Carregando...
JusBrasil - Tópicos
29 de abril de 2016
Auxílio-doença

Auxílio-doença

É um seguro previdenciário. No Brasil, é regulado pela Lei 8.213/91, que é a lei de benefícios da previdência social. Consiste numa renda quase igual ao salário, paga pelo tempo que durar a incapacidade laborativa. É a incapacidade que gera o auxílio, não a simples doença e somente o médico-perito pode verificá-la; com direito à estabilidade no emprego por um ano após o fim do auxílio e ainda uma indenização se houve culpa ou dolo do empregador. (mais)

Andamento do Processo n. 1001223-34.2015.8.26.0296 - Procedimento Comum - 28/04/2016 do TJSP

Processo 1001223-34.2015.8.26.0296 - Procedimento Comum - ASSUNTOS ANTIGOS DO SAJ - AUXILIO DOENCA -Sebastião Donisete Bernardes da Costa - Instituto Nacional do Seguro Social - Inss - Vistos.Declaro

Modelo - Auxílio-doença - Restabelecimento de benefício cessado indevidamente

EXMO (A). SR (A). DR (A) JUIZ (A) FEDERAL DA ___ VARA DO JUIZADO ESPECIAL FEDERAL CIVIL DA SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE XXXXX/XXX. (juízo competente para apreciar a demanda proposta) PARTE AUTORA ,

Para suspender auxilio-doença, INSS precisa promover reabilitação de segurado
Para suspender auxilio-doença, INSS precisa promover reabilitação de segurado

Foi com base no entendimento de que o auxílio-doença não cessa até que o segurado possa retornar a sua atividade habitual ou seja dado como habilitado para desempenhar nova ativida...

Andamento do Processo n. 0003933-32.2008.8.26.0347 - Procedimento Ordinário - 18/04/2016 do TJSP

Processo 0003933-32.2008.8.26.0347 (347.01.2008.003933) - Procedimento Ordinário - Cleber Augusto Kubica - Instituto Nacional do Seguro Social Inss - Vistos.Diante dos pagamentos efetuados nos autos,

Afastamento pelo INSS com 15 ou 30 dias?
Afastamento pelo INSS com 15 ou 30 dias?

Muitos escritórios de advocacia têm sido procurados por empresas para esclarecer as dúvidas sobre a sua responsabilidade sobre o pagamento dos salários dos empregados incapacitados...

Andamento do Processo n. 0011394-45.2015.8.26.0077 - Impugnação ao Cumprimento de Sentença - 14/04/2016 do TJSP

Processo 0011394-45.2015.8.26.0077 (apensado ao processo 0018942-34.2009.8.26) (processo principal 0018942-34.2009.8.26) - Impugnação ao Cumprimento de Sentença - ASSUNTOS ANTIGOS DO SAJ - AUXILIO

O que fazer quando o segurado recebe alta médica do INSS e a empresa recusa o retorno?
O que fazer quando o segurado recebe alta médica do INSS e a empresa recusa o retorno?

É muito comum o trabalhador que recebe o auxílio-doença por algum tempo e tem o benefício cessado em razão do INSS entender que não existe incapacidade, reconhecendo a aptidão para...

Andamento do Processo n. 1001223-34.2015.8.26.0296 - Procedimento Ordinário - 07/04/2016 do TJSP

Processo 1001223-34.2015.8.26.0296 - Procedimento Ordinário - ASSUNTOS ANTIGOS DO SAJ - AUXILIO DOENCA -Sebastião Donisete Bernardes da Costa - Instituto Nacional do Seguro Social - Inss -

Andamento do Processo n. 0002634-85.2015.8.26.0246 - Procedimento Ordinário - 06/04/2016 do TJSP

Processo 0002634-85.2015.8.26.0246 - Procedimento Ordinário - Auxílio-Doença Previdenciário - JOVENITA TEIXEIRA DA SILVA - INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS - Defiro a tutela antecipada,

Resultados da busca JusBrasil para "Auxílio-doença"

STJ - AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL AgRg no REsp 1292797 CE 2011/0270120-4 (STJ)

Data de publicação: 20/03/2013

Ementa: TRIBUTÁRIO. CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA. TERÇO CONSTITUCIONAL DEFÉRIAS E AUXÍLIO-DOENÇA. NÃO INCIDÊNCIA. A contribuiçãoprevidenciária não incide sobre parcela paga a título de terço deférias e de auxílio-doença nos primeiros 15 dias do afastamento.Agravo regimental desprovido.

STJ - RECURSO ESPECIAL REsp 1334467 RS 2012/0146347-8 (STJ)

Data de publicação: 05/06/2013

Ementa: PREVIDENCIÁRIO. APOSENTADORIA POR IDADE. PERÍODO DE GOZO DE AUXÍLIO-DOENÇA. CÔMPUTO PARA FINS DE CARÊNCIA. CABIMENTO. 1. É possível a contagem, para fins de carência, do período no qual o segurado esteve em gozo de benefício por incapacidade, desde que intercalado com períodos contributivos (art. 55 , II , da Lei 8.213 /91). Precedentes do STJ e da TNU. 2. Se o tempo em que o segurado recebe auxílio-doença é contado como tempo de contribuição (art. 29 , § 5º , da Lei 8.213 /91), consequentemente, deve ser computado para fins de carência. É a própria norma regulamentadora que permite esse cômputo, como se vê do disposto no art. 60 , III , do Decreto 3.048 /99. 3. Recurso especial não provido.

Auxílio-doença previdenciário e acidentário

entre o auxílio-doença previdenciário e o acidentário, lembremos que a ocorrência de uma recidiva

Notícia Jurídica • Atualidades do Direito • 19/09/2012

×

ou