criminologia em Todos os Documentos

Mais de 10.000 resultados
Ordenar Por

Criminologias Alternativas - Criminologia feminista

Artigos25/05/2020Thaina Oliveira
Para chegar a tal nível de construção teórica, busca-se análise bibliográfica no campo da história, da sociologia, da filosofia, do direito e da teoria feminista, para enfim chegarmos a Criminologia Feminista. PALAVRAS-CHAVE: Criminologia alternativa. Criminalização. Criminologia Feminista....Objetivos Secundários Compreender como a Criminologia Feminista visa diferenciar-se dos métodos tradicionais, compreendendo as transformações da realidade com contribuições permanentes. Verificar as intersecções entre a Sociologia, a Criminologia e a Vitimologia....REFERÊNCIAS BARATTA, Alessandro - Criminologia Crítica e Crítica do Direito Penal - Introdução à sociologia do Direito Penal - COLEÇÃO Pensamento Criminológico – Nº 1, RJ, Revan, 2011 KOSOVSKI, Ester, PIEDADE JR., Heitor, ROITMAN, Riva - Estudos de Vitimologia, Letra Capital Editora, 2014 FRANÇA, Pat Carlen, AYRES, Leandro – Criminologias Alternativas, Porto Alegre, Canal de Ciências Criminais, 2017 PEREIRA DE ANDRADE, Vera Regina - Criminologia e Feminismo: Da Mulher como Vítima a Mulher como Sujeito de Construção da Cidadania, Palestra proferida no Seminário Internacional Criminologia e Feminismo

Criminologia

Artigos11/03/2022Professor Pedro de Moraes Toledo
A criminologia trata-se de uma ciência empírica que nos auxilia a compreender a dinâmica do Direito Penal porém utiliza-se a criminologia a fim de interrogar, questionar valores e dogmas produzindo uma legislação a qual detém alinhamento com nossa constituição visando sempre o fundamento do Princípio da Dignidade da Pessoa Humana....Também vale ressaltar que a criminologia é uma ciência humana, passível de erros. A criminologia moderna se subdivide-se em dois ramos: Criminologia Geral que trata do estudo em sua parte teórica e Criminologia Clínica (Microcriminologia) o qual aplica-se a teoria na prática identificando a sociedade em seu reflexo atual pois conforme a sociedade se modifica exige-se novos diagnósticos sendo que o estudo da criminologia é dinâmico em um ciclo eterno buscando compreender e desenvolver soluções com finalidade de exercer o controle social....A vitima para a criminologia não se resume apenas ao sujeito passivo do crime como no Direito Penal mas sim há um estudo aprofundado onde compreendemos a partir da vitimologia. A definição do crime para a criminologia visa um aspecto muito mais amplo que no Direito Penal o qual neste trata-se apenas do conceito analítico, sendo o crime um fato típico , antijurídico e culpável, já na criminologia ocorre a critica de alguns tipos penais.

Criminologia

Artigos20/04/2021Ronaldo Ramiro
Criminologia: o homem delinquente e a sociedade criminógena. Coimbra, 1997. p. 8). Objetos e funções da criminologia Ao longo da história, a abordagem dos criminólogos quanto aos objetos da Criminologia não foram estanques. A Criminologia possui, como objetos, o delinquente, o delito, a vítima e o controle social. Modernamente, os Criminólogos críticos se debruçam sobre um objeto em especial: o controle social, abandonando o paradigma etiológico da criminologia tradicional....Criminologia e Política Criminal A criminologia é necessariamente cercada por uma interdisciplinaridade, não somente com o direito e outras ciências, mas também com medidas de política criminal. Todavia, o II Congresso Internacional de Criminologia, realizado em 1950, não considerou a penologia e a política criminal como objetos da Criminologia. O fundamento foi de que a Criminologia seria vaga e heterogênea, com métodos de tratamento ainda em evolução e com incerteza sobre o valor de tais métodos....Criminologia. 7. ed. São Paulo: Editora RT, 2010.

Criminologia

Artigos26/02/2022Osny Brito
Criminologia Criminologia é diferente de direito penal (atos que serão considerados crimes e não pode ser praticado pela sociedade) o direito penal tem limite, a criminologia vai dar subsídio para criar leis úteis para a sociedade. Temos que tomar cuidado com a lei penal simbólica, com estardalhaço na mídia e sem efeito nenhum, não existem leis mágicas para controlar o crime. A criminologia aponta o caminho para que o Estado adote politicas criminais mais adequadas....O direito penal não dar o diagnostico da criminalidade, pois trata apenas de norma, a criminologia é quem faz o exame no caso concreto. A criminologia vai estudar o fundo o conflito criminal, de uma forma cientifica, um conhecimento próximo do fenômeno criminal. A criminologia tem colocado que nos pequenos crimes, existe um número elevado de crimes que não chegam ao conhecimento da polícia.

