Carregando...
JusBrasil - Jurisprudência
28 de agosto de 2015

TJ-PR - 9167579 PR 916757-9 (Acórdão) (TJ-PR)

Data de publicação: 21/08/2012

Ementa: TRIBUTÁRIO - APELAÇÃO CÍVEL - EMBARGOS À EXECUÇÃO FISCAL ­ ALEGAÇÃO DE DIREITO DE COMPENSAÇÃO ENTRE DÉBITOS TRIBUTÁRIOS E PRECATÓRIO - PEDIDO DE PRODUÇÃO DE PROVA PERICIAL PARA SE APURAR OS ATUAIS VALORES DO PRECATÓRIO E DA CDA - JUIZ QUE DETERMINA O JULGAMENTO ANTECIPADO DA LIDE - AGRAVO RETIDO EM FACE DE TAL DECISÃO ­ ALEGAÇÃO EM PRELIMINAR DE APELAÇÃO ­ AGRAVO RETIDO CONHECIDO E DESPROVIDO ­ PRODUÇÃO DE PROVA PERICIAL - DESNECESSIDADE ­ INOCORRÊNCIA DE CERCEAMENTO DE DEFESA ­ NÃO SE DISCUTE A EXISTÊNCIA DE FATOS, MAS SIM DE RELAÇÃO JURÍDICA - MÁTERIA EXCLUSIVAMENTE DE DIREITO - POSSIBILIDADE DE O MAGISTRADO CONHECER DIRETAMENTE DO PEDIDO - APELAÇÃO CÍVEL - PEDIDO DE SUSPENSÃO - SOBRESTAMENTO DOS AUTOS - STF (RE 566.349/MG)­ IMPOSSIBILIDADE - AUSÊNCIA DE PREVISÃO LEGAL OU LIMINAR DO STF A RESPEITO - PEDIDO DE COMPENSAÇÃO EM EXECUÇÃO FISCAL ­ IMPOSSIBILIDADE - PEDIDO JURIDICAMENTE IMPOSSÍVEL - VEDAÇÃO LEGAL EXPRESSA (ART. 16 , § 2º , LEF )­ MANUTENÇÃO DA SENTENÇA QUANTO À CONCLUSÃO PELA EXTINÇÃO DO PROCESSO SEM JULGAMENTO DE MÉRITO ­ ART. 267 , INCISO VI DO CPC ­ (PRECEDENTES DA 3ª CC )­ ART. 16 , § 3º, DO CPC - RECURSO ESPECIAL REPRESENTATIVO DE CONTROVÉRSIA. ARTIGO 543-C, DO CPC - REsp 1.008.343/SP - MANUTENÇÃO DA SENTENÇA - APELO CONHECIDO E DESPROVIDO

TJ-PR - 9375120 PR 937512-0 (Acórdão) (TJ-PR)

