela resposta imune e suas complicações.

BIBLIOGRAFIA:

ABBAS, A. K.; LICHTMAN, A. H.; PILLAI, S. Cellular and molecular immunology. 6th. ed. California: Saunders Elsevier, 2009. 576p.

AKIMOTO, J.; FUKAMI, S.; TSUTSUMI, M.; HASHIMOTO, T.; MIKI, T.; HARAOKA, J.; KUDO, M. Radiopathological characteristics of cerebellar malignant glioma in adults. Brain Tumor Pathol., v. 26, n.2, p.59-68, 2009.

BI, S.; DAS, R.; ZELAZOWSKA, E.; MANI, S.; NEILL, R.; COLEMAN, G.D.; YANG, D.C.; HAMMAMIEH, R.; SHUPP, J.W.; JETT, M. The cellular and molecular immune response of the weanling piglet to staphylococcal enterotoxin B. Exp. Biol. Med., v. 234, n.11, p. 1305-1315, 2009.

DELVES, P.; MARTIN, S.; BURTON, D.; ROITT, I. Roitt´s essential immunology. 11th. ed. Malden, MA: Wiley-Blackwell, 2006. 496 p.

DIONNE-ODOM, J.; OSBORN, M.K.; RADZIEWICZ, H.; GRAKOUI, A.; WORKOWSKI, K. Acute hepatits C and HIV coinfection. Lancet Infect Dis., v. 9, n. 12, p.775-783, 2009.

DOAN, T.; MELVOLD, R.; WALTENBAUGH, C. Imunologia médica essencial. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006. 226p.

EL-CHENNAWI, F.A.; MOSAAD, Y.M.; HABIB, H.M.; ELDEGHEIDI, T. Compartive study of antinuclear antibody detection by indirect immunofluorescence and enzyme immunoassay in lupus patients. Immunol. Invest., v. 38, n. 8, p. 839-850, 2009.

GUAN J. Cell Migration: developmental methods and protocols. Detroit: Human press, 2005. v. 294, 364p.

GOLDSBY, R.A.; KINDT, T.J.; OSBORNE, B.A. Kuby immunology. 4th ed. New York: W.H. Freeman, 2000. 670 p.

HARDIMAN, G. Microarray innovations: technology and experimentation. New York: CRC PRESS, 2009. 314p. (Drug Discovery Series).

JANEWAY, C.A. et al. Imunobiologia: o sistema imunológico na saúde e na doença. 4. ed. São Paulo: Artmed, 2000. 634 p.

KAUFMANN, S.H.E.; WALKER, B.D. (EDITOR). AIDS and tuberculosis: a deadly liaison. Weinheim: Wiley-VCH Verlag GmbH, 2009. 320 p.

KROPSHOFER, H.; VOGT, A. Antigen presenting cells: from mechanisms to drug development. São Francisco: John Wiley & Sons, 2006. 611p.

LANZA, R. et al. Essentials of stem cell biology. 2nd. ed. London: Academic Press, 2009. 680p.

LIDBURY, B. A.; MAHALINGAM, S. (EDITOR) Gene profiles in drug design. New York: CRC PRESS, 2008. 160p.

PARHAM, P. O sistema imune. Porto Alegre: Artmed, 2001. 372 p.

PASQUALINI, R.; ARAP, W.; SALVESEN, G.; DIXIT, V. Protein discovery technologies. New York: CRC PRESS, 2009. 250p.

PINCUS, T.; YAZICI, Y.; SOKKA, T. Complecities in assessment of rheumatoid arthritis: absence of a single gold standard measure. Rheum. Dis. Clin. North Am., v. 35, n. 4, p. 687-697, 2009.

PINCUS, T.; SOKKA, T. Laboratory tests to assess patients with rheumatoid arthritis: advantages and limitations. Rheum. Dis. Clin. North Am., v. 35, n.4, p. 731-734, 2009.

POLYA, G. Biochemical targets of plant bioactive compounds: a pharmacological reference guide to sites of action and biological effects. London: Taylor & Francis Group, 2009. 860p.

