Busca sem resultado
jusbrasil.com.br
21 de Junho de 2024

Demissão sem Justa Causa

Conheça seus Direitos

Publicado por Karla Fonseca
há 7 meses

A demissão é um tema que envolve diversas dúvidas e incertezas. Sabemos que esse momento pode ser um dos mais desafiadores na vida de um trabalhador. Por isso, esse artigo busca fornecer orientações e informações importantes que irão ajudá-lo a entender seus direitos e saber como agir nessa situação delicada.

O Que é Demissão Sem Justa Causa?

Primeiramente, é essencial compreender o que significa a demissão sem justa causa. Essa modalidade de encerramento de um contrato de trabalho ocorre quando o empregador decide dispensar um funcionário sem que haja uma razão específica que justifique a demissão. Em outras palavras, o colaborador é desligado sem que tenha cometido uma falta grave que justifique a rescisão.

Por Que a Demissão Sem Justa Causa Ocorre?

Várias situações podem levar a uma demissão sem justa causa. Isso inclui questões como a redução do quadro de funcionários devido a reestruturações na empresa, desempenho insatisfatório do colaborador, término de contratos de experiência ou de prazo determinado, incompatibilidade com a cultura da empresa, mudanças nas atividades da empresa, terceirização de funções, motivos econômicos, aposentadoria do funcionário, ou até mesmo o término do contrato de trabalho por acordo mútuo.

Entendemos que essa decisão pode ser angustiante e muitas vezes inesperada para o trabalhador. O desligamento sem justa causa não significa que o empregado cometeu um erro, mas sim que a empresa está tomando decisões que afetam a continuidade do seu emprego.

Direitos do Trabalhador na Demissão Sem Justa Causa

Agora que sabemos o que é uma demissão sem justa causa, é importante entender os direitos do trabalhador nesse cenário. Quando ocorre uma demissão sem justa causa, o colaborador tem direito a:

  1. Aviso Prévio (que pode ser trabalhado ou indenizado);
  2. Saldo de salário;
  3. 13º salário proporcional;
  4. Férias proporcionais + 1/3;
  5. Horas extras pendentes;
  6. Liberação do FGTS;
  7. Seguro-desemprego;
  8. Carteira de trabalho atualizada;
  9. Documentação da rescisão;
  10. Exame demissional (em algumas situações).

Como Calcular suas Verbas Rescisórias?

O cálculo das verbas rescisórias é um passo crucial nesse processo. Para calcular esses valores, é importante entender as regras específicas para cada tipo de pagamento. Aqui estão algumas informações básicas:

  • O saldo de salário é calculado multiplicando o valor diário do salário pelo número de dias efetivamente trabalhados no mês da rescisão.
  • O aviso prévio, seja trabalhado ou indenizado, varia de acordo com o tempo de serviço na empresa, podendo chegar a 90 dias.
  • As férias proporcionais + 1/3 são calculadas com base no salário e correspondem ao período não usufruído.
  • O 13º salário proporcional é calculado com base nos meses trabalhados no ano antes da demissão.
  • A multa de 40% sobre o FGTS é devida ao funcionário e é calculada sobre o valor total acumulado no FGTS.

Um Novo Começo em Meio às Adversidades

Entendemos que enfrentar uma demissão sem justa causa pode ser emocionalmente desgastante e desafiador. A incerteza sobre o futuro e as mudanças na rotina podem causar ansiedade. No entanto, é importante lembrar que esse é apenas um capítulo da sua jornada.

O término de um contrato de trabalho não define sua identidade nem seu valor como profissional. Pode ser uma oportunidade para buscar novos desafios e crescer pessoalmente. Mantenha-se resiliente, busque apoio emocional quando necessário e lembre-se de que novas portas se abrirão.

É essencial lembrar que cada caso de rescisão pode ter particularidades e nuances específicas. Este artigo é uma orientação geral, mas é altamente recomendado contar com a assistência de um advogado especializado em direitos trabalhistas.



  • Sobre o autorAdvogada Especialista - Muriaé/MG
  • Publicações39
  • Seguidores8
Detalhes da publicação
  • Tipo do documentoArtigo
  • Visualizações38
De onde vêm as informações do Jusbrasil?
Este conteúdo foi produzido e/ou disponibilizado por pessoas da Comunidade, que são responsáveis pelas respectivas opiniões. O Jusbrasil realiza a moderação do conteúdo de nossa Comunidade. Mesmo assim, caso entenda que o conteúdo deste artigo viole as Regras de Publicação, clique na opção "reportar" que o nosso time irá avaliar o relato e tomar as medidas cabíveis, se necessário. Conheça nossos Termos de uso e Regras de Publicação.
Disponível em: https://www.jusbrasil.com.br/artigos/demissao-sem-justa-causa/2034975219

Informações relacionadas

BRAYTNER SANTOS, Advogado
Artigoshá 11 meses

Estabilidade provisória/Garantia no emprego.

Monica Paiva, Advogado
Artigosano passado

Pedido de demissão

Emanuelle Maria Lira Ribeiro, Advogado
Artigoshá 8 meses

Demissão Sem Justa Causa: Quais as verbas o trabalhador deve receber?

Gledis Lucio, Advogado
Artigoshá 7 anos

O Poder disciplinar do empregador

Eduarda Pires Nunes, Advogado
Artigoshá 2 meses

Empregado que pede demissão tem direito a jornada reduzida no aviso prévio?

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)