Página 33 da Caderno Jurisdicional das Comarcas do Diário de Justiça do Estado de Santa Catarina (DJSC) de 29 de Abril de 2021

Por que esse conteúdo está aqui?
O Jusbrasil não cria, edita ou altera o conteúdo exibido. Replicamos somente informações que foram veiculadas pelos órgãos oficiais.Toda informação aqui divulgada é pública e pode ser encontrada, também, nos sites que publicam originalmente esses diários.

O leilão a partir do momento que estiver disponível no portal eletrônico ou com sua data inicial da abertura para lances no site estará apto a receber lances. Toda vez que um lance é ofertado durante os últimos 3 (três) minutos de apregoamento de um lote, será concedido tempo extra, retroagindo o cronômetro disponível na seção “Painel de Pregão” do Portal www.leiloeirozampieri.com.br a 3 (três) minutos do encerramento, de forma a permitir que todos os interessados tenham tempo hábil para ofertar novos lances. No horário indicado deste edital para o início do apregoamento será colocado o (s) lotes (s) em pregão e disparado o cronômetro retroagindo os 3 (três) minutos para o seu encerramento, providenciando assim igualdade de condições entre os licitantes.

Local: LEILÃO ELETRÔNICO: Através do site WWW. LEILOEIROZAMPIERI.COM.BR.

NELSON ZAMPIERI, Leiloeiro Público Oficial, devidamente autorizado pela EXMA. SRA. DRA. DAYSE HERGET DE OLIVEIRA MARINHO, Juíza de Direito da 3ª Vara Cível da Comarca de Balneário Camboriú/SC, venderá em Praça/Leilão Judicial na modalidade Leilão Eletrônico (online), na forma da Lei, em dia, hora e local supracitados, os bens penhorados nos processos a seguir:

Em razão da nova modalidade digital de alienações judiciais e leilões, conforme Resolução 236 do Conselho Nacional de Justiça, Resolução CM N. 2 de 9 de Maio de 2016, expedida pelo Conselho de Magistratura do Novo Código de Processo Civil, Lei 13.105/2015, a realização do leilão judicial, por meio eletrônico, ocorrerá nos termos do artigo 882, parágrafo primeiro, 886 inciso IV, artigo 887, parágrafos primeiro e segundo, do Novo CPC, artigo 5º, da resolução CM N. 2 de 09 de maio de 2016, expedida pelo Conselho Magistratura de SC, artigos 11(parágrafo único) ,20 E 21 da resolução 236 de 13 de julho de 2016, expedida pelo Conselho Nacional de Justiça. A consignação de lance mínimo pelos licitantes, ocorrerá em valor superior a 50% (cinquenta por cento) da avaliação do (s) bem (ns) penhorado (s), nos termos do artigo 891, parágrafo único do Novo CPC, salvo determinação judicial em contrário.

ADVERTÊNCIA: 01) Ficam desde já as partes, seus cônjuges, se casados forem, credores hipotecários, usufrutuários ou senhorio direto havendo, INTIMADOS pelo presente EDITAL DE INTIMAÇÃO DE LEILÃO JUDICIAL, para todos os atos aqui mencionados, caso se encontrem em lugar incerto e não sabido ou não venham a ser localizadas pelo Sr. Oficial de Justiça, suprindo, assim, a exigência contida no NCPC. 02) O (s) executado (s) fica (m) automaticamente intimado (s) pelo presente Edital, nos termos do artigo 889, Parágrafo Único do NCPC.

CUMPRIMENTO DE SENTENÇA Nº 5000252-11.2010.8.24.0005/ SC

EXEQUENTE: EZIO EMIR GRACHER

EXECUTADO: CONSTRUTORA E COM H SCHULTZ E CIA LTDA (REPRESENTADO)

REPRESENTANTE LEGAL DO EXECUTADO: OSMAR SCHULTZ (REPRESENTANTE)

REPRESENTANTE LEGAL DO EXECUTADO: ORLANDO SCHULTZ (REPRESENTANTE)

BEM PENHORