Página 10397 da Suplemento - Seção III do Diário de Justiça do Estado de Goiás (DJGO) de 15 de Dezembro de 2020

Por que esse conteúdo está aqui?
O Jusbrasil não cria, edita ou altera o conteúdo exibido. Replicamos somente informações que foram veiculadas pelos órgãos oficiais.Toda informação aqui divulgada é pública e pode ser encontrada, também, nos sites que publicam originalmente esses diários.

4) Intime-se o Ministério Público.

5) Ressalto que nenhum ato será adiado, portanto fica (m) autorizada (s) a (s) condução (s) coercitiva (s) (art. 80 da Lei 9.099/95).

6) Consoante arts. 79 e 81, ambos da Lei 9.099/95, se na fase preliminar não houver a possibilidade de tentativa de conciliação e de oferecimento de proposta pelo Ministério Público, após dada a palavra ao (a/s) defensor (a/s) para resposta à acusação, será analisada a possibilidade de recebimento ou não da denúncia ou queixa-crime e em caso positivo, serão ouvidas a (s) vítima (s), se houver, e as testemunhas de acusação e de defesa, interrogando-se a seguir o (a/s) acusado (a/s), passando-se aos debates orais e à prolação de sentença.

Cumpra-se.

Hidrolândia, datado e assinado eletronicamente.

Wilsianne Ferreira Novato

Juíza de Direito