RENSHAW S. Immunohistochemistry: Methods express series. Oxfordshire: Scion Publishing, 2007. 264p.

ROITT, I. et al. Fundamentos de imunologia. 10. ed. Buenos Aires: Editorial Médica Panamericana, 2004. 489 p.

RUMILLA, K.M.; WINTERS, J.L.; PETERMAN, J.M.; JEDYNAK, E.A.; HOMBURGER, H.A. Development and validation of a fluorescent microsphere immunoassay for anti-IgA. Immunohematology, v. 25, n. 1, p. 24-28, 2009.

SIDHU, S.S. Phage display in biotechnology and drug discovery. New York: CRC PRESS, 2005. 768p.

STAVRI, H.; ENE, L.; POPA, G.L.; DUICULESCU, D.; MURGOCI, G.; MARICA, C.; ULEA, I.; CUS, G.; POPA, M.I. Comparison of tuberculin skin test with a whole-blood interferon gamma assay and ELISA, in HIV positive children and adolescents with TB. Roum. Arch. Microbiol. Immunol., v. 68, n. 1, p. 14-19, 2009.

TEMPLETON, N.S. Gene and cell therapy: therapeutic mechanisms and strategies. 3rd. ed. New York: CRC Press, 2008. 1120p.

THOMSON, A.W.; LOTZE, M.T The cytokine handbook. London: Academic Press, 2003. v. 1, 627p.

Periódicos

Brain Tumor Pathology

Bulletin of Experimental Biology and Medicine

Lancet Infectious Diseases

Immunological Investigations

Rheumatic Disease Clinics of North America

Immunohematology

Roumanian Archives of Microbiology and Immunology

(Processo nº 1104/2009 -FCF/CAr.)

CAMPUS DE ASSIS

CAMPUS DE ASSIS

Faculdade de Ciências e Letras

EDITAL Nº 049/2010-FCL/CAs.

(Processo nº 1859/2009)

Acham-se reabertas, nos termos do Despacho nº 1552/2009-RUNESP de 26, publicado no DOE de 27/11/2009, página 43, e com base nas Resoluções UNESP nº 6/2002, 89 e 99/2003, 66/2005, no período de 01 a 08/03/2010, no horário das 9 às 11 e das 14 às 16 horas, na Seção de Comunicações da Faculdade de Ciências e Letras do Campus de Assis, situada na Avenida Dom Antonio nº 2.100, as inscrições ao Concurso Público para contratação de 1 (um) Professor Substituto, em caráter emergencial, no período relativo ao 1º semestre letivo de 2010, sob o regime da CLT e legislação complementar, em jornada de 12 horas semanais de trabalho, junto ao Departamento de Psicologia Clínica, na Disciplina de “Técnicas Projetivas”.

1. DA REMUNERAÇÃO: Correspondente ao valor da referência MS-1, em 12 horas semanais = R$ 561,77.

OBS: Caso o candidato tenha o título de Mestre, de Doutor ou de Livre-Docente, os salários serão, respectivamente, de: Mestre - Ref. MS-2 = R$ 831,33, Doutor - Ref. MS-3 = R$ 1.162,76, Livre-Docente, Ref. MS-5 = R$ 1.386,30.

Por tratar-se de contratação em caráter emergencial e temporária, ainda que o candidato venha a obter titulação acadêmica superior após a assinatura do contrato, esta não será considerada para fins de aumento salarial.

2. São condições para inscrição:

2.1. Poderão inscrever-se candidatos:

a) que sejam Psicólogos, com registro em vigência no Conselho Regional de Psicologia;

b) que estejam freqüentando regularmente Programa de Pós-Graduação em Psicologia, em nível de Mestrado ou Doutorado, ou possuam a titulação de Mestre ou Doutor;

c) que possuam experiência didática em ensino superior; d) que possuam experiência comprovada com instrumentos de avaliação psicológica, especialmente TAT, CAT e Symonds.