Data de publicação: 02/10/2012

Ementa: TRIBUTÁRIO - APELAÇÃO CÍVEL - EMBARGOS À EXECUÇÃO FISCAL - ALEGAÇÃO DE DIREITO DE COMPENSAÇÃO ENTRE DÉBITOS TRIBUTÁRIOS E PRECATÓRIO - PEDIDO DE PRODUÇÃO DE PROVA PERICIAL PARA SE APURAR OS ATUAIS VALORES DO PRECATÓRIO E DA CDA - JUIZ QUE DETERMINA O JULGAMENTO ANTECIPADO DA LIDE - AGRAVO RETIDO EM FACE DE TAL DECISÃO - ALEGAÇÃO EM PRELIMINAR DE APELAÇÃO - AGRAVO RETIDO CONHECIDO E DESPROVIDO - PRODUÇÃO DE PROVA PERICIAL - DESNECESSIDADE - INOCORRÊNCIA DE CERCEAMENTO DE DEFESA - NÃO SE DISCUTE A EXISTÊNCIA DE FATOS, MAS SIM DE RELAÇÃO JURÍDICA - MÁTERIA EXCLUSIVAMENTE DE DIREITO - POSSIBILIDADE DE O MAGISTRADO CONHECER DIRETAMENTE DO PEDIDO - APELAÇÃO CÍVEL - PEDIDO DE SUSPENSÃO - SOBRESTAMENTO DOS AUTOS - STF (RE 566.349/MG)- IMPOSSIBILIDADE - AUSÊNCIA DE PREVISÃO LEGAL OU LIMINAR DO STF A RESPEITO - PEDIDO DE COMPENSAÇÃO EM EXECUÇÃO FISCAL - IMPOSSIBILIDADE - PEDIDO JURIDICAMENTE IMPOSSÍVEL - VEDAÇÃO LEGAL EXPRESSA (ART. 16 , § 2º , LEF )- RECURSO ESPECIAL REPRESENTATIVO DE CONTROVÉRSIA.ARTIGO 543-C, DO CPC - REsp 1.008.343/SP - ART. 267 , INCISO VI DO CPC - (PRECEDENTES DA 3ª CC )- MANUTENÇÃO DA SENTENÇA QUANTO À FUNDAMENTAÇÃO PELA EXTINÇÃO DO PROCESSO SEM JULGAMENTO DE MÉRITO - CORREÇÃO DE OFÍCIO, NO ENTANTO, DO DISPOSITIVO - APELO CONHECIDO E DESPROVIDO.

STJ - RECURSO ESPECIAL REsp 236138 MS 1999/0097803-0 (STJ)

Data de publicação: 08/05/2000

Ementa: PROCESSUAL CIVIL. ACÓRDÃO OMISSO SOBRE QUESTÕES INVOCADAS PELO MUNICÍPIO. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. VÍCIO INEXISTENTE. SUSPEIÇÃO DO JUIZ. ALEGAÇÃO EM PRELIMINAR DE APELAÇÃO. POSSIBILIDADE. INÉPCIA DA INICIAL. AUSÊNCIA DO PEDIDO PRINCIPAL. DESCONTO DE ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS SOBRE A IMPORTÂNCIA SALARIAL DEVIDA. FALTA DE FUNDAMENTAÇÃO LEGAL. HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS. FIXAÇÃO EQÜITATIVA PELO JUIZ ACIMA DO REQUERIDO PELOS AUTORES. POSSIBILIDADE. REVISÃO DO PERCENTUAL. SÚMULA 07 - STJ. 1. O Juiz deve se pronunciar sobre todos os temas controvertidos da causa; não está obrigado, entretanto, a responder ponto a ponto, todas as alegações das partes, que se irrelevantes podem ser repelidas implicitamente. 2. Não vinga o Recurso Especial fundado no CPC , Art. 535 , II , se não caracterizada a alegada omissão no Acórdão recorrido. 3. A suspeição do Juiz tem momento próprio para ser argüida, bem como via processual adequada. Pode ser alegada, excepcionalmente, em preliminar de Apelação, desde que comprovado qualquer fato superveniente que se adeque dentre as hipóteses enumeradas no CPC , art. 135 ; não é o caso dos autos. 4. Não há que se alegar inépcia da inicial por ausência de pedido principal, se este correspondente na íntegra ao pedido da antecipação dos efeitos da tutela, expressamente mencionado. 5. Inviável a pretensa retenção de encargos previdenciários sobre as importâncias salariais devidas pelo Município aos seus servidores, regidos por normas estatutárias próprias, com fundamento em norma de custeio da Previdência Social Federal, a cargo do INSS (Lei 8.212 /91). 6. A condenação em honorários advocatícios não está adstrita a pedido explícito da parte vencedora, sendo imperiosa sua fixação pelo Juiz em face do princípio da sucumbência. 7. A revisão dessa verba honorária, fixada nos termos do CPC , art. 20 , § 4º , segundo apreciação eqüitativa do Juiz, e atendidas as circunstâncias das alíneas do § 3º do mesmo dispositivo, é inviável nesta sede recursal. Incidência da Súmula 07/STJ. 8. Recurso não conhecido...