Criminologia como Ciência

Artigos04/12/2020Pollyana Marilia Garcia de Araujo
Há, pois, uma Criminologia brasileira, como uma Criminologia chinesa, uma Criminologia iuguslava, enfim, uma Criminologia própria de cada raça ou nacionalidade”. Destarte, malgrado alguns que lhe neguem o caráter científico, aflora pacífico que a Criminologia é ciência. Ciência que aborda o acontecimento delitivo em seus aspectos individual e anti-social e na sua causação, inclusive destacando seus provocativos no intento de atenuar a incidência delituosa....Relação da Criminologia com outras Ciências RELAÇÃO DA CRIMINOLOGIA COM OUTRAS CIÊNCIAS Não haverá qualquer exagero em afirmar que a Criminologia praticamente se relaciona com todas as ciências e áreas do conhecimento humano, desde que propiciadoras de maior percepção ao fenômeno do cometimento criminal e a personalidade do delinquente. Verdadeiramente, a Criminologia se vincula a todas as demais ciências que se ocupam do crime, do criminoso e da pena....A par disso, é o Direito Penal que delimita o objeto da Criminologia, fornecendo-lhe, até, o juízo valorativo do fato criminoso.É a Criminologia, por outro lado, que oferta ao Direito Penal os subsídios para o julgamento do fato criminoso. Destarte, a Criminologia é ciência propedêutica do Direito Criminal. Não obstante, enquanto o Direito Penal tem como objeto a culpabilidade, o objeto da Criminologia é a periculosidade. Enquanto o Direito Penal encara o crime como fato antijurídico, a Criminologia o vê como uma conduta anti-social.

As Vertentes da Criminologia

Artigos28/11/2019Nathan Castaño
As vertentes da criminologia na história e hoje em dia A criminologia possui diferentes vertentes, sendo elas a criminologia científica, acadêmica, analítica, crítica e cultural. A criminologia científica, se refere ao estudo centrado em causas e objetos do crime, entende a criminalidade como fenômeno individual e social, tenta explicar o comportamento que levou ao crime, o criminoso, a vítima e a reação social que tal crime ocasionou, de forma resumida, a criminologia científica é a criminologia teórica que busca entender os fatores externos do crime....A criminologia acadêmica, é a estudo criminológico que tem como objetivo principal os fins pedagógicos, ou seja, ela estuda o crime com a intenção de utiliza-lo para transmitir conhecimentos acerca dele. A criminologia analítica, tem como objetivo determinar se outras classes de criminologias e política criminal cumprem com seus objetivos, tem a função de supervisar o que será realizado e o que não será realizado, implica uma série de operações que irão validar ou invalidar as informações criminológicas....A criminologia crítica, estuda os processos criminais como criminalização com base em fatores históricos da construção social do comportamento criminoso, elaborados com o objetivo de manter as desigualdades sociais financeiras de classes, essa criminologia tem como objetivo disponibilizar alternativas a sociedade capitalista, por eles interpretada como causadora da desigualdade social e criminal, a criminologia crítica entende que o principal fator do crime é disparidade econômica entre as classes.

O que é a Criminologia?

Artigos09/07/2020Lincoln Paulino
Criminologia: De acordo com Edwin H. Sutherland “criminologia é um conjunto de conhecimentos que estudam o fenômeno e as causas da criminalidade, a personalidade do delinquente, sua conduta delituosa e a maneira de ressocializá-lo”. Trata-se de ciência empírica que estuda o crime, o criminoso, a vítima e as formas possíveis de controle social dos delitos. O caráter empírico reside no fato de a Criminologia extrair suas conclusões de observações de casos concretos e pesquisas de campo com criminosos....A criminologia envolve a antropologia criminal (estudo da constituição física e psíquica do delinquente), inaugurada por LOMBROSO com a obra “O homem delinquente”, bem como, a psicologia criminal (estudo do psiquismo do agente da infração penal) e a sociologia criminal (estudo das causas sociais da criminalidade). Até chegar à atual concepção, a Criminologia passou por diversas fases que chamamos de escolas....Enquanto a criminologia “considera, verticalmente, a criminalidade (conceito criminológico)”, o direito penal “considera, horizontalmente, o crime (conceito jurídico)”. O berço da Criminologia: Há quem atribua o nascimento da Criminologia à Escola Clássica (séculos XVIII e XIX), surgida a partir do Iluminismo. Seus pensadores (Feuerbach, Beccaria, Bentham, Carrara, Rossi e outros), de fato, preocuparam-se em estudar sistematizadamente o crime e o criminoso, debruçando-se sobre as causas da delinquência e os meios adequados para combatê-la.