2.2. No ato da inscrição os candidatos deverão apresentar requerimento dirigido ao Diretor da Unidade indicando nome completo, número da Cédula de Identidade, idade, filiação, naturalidade, estado civil, residência, profissão, instruindo-o com os seguintes documentos:

2.2.1. cédula de identidade ou protocolo de solicitação ou cédula de identidade de estrangeiro com visto permanente, no caso de estrangeiro (vide nota);

2.2.2. Quando do sexo masculino, possuir documento que comprove estar em dia com as obrigações militares;

2.2.3. Ser eleitor, possuindo documento que comprove estar em dia com as obrigações eleitorais;

2.2.4. Comprovante de recolhimento da taxa de inscrição, a ser efetuado junto à Seção de Finanças, de acordo com o item 3;

2.2.5. Curriculum vitae, devidamente comprovado, acompanhado do histórico escolar, desde a graduação;

2.2.6. Comprovação dos documentos mencionados no item 2.1.;

NOTA. Candidato estrangeiro:

a) será permitido inscrever-se no concurso público com cédula de identidade com visto temporário, entretanto, deverá ser alertado que por ocasião da contratação, será exigida cédula de identidade com visto permanente ou, no mínimo, o visto temporário “item V”, do artigo 22 do Decreto 86.715/81, que dispõe sobre a situação jurídica do estrangeiro no Brasil, com prazo de validade compatível. Será exigido, no prazo de 30 (trinta) dias, a partir da contratação do candidato, a apresentação do protocolo do pedido de transformação do visto temporário em permanente, sob pena de ser declarada a insubsistência da inscrição e de todos os atos decorrentes do concurso público;

b) fica dispensado da apresentação dos comprovantes de quitação com a justiça eleitoral, bem como com o serviço militar, se do sexo masculino;

c) a permanência do estrangeiro no quadro docente da Universidade fica condicionada à apresentação de cédula de identidade com visto permanente;

2.3. No caso de inscrição por procuração, devem ser apresentados os documentos de mandato, de identidade do procurador e aqueles relacionados nos subitens 2.2.1. ao 2.2.6.

3. DO VALOR DA TAXA DE INSCRIÇÃO:

3.1. O valor da taxa de inscrição corresponderá a R$ 61,00. 3.2. De acordo com a Lei nº 12.782, de 20/12/2007, essa taxa será reduzida em 50%, caso os candidatos preencham, CUMULATIVAMENTE, os seguintes requisitos:

3.2.1. sejam estudantes, assim considerados os que se encontrem regularmente matriculados em:

a) uma das séries do ensino fundamental ou médio;

b) curso pré-vestibular;

c) curso superior, em nível de graduação ou pós-graduação. 3.2.2. percebam remuneração mensal inferior a 2 (dois) salários mínimos, ou estejam desempregados.

3.2.3. A concessão de redução ficará condicionada à apresentação pelo candidato, no ato da inscrição:

3.2.3.1. quanto à comprovação da condição de estudante, de um dos seguintes documentos:

a) certidão ou declaração, expedida por instituição de ensino pública ou privada;

b) carteira de identidade estudantil ou documento similar, expedido por instituição de ensino pública ou privada, ou por entidade de representação discente;

3.2.3.2. quanto às circunstâncias previstas no item 3.2.2, de comprovante de renda, ou de declaração, por escrito, da condição de desempregado.

Obs: O candidato deverá apresentar os documentos originais bem como as respectivas cópias para conferência e entrega das mesmas, para posterior análise. As cópias apresentadas não serão devolvidas.

3.2.4. O candidato que tiver interesse na redução da taxa de inscrição, deverá se inscrever nos dois primeiros dias do período de inscrição.

3.2.5. O recebimento e análise dos documentos comprobatórios serão procedidos pela Seção Técnica de Desenvolvimento e Administração de Recursos Humanos da Faculdade de Ciências e Letras do Campus de Assis e, após verificação da autenticidade da documentação apresentada deverá liberar a inscrição do candidato para pagamento da taxa de inscrição.