STJ - RECURSO ESPECIAL REsp 236138 MS 1999/0097803-0 (STJ)

Data de publicação: 08/05/2000

Ementa: PROCESSUAL CIVIL. ACÓRDÃO OMISSO SOBRE QUESTÕES INVOCADAS PELO MUNICÍPIO. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. VÍCIO INEXISTENTE. SUSPEIÇÃO DO JUIZ. ALEGAÇÃO EM PRELIMINAR DE APELAÇÃO. POSSIBILIDADE. INÉPCIA DA INICIAL. AUSÊNCIA DO PEDIDO PRINCIPAL. DESCONTO DE ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS SOBRE A IMPORTÂNCIA SALARIAL DEVIDA. FALTA DE FUNDAMENTAÇÃO LEGAL. HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS. FIXAÇÃO EQÜITATIVA PELO JUIZ ACIMA DO REQUERIDO PELOS AUTORES. POSSIBILIDADE. REVISÃO DO PERCENTUAL. SÚMULA 07 - STJ. 1. O Juiz deve se pronunciar sobre todos os temas controvertidos da causa; não está obrigado, entretanto, a responder ponto a ponto, todas as alegações das partes, que se irrelevantes podem ser repelidas implicitamente. 2. Não vinga o Recurso Especial fundado no CPC , Art. 535 , II , se não caracterizada a alegada omissão no Acórdão recorrido. 3. A suspeição do Juiz tem momento próprio para ser argüida, bem como via processual adequada. Pode ser alegada, excepcionalmente, em preliminar de Apelação, desde que comprovado qualquer fato superveniente que se adeque dentre as hipóteses enumeradas no CPC , art. 135 ; não é o caso dos autos. 4. Não há que se alegar inépcia da inicial por ausência de pedido principal, se este correspondente na íntegra ao pedido da antecipação dos efeitos da tutela, expressamente mencionado. 5. Inviável a pretensa retenção de encargos previdenciários sobre as importâncias salariais devidas pelo Município aos seus servidores, regidos por normas estatutárias próprias, com fundamento em norma de custeio da Previdência Social Federal, a cargo do INSS (Lei 8.212 /91). 6. A condenação em honorários advocatícios não está adstrita a pedido explícito da parte vencedora, sendo imperiosa sua fixação pelo Juiz em face do princípio da sucumbência. 7. A revisão dessa verba honorária, fixada nos termos do CPC , art. 20 , § 4º , segundo apreciação eqüitativa do Juiz, e atendidas as circunstâncias das alíneas do § 3º do mesmo dispositivo, é inviável nesta sede recursal. Incidência da Súmula 07/STJ. 8. Recurso não conhecido....

TJ-PE - Embargos de Declaração ED 2965168 PE (TJ-PE)

Data de publicação: 12/11/2013

Ementa: PROCESSUAL CIVIL - EMBARGOS DE DECLARAÇÃO -ALEGAÇÃO DE OMISSÃO EM ACÓRDÃO QUE FINDOU POR NEGAR PROVIMENTO AO RECURSO DE APELAÇÃO CÍVEL - INOCORRÊNCIA DE VÍCIO - DECISÃO COLEGIADA EXAURIENTE DO TEMA, LIVRE DE QUALQUER DIFICULDADE DE COMPREENSÃO E ANÁLISE - ENTENDIMENTO DE QUE A SUSPEIÇÃO DO JUIZ SENTENCIANTE DEVE SER ARGUIDA POR MEIO DE EXCEÇÃO DE SUSPEIÇÃO, NÃO CABENDO A SUA ALEGAÇÃO EM PRELIMINAR DE APELAÇÃO - IMPOSSIBILIDADE DE REVISITAR QUESTÕES APRECIADAS E DECIDIDAS - EMBARGOS RECEBIDOS, CONHECIDOS E JULGADOS IMPROCEDENTES - DECISÃO UNÂNIME.