Criminologia

Artigos15/05/2015Giovanna Pissutto
Conceito, definição e Criminologia como ciência. Introdução O presente artigo visa definir e conceituar a Criminologia, bem como analisar seu objeto e suas relações com o Direito Penal. Ainda, a partir da análise histórica da Criminologia, é possível concluir que seu estudo está ligado à vítima e ao fenômeno criminal, e não ao crime propriamente dito, parte encarregada pelo Direito Penal. No decorrer do artigo, será possível compreender o estudo e opiniões de doutrinadores em relação à classificação da Criminologia como ciência....Com relação ao método, os contrários afirmam não ser a Criminologia uma ciência, por não ter um método determinado, uma vez que ela se vale de dois métodos, o biológico e o sociológico. Abordando o assunto em sua obra Manual de Criminologia, Israel Drapkin argumenta dizendo, inicialmente, que a Criminologia efetivamente usa os métodos biológico e sociológico e exemplifica: “se a Biologia é uma ciência, não há razão para que não o seja a Criminologia, que usa o seu método”....Diante disso, é oportuno citar ainda uma vez Vitorino Prata, que reconhecendo a condição de ciência da Criminologia, sublinha: “Embora o homem seja o mesmo em qualquer parte do mundo, os crimes têm características diferentes em cada continente, devido á cultura e á história própria de cada um. Há, pois, uma Criminologia brasileira, como uma Criminologia chinesa, uma Criminologia iuguslava, enfim, uma Criminologia própria de cada raça ou nacionalidade”.

Criminologia.

Artigos04/01/2020Sergio Tricor
Criminologia. Pretende-se em poucas linhas discorrer sobre o tema Criminologia e, sua aplicação na segurança pública em conformidade com o artigo 144 da CRFB de 1988. Em breves palavras, Criminologia é uma ciência empírica, pois apresenta resultados a partir da observação; interdisciplinar, pois une outros ramos de estudos para contribuir com seus resultados....Veja que a tal interdisciplinaridade, elementar para os estudos criminológicos e, para o combate à violência, não tem sido adotado no modelo de segurança pública brasileiro, pois o que vemos de concreto é uma atuação repressiva ao invés de preventiva, caminho apontado como correto pela Criminologia....Com base no estudo da criminologia, devemos repensar os métodos utilizados em nosso modelo de segurança pública, trazendo aqueles entes descritos no artigo 144 da Constituição Federal , para conversar com estudiosos da área das ciências criminais, na busca de informações sobre os indivíduos, delinquente e aqueles que vivem em ambientes propícios a leva-los a delinquir. Se assim for, estaremos aplicando de modo efetivo o importante e indispensável estudo da Criminologia em nossa segurança pública. Sergio Tristão Corteletti , advogado criminalista no Espirito Santo.

Introdução a Criminologia

Artigos13/03/2019Dra Andressa Guerra
Este artigo traz o introito da Criminologia, destacando os pontos de maior relevância dentro desta ciência. A criminologia, em geral é a ciência que estuda a criminalidade e suas peculiaridades. Mas para definirmos melhor seu conceito podemos citar Edwin SUTHERLAND [1] , um dos líderes da criminologia norte americana, que define a criminologia como “conjunto de conhecimentos sobre o delito como fenômeno social. Inclui em seu âmbito, os processos de elaboração de leis, de infração das leis e de reação à infração das leis, bem como da extensão do fenômeno delitivo”....O CONTROLE SOCIAL também é fruto de estudos da criminologia. Shecaira define como: “Conjunto de mecanismos e sanções sociais que pretendem submeter o indivíduo aos modelos e normas comunitários”. A criminologia é uma ciência que possui métodos, objetos e funções próprias. Se valha de outros ramos de conhecimento, mas não se confunde com eles, ou seja, a criminologia é uma ciência PRÓPRIA. Vale destacar que, a ciência da criminologia não se confunde com o Direito Penal, embora tratem de assuntos do mesmo ramo e conhecimento....Criminologia: uma introdução a seus fundamentos teóricos. Tradução de: Luiz Flávio Gomes. 3ª. ed. Revista dos tribunais. São Paulo, 2002. [3] SUMARIVA, Paulo. Criminologia: teoria e prática. 4. ed. Rio de Janeiro: Impetus. 2017. [4] SUMARIVA, Paulo. Criminologia. Teoria e Prática. Niterói, RJ: Impetus, 2013, p. 10
Conteúdo exclusivo para assinantes

Acesse www.jusbrasil.com.br/pro e assine agora mesmo