Busca sem resultado
jusbrasil.com.br
17 de Abril de 2024

Saiba o verdadeiro motivo da alteração de embalagem do sonho de valsa

Tributos

Publicado por Karla Cassiano
há 2 anos

Você se lembra da antiga embalagem dos bombons Sonho de Valsa?

Ela era enroladinha e, para abrir, bastava apenas puxar as duas pontas. A empresa divulgou nas mídias que o motivo da alteração da embalagem foi para a preservação da qualidade do produto, o que pode ter acontecido, porém a razão foi outra...

O que provavelmente você não sabe é que a fabricante deste chocolate usou a lei em seu benefício.

A antiga embalagem classificava o produto como “bombom ou chocolate”, o que ele realmente é. Com isso a empresa se sujeitava a uma alíquota de 5% do IPI.

A empresa alterando a embalagem do produto por um modelo selado alteraria a classificação do produto para “produto de padaria, pastelaria ou da indústria de bolachas e biscoitos”.

Com isso agora o produto é considerado um wafer, cujo a tributação do IPI é de 0%.

Jogada habilidosa, não é mesmo?


  • Sobre o autor Direito Contratual, Direito Civil, Direito do Consumidor, Obras, Ética
  • Publicações3
  • Seguidores2
Detalhes da publicação
  • Tipo do documentoArtigo
  • Visualizações3303
De onde vêm as informações do Jusbrasil?
Este conteúdo foi produzido e/ou disponibilizado por pessoas da Comunidade, que são responsáveis pelas respectivas opiniões. O Jusbrasil realiza a moderação do conteúdo de nossa Comunidade. Mesmo assim, caso entenda que o conteúdo deste artigo viole as Regras de Publicação, clique na opção "reportar" que o nosso time irá avaliar o relato e tomar as medidas cabíveis, se necessário. Conheça nossos Termos de uso e Regras de Publicação.
Disponível em: https://www.jusbrasil.com.br/artigos/saiba-o-verdadeiro-motivo-da-alteracao-de-embalagem-do-sonho-de-valsa/1652590572

Informações relacionadas

Leonardo Vieira, Advogado
Artigoshá 2 anos

Planejamento Tributário: Álbum de Figurinhas e Sonho de Valsa

COAD
Notíciashá 7 anos

Maioria das empresas brasileiras paga impostos indevidamente

Escola Brasileira de Direito, Professor
Artigoshá 7 anos

Classificação das receitas públicas

Lima e Duque Advogados Associados
Modeloshá 8 anos

[Modelo] Pedido de Transferência de Preso

Turnes Advogados, Advogado
Modeloshá 5 anos

[Modelo] Substabelecimento com reserva de iguais poderes

2 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Jogada de mestre. Parabéns para quem teve a brilhante ideia. continuar lendo

ola... Informação equivocada. A Tributação de qualquer produto vem da tabela de NCM (comenclatura comum do mercosul), onde cada produto é classificado em capítulos e desdobramentos de acordo com sua composição e função. Não se pode confundir uma alteração de embalagem com uma mudança de formula do produto. O que antes era um bombom recoberto de chocolate, que era classificado num NCM que trata de produtos de chocolate que contenham cacau, passou a ser um bombom recoberto por WAFER sabor chocolate e com isso deixou de ser classificado como produtos de chocolate. A Alteração da Embalagem foi simplesmente para manter a qualidade do wafer, produto que exige uma embalagem selada para não murchar! Pensar que a embalagem pode diminuir a aliquota, seria o mesmo que pedir pra embalar um carro que pagar 35% de ipi numa embalagem de bombom continuar lendo