Encontrado em: EM PRELIMINAR DE APELAÇÃO - IMPOSSIBILIDADE DE REVISITAR QUESTÕES APRECIADAS E DECIDIDAS - EMBARGOS...6ª CÂMARA CÍVEL EMBARGOS DE DECLARAÇÃO NA APELAÇÃO CÍVEL Nº 0296516-8 EMBARGANTE: HIRTÁCIDES EMENTA: PROCESSUAL CIVIL - EMBARGOS DE DECLARAÇÃO -ALEGAÇÃO DE OMISSÃO EM ACÓRDÃO QUE FINDOU...

STM - APELAÇÃO AP 00000138320137020102 SP (STM)

Data de publicação: 23/06/2015

Ementa: APELAÇÃO. DEFESA. FALSIDADE IDEOLÓGICA (CPM, ART 312). PRELIMINAR. INCOMPETÊNCIA. ALEGAÇÃO DE ATIVIDADE MERAMENTE ADMINISTRATIVA. IRRELEVÂNCIA. REJEIÇÃO. MÉRITO. SUFICIÊNCIA DAS PROVAS PRODUZIDAS. ANIMUS DE LUDIBRIAR. DESPROVIMENTO. 1. A legislação penal Militar não exige que a atividade seja tipicamente militar para a caracterização do crime contra a Administração Militar. 2. As declarações falsas e a entrega de certidão negativa expedida por Comarca diversa daquela na qual respondia por outro crime, demonstrando o animus de ludibriar a Administração Militar, são elementos probatórios suficientes para a configuração do delito. 3. Preliminar rejeitada. Decisão unânime. 4. Recurso desprovido. Decisão majoritária.

Encontrado em: Termos de Catalogação do Documento: DIREITO PROCESSUAL PENAL MILITAR - APELAÇÃO. DIREITO PENAL... DESEMBARGADORA CONVOCADA JANE SILVA. SUPERIOR TRIBUNAL MILITAR - APELAÇÃO N° 162-40.2010.7.07.0007/PE..., RELATOR MINISTRO FERNANDO SÉRGIO GALVÃO. SUPERIOR TRIBUNAL MILITAR - APELAÇÃO N° 142

STJ - RECURSO ESPECIAL REsp 1325754 MG 2012/0110813-6 (STJ)

Data de publicação: 18/06/2014

Ementa: CONSTITUCIONAL, ADMINISTRATIVO E PROCESSUAL CIVIL. AÇÃO POPULAR. APELAÇÃO CÍVEL. PRELIMINAR DE NULIDADE. NÃO ABERTURA DO PRAZO PARA ALEGAÇÕES FINAIS DE QUE TRATA O ART. 7º , V, DA LEI 4.717 /65. MATÉRIA NÃO ENFRENTADA PELO TRIBUNAL A QUO. VIOLAÇÃO DO ART. 535 DO CPC CONSTATADA. 1. Na Apelação Cível, o recorrente havia suscitado duas nulidades processuais: a primeira, decorrente da ausência de publicação do despacho saneador que lhe indeferiu a produção de provas; a segunda, consistente na não abertura do prazo para alegações finais, em desrespeito ao que estabelece o art. 7º , V, da Lei 4.717 /65. 2. No julgamento do apelo, o Tribunal de Justiça limitou-se a examinar o vício processual por ausência de publicação da decisão, não se debruçando, todavia, sobre a questão atinente às alegações finais. 3. Com a devida vênia do julgamento proferido nos aclaratórios, os fundamentos decisórios lançados na Apelação Cível direcionam à solução da falta de publicação do despacho saneador, o que nenhuma relação guarda com a segunda preliminar suscitada pelo recorrente, atinente à não oportunização para o oferecimento de alegações finais. 4. Patente, pois, a omissão no exame da nulidade relativa ao descumprimento do art. 7º , V, da Lei 4.717 /65. 5. Recurso Especial parcialmente provido.