3.2.6. O deferimento ou indeferimento das solicitações de redução de taxa de inscrição será disponibilizado no local das inscrições e internet (www.assis.unesp.br) no 3º dia das inscrições e, no caso de indeferimento, o prazo para interposição de recurso será de 03 dias contando a data de divulgação.

4. DO DEFERIMENTO E INDEFERIMENTO DE INSCRIÇÕES: 4.1. Será publicada, no DOE, a relação dos candidatos que tiveram suas inscrições indeferidas, por não se enquadrarem nas exigências estabelecidas no presente Edital.

4.2. O candidato poderá requerer, no prazo de 2 (dois) dias corridos, contados da data da publicação a que se refere o item anterior, reconsideração quanto ao indeferimento de sua inscrição.

A reconsideração deverá ser dirigida ao Diretor da Unidade Universitária.

5. DOS TÍTULOS E DAS PROVAS:

5.1. O Concurso Público para contratação emergencial de Professor Substituto será realizado mediante análise curricular e prova didática.

5.2. Os títulos obtidos fora da UNESP serão admitidos para fins de inscrição no concurso, quando expedidos em cursos de Pós-Graduação, cujos programas foram recomendados pela CAPES e reconhecidos pelo MEC;

5.3. Os títulos obtidos no exterior serão considerados para fins de inscrição no concurso, devendo, contudo, ser reconhecida sua equivalência aos títulos conferidos pela UNESP;

5.4. O concurso constará de análise de curriculum em que serão analisadas as atividades de formação didática e científica, com maior relevância para as atividades relacionadas com a área/disciplina em concurso; e prova didática, que constará de aula teórica em nível de graduação, com duração de no mínimo 40 minutos e no máximo 60 minutos, sobre tema a ser sorteado, pelo próprio candidato, com 24 horas de antecedência.

5.5. Os critérios de avaliação encontram-se no Anexo I, deste Edital.

6. DA HABILITAÇÃO, CLASSIFICAÇÃO E DESEMPATE:

6.1. Os candidatos serão classificados conforme pontuação apurada pela Comissão Examinadora do Concurso. Será classificado em primeiro lugar o candidato que obtiver maior número de pontos na análise curricular e na prova didática. Em caso de igualdade de classificação, terá preferência pela contratação o candidato que tiver o maior titulação e mais tempo de experiência em docência.

6.2. O candidato somente estará classificado se obtiver a média final igual ou superior a 7 (sete), por pelo menos dois membros da comissão examinadora.

7. DA CONTRATAÇÃO:

7.1. A contratação emergencial de Professor Substituto será para o período relativo ao 1º semestre letivo de 2010, em jornada de 12 horas semanais de trabalho.

7.2. O contrato de trabalho poderá ser prorrogado, uma única vez, por igual período.

8. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS:

8.1. Caberá recurso à Congregação, no prazo de 2 (dois) dias corridos, contados da data de divulgação do resultado final do concurso. A Congregação terá o prazo de 3 (três) dias corridos para responder o recurso impetrado, a contar da data do protocolo do recurso;

8.2. O prazo de validade deste concurso será de 6 (seis) meses, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período, a critério da Administração, conforme os termos do Ofício Circular nº 17/97-RUNESP;

8.3. A permanência do candidato contratado ficará condicionada ao reconhecimento da equivalência do título pelo CEPE, quando o mesmo tenha sido obtido em curso não credenciado;

8.4. Implicará na rescisão de contrato do servidor:

a) a cessação do motivo que gerou a contratação; e

b) o não reconhecimento da equivalência do título pelo CEPE, por meio da Câmara Central de Pós-Graduação e Pesquisa;

8.5. A inscrição implicará no conhecimento deste Edital e no compromisso de aceitação das condições do concurso, aqui estabelecidas;

8.6. O programa e a Bibliografia do concurso encontram-se no Anexo II, deste Edital.

ANEXO I

PROVA DIDÁTICA

A prova didática será avaliada considerando:

1. PLANO DE AULA:-15 PONTOS

- Adequação dos objetivos ao tema-5

- Dados essenciais do conteúdo-5

- Indicação dos procedimentos e recursos didáticos-0,5

- Indicação das referências bibliográficas atualizadas e padronizadas-1,5

- Linguagem adequada-3

2. DESENVOLVIMENTO DA AULA:

2.1. CONTEÚDO-60 PONTOS

- Apresentação e problematização-12

- Desenvolvimento seqüencial-12

- Articulação do conteúdo com o tema-12

- Exatidão e atualidade-12

- Síntese analítica-12

2.2. EXPOSIÇÃO-25 PONTOS

- Consistência argumentativa: explicitada por questionamentos, exemplificações, dados, informações-8

- Adequação do material didático a conteúdo-5

- clareza, objetividade e comunicabilidade-7

- Linguagem: adequação, correção e fluência-5

PROVA DE TÍTULOS

A prova de títulos será avaliada considerando:

I - FORMAÇÃO E TITULAÇÃO-30 PONTOS

1. Cursos realizados:

1.1. Graduação:

- Bacharelado-1

- Licenciatura-1

1.2. Pós-Graduação

- Especialização:

- 180 horas - na área (*)-1

- fora da área (**)-0,5

- 360 horas - na área-1

- fora da área-0,5

- Mestrado:

- fora da área

- em andamento com créditos concluídos-0,5

- concluído (sem defesa)-0,5

- concluído (com defesa)-1

- na área

- em andamento com créditos concluídos-0,5

- concluído (sem defesa)-1,5

- concluído (com defesa)-2

- Doutorado:

- fora da área

- em andamento com créditos concluídos-0,5

- concluído (sem defesa)-0,5

- concluído (com defesa)-1

- na área

- em andamento com créditos concluídos-1

- concluído (sem defesa)-1,5

- concluído (com defesa)-3,5

- Livre-Docência:

- fora da área-2

- na área-5

1.3. Cursos extracurriculares:

- Cursos de extensão/atualização universitária

- 30 horas-0,2

- 60 horas-0,4

- 90 horas-0,6

- 120 horas-0,8

- 150 horas-1

Para atribuir o valor total de cada atividade, considerar pelo menos dois cursos. No caso de uma atividade, considerar metade do valor.

2. Outras atividades de Formação Profissional:- supervisão-0,5

- análise pessoal-0,5

Para atribuir o valor total de cada atividade, considerar pelo menos 3 anos de atividade efetiva-II - EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL-ATÉ 35 PONTOS

1. Experiência docente:

- No magistério de 1º e 2º graus-1

Considerar, no mínimo, seis meses de experiência

- No magistério superior:

- Graduação-2

- Pós-Graduação:

- Lato sensu-1,5

- Strictu sensu-2,25

- Cursos não curriculares-0,25

Considerar, no mínimo, seis meses de experiência.

2. Palestras e conferências, comunicações em congressos e mesas-redondas:

- palestras e conferências-2,5

Até 5 atividades considerar 0,5 por atividade

- mesas-redondas-2,5

Até 5 atividades considerar 0,5 por atividade

- comunicações-1

Até 5 atividades considerar 0,2 por atividade

3. Atividades de orientação:

- Graduação:

- Iniciação científica - concluídas-1

Até 5 atividades considerar 0,2 por atividade

- em andamento-0,5

Até 2 atividades considerar 0,25 por atividade

- outras-0,5

Até 2 atividades considerar 0,25 por atividade

- Pós-Graduação:

- Especialização - concluídas-0,5

Até 2 atividades considerar 0,25 por atividade

- em andamento-0,25

Considerar no mínimo 1 atividade

- Mestrado - concluídas-1

Até 5 atividades considerar 0,2 por atividade

- em andamento-0,5

Considerar no mínimo 1 atividade

- Doutorado - concluídas-1,5

Até 5 atividades considerar 0,3 por atividade

- em andamento-1

Até 5 atividades considerar 0,2 por atividade

4. Participação em bancas examinadoras:

- Especialização-0,5

- Mestrado-0,5

- Doutorado-1

- Concursos públicos-1

- Qualificação-0,5

- Outras-0,5

Para atribuir o valor total de cada atividade, considerar pelo menos duas bancas examinadoras. (No caso de uma atividade, considerar metade do valor).