STM - APELAÇÃO AP 00000589520107010401 RJ (STM)

Data de publicação: 28/10/2014

Ementa: APELAÇÃO. DPU. DESERÇÃO ( CPM , ART. 187 ). PRELIMINAR DE NULIDADE. JUIZ MILITAR COM PARTICIPAÇÃO NA IPD. AUSÊNCIA DE PREJUÍZO. IMPROCEDÊNCIA. MÉRITO. INFRAÇÃO DISCIPLINAR. IMPOSSIBILIDADE. CRIME. DEPENDÊNCIA QUÍMICA. MERA ALEGAÇÃO. 1. O simples fato de um dos Juízes Militares ter auxiliado o MPM durante a IPD não é suficiente para gerar nulidade. O prejuízo indispensável para a caracterização da nulidade não restou demonstrado, uma vez que o Juiz Militar em questão votou pela absolvição do Acusado. 2. A conduta não pode ser apreciada na esfera disciplinar. O próprio RDAER estabelece que, quando há concorrência entre o preceito disciplinar militar e o preceito penal militar, este último deve prevalecer. 3. A simples alegação de dependência de entorpecentes não é suficiente para afastar a ilicitude do delito praticado. Súmula nº 3 do STM. 4. Rejeitada a preliminar e, no mérito, negado provimento ao apelo defensivo. Decisão unânime.

Encontrado em: Termos de Catalogação do Documento: DIREITO PROCESSUAL PENAL MILITAR - APELAÇÃO.DIREITO PENAL... OLIVEIRA DOS SANTOS. SUPERIOR TRIBUNAL MILITAR - APELAÇÃO Nº 10-56.2008.7.03.0030/RS, RELATOR MINISTRO..., CRIME, DESERÇÃO. DEFESA, RAZÕES APELAÇÃO, DESERÇÃO TRATAMENTO INFRAÇÃO DISCIPLINAR. RÉU DEPENDÊNCIA...

TJ-MS - Apelacao Civel AC 5503 MS 2004.005503-0 (TJ-MS)

Data de publicação: 02/08/2004

Ementa: E M E N T A-APELAÇÃO CÍVEL - EMBARGOS À EXECUÇÃO - JULGAMENTO ANTECIPADO DA LIDE - CERCEAMENTO DE DEFESA - ALEGAÇÃO EM PRELIMINAR DE APELAÇÃO - PRECLUSÃO - DEVEDOR NÃO CITADO NOS PRAZOS DO ART. 219 CPC - PRESCRIÇÃO INTERCORRENTE - IMPROVIDO.

Encontrado em: Amorim Apelacao Civel AC 5503 MS 2004.005503-0 (TJ-MS) Des. Claudionor Miguel Abss Duarte

TJ-RS - Apelação Cível AC 70026844126 RS (TJ-RS)

Data de publicação: 07/12/2011

Ementa: APELAÇÃO CÍVEL. AÇÃO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS. SEGUNDA FASE. Ilegitimidade passiva. Cônjuge. O patrimônio transmitido aos herdeiros responde pela solvabilidade da condenação, nos limite do respectivo quinhão, ocorrendo o mesmo com a meeira, casada com o falecido em regime de comunhão universal de bens, cuja parcela patrimonial presume-se formada com o concurso do falecido. Cerceamento de defesa e violação à coisa Julgada. Afastamento pelo mesmo fundamento. Acolhimento do laudo contábil elaborado por perito. Alegações inconsistentes. PRELIMINAR REJEITADA. APELAÇÕES DESPROVIDAS....

Encontrado em: Décima Primeira Câmara Cível Diário da Justiça do dia 07/12/2011 - 7/12/2011 Apelação Cível AC 70026844126 RS (TJ-RS) Bayard Ney de Freitas Barcellos

1 2 3 4 5 999 1000 Próxima
Buscar em:
  • Selecionar tribunais Todos os tribunais
  • Selecionar tribunais Todos os tribunais
  • Selecionar tribunais Todos os tribunais
  • Selecionar tribunais Todos os tribunais
  • Selecionar tribunais Todos os tribunais

ou

×

Fale agora com um Advogado

Oi, está procurando um advogado ou correspondente jurídico? Podemos te conectar com Advogados em qualquer cidade do Brasil.

Escolha uma cidade da lista
Disponível em: http://www.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/busca