5. Participação na organização e coordenação de cursos, simpósios e seminários-1

Até 2 atividades considerar 0,5 por atividade

6. Aprovação em concurso público

Magistério de 1º e 2º graus-0,25

Magistério Superior-0,5

Outros-0,25

Para atribuir o valor total de cada atividade considerar pelo menos duas aprovações em Concursos Públicos. (No caso de uma aprovação considerar metade do valor)

7. Atividades de Supervisão-5

Até 5 anos, atribuir 1 ponto por ano

8. Prática profissional não docente

- prática clínica-3

Até 5 anos, atribuir 0,8 por ano

- outras-2

Até 5 anos, atribuir 0,4 por ano

III - PRODUÇÃO CIENTÍFICA-25 PONTOS

1. Publicações

- livros-6

Até 2 publicações, atribuir 3 pontos por produção

- capítulos, prefácios ou introduções de livros-4

Até 4 publicações, atribuir 1 ponto por produção.

- artigos:

- em periódicos científicos indexados internacionalmente-1,2

Até dois artigos, atribuir 0,6 por artigo

- em periódicos científicos não indexados internacionalmente-1

Até 4 artigos, atribuir 0,25 por artigo.

- em periódicos de divulgação-0,8

Até 4 artigos, atribuir 0,2 por artigo

- resenhas-1,5

Até 5 resenhas, atribuir 0,3 por resenha

- comunicações em Anais de Congressos-1,5

Até 5 comunicações, atribuir 0,3 por comunicação.

- traduções-1

Até 5 traduções, atribuir 0,2 por tradução

2. Produção informatizada:

- publicações-2

Até 5 produções, atribuir 0,4 por publicação.

- material didático-3

Até 5 produções, atribuir 0,6 por material didático

3. Pesquisas já realizadas mas não publicadas-3

Até 5 pesquisa, atribuir 0,6 por pesquisa

IV - OUTRAS ATIVIDADES -ATÉ 10 PONTOS

1. Participação como ouvinte em Congressos, Seminários, Encontros, Simpósios etc.-4

Até 5 participações, atribuir 0,8 por evento

2. Filiação a associação científica-1

Até 2 filiações, atribuir 0,5 por filiação

3. Bolsas de estudo, prêmios e distinções acadêmicas-3

Até 2 atividades, atribuir 1,5 por atividade

4. Atividades administrativas

- membro de colegiados universitários-0,25

Até 5 representações, atribuir 0,05 por atividade

- chefia ou direção-0,5

Até dois exercícios, atribuir 0,25 por atividade

- comissões de assessoramento-0,25

Até 5 representações, atribuir 0,05 por atividade

5. Outras atividades-1

Até 5 atividades, atribuir 0,2 por atividade

(*) na área: psicologia e afins (filosofia, antropologia, sociologia, história, ciências sociais etc)

(**) fora da área: Exatas, Biológicas etc.

A NOTA FINAL SERÁ EXPRESSA NA ESCALA DE 0 A 10.

ANEXO II

PROGRAMA

1- Fundamentos técnicos e teóricos dos testes projetivos e seu uso na prática clínica e na pesquisa

2- Técnicas aperceptivas temáticas e psicodiagnóstico: técnica, limites e questões atuais

3- Contextualização histórica dos testes de apercepção temática e seu uso e significado na atualidade

4- Fundamentação teórica e técnica do uso das técnicas temáticas em estudo de caso

5- Aplicação, correção, análise e interpretação do TAT

6- Aplicação, correção, análise e interpretação do CAT

BIBLIOGRAFIA

1) ANZIEU, D. OS Métodos Projetivos. Rio de Janeiro: Ed. Campus, 1978.

2) CUNHA, Jurema Alcides Cunha e colab. Psicodiagnóstico - V. 5. ed. rev. e ampl. Porto Alegre: Artmed, 2000.

3) FRANÇA E SILVA, E. O Teste de Apercepção Temática de Murray na cultura brasileira. Rio de Janeiro: Fund. Getúlio Vargas, 1984.

4) MONTAGNA, M. Elizabeth. Análise e interpretação do C.A.T. - Teste de Apercepção Temática Infantil. São Paulo: E. P. U.

5) OCAMPO, M. L. S. O processo psicodiagnóstico e as técnicas projetivas. São Paulo: Martins Fontes, 1995.

6) SILVA, Maria Cecília de V. M. Aplicação e Interpretação do Teste de Apercepção Temática. São Paulo: E.P.U.

7) Legislação no site do Conselho Regional de Psicologia (SP): www.crpsp.org.br

8) Legislação no site do Conselho Federal de Psicologia. EDITAL Nº 052/2010 - FCL/CAs.

CONVOCAÇÃO

O Vice-Diretor no exercício da Direção da Faculdade de Ciências e Letras do Campus de Assis, CONVOCA o candidato abaixo relacionado, aprovado no Concurso Público de Títulos e Provas para contratação de Professor Substituto, em caráter emergencial, referência MS-1, em Regime de 12 horas semanais de trabalho, pelo regime jurídico da CLT e legislação complementar, junto ao Departamento de Letras Modernas, nas disciplinas de “Língua Alemã II e IV” e “Prática em Laboratório de Língua Alemã II e IV”, a comparecer no prazo de 5 (cinco) dias úteis, contados da data da publicação deste Edital, junto à Seção Técnica de Desenvolvimento e Administração de Recursos Humanos desta Unidade, situada na Avenida Dom Antonio nº 2.100, para anuência à contratação e apresentação dos documentos abaixo relacionados.

A não apresentação dos documentos no prazo fixado, a inexatidão das afirmativas e/ou a irregularidade dos mesmos implicarão em insubsistência da inscrição e de todos os atos decorrentes do Concurso Público, bem como na perda dos direitos conseqüentes, sem prejuízo das sanções penais aplicáveis à falsidade da declaração.

1- Fotocópia da Cédula de Identidade;

2- Fotocópia da Certidão de nascimento ou de casamento; 3- Fotocópia do Título de Eleitor e prova de estar em dia com as obrigações eleitorais;

4- Fotocópia dos cartões de inscrição no PIS ou PASEP e CIC; 5- Fotocópia do Certificado de Reservista e prova de estar em dia com as obrigações militares;

6- Declaração de bens e valores (Decreto nº 41.865/97); 7- 6 fotos 3x4 iguais e recentes.

CLASSIFICAÇÃO - NOME DO CANDIDATO - RG - HOMOLOGAÇÃO DO CONCURSO - PROCESSO Nº:

1º - Rogério Silva Assis - 22.832.979-6 - DOE de 26/02/2010, página 146 - 1825/2009-FCL/CAs.

EDITAL Nº 053/2010 - FCL/CAs.

CONVOCAÇÃO

O Vice-Diretor no exercício da Direção da Faculdade de Ciências e Letras do Campus de Assis, CONVOCA o candidato abaixo relacionado, aprovado no Concurso Público de Títulos e Provas para contratação de Professor Substituto, em caráter emergencial, referência MS-1, em Regime de 12 horas semanais de trabalho, pelo regime jurídico da CLT e legislação complementar, junto ao Departamento de Letras Modernas, nas disciplinas de “Iniciação à Língua Alemã” e “Literatura Alemã II”, a comparecer no prazo de 5 (cinco) dias úteis, contados da data da publicação deste Edital, junto à Seção Técnica de Desenvolvimento e Administração de Recursos Humanos desta Unidade, situada na Avenida Dom Antonio nº 2.100, para anuência à contratação e apresentação dos documentos abaixo relacionados.

0 Comentário

Faça um comentário construtivo abaixo e ganhe votos da comunidade!

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "gritar" ;)

ou

×
Disponível em: http://www.jusbrasil.com.br/diarios/5179785/pg-214-executivo-caderno-1-diario-oficial-do-estado-de-sao-paulo-dosp-de-27-02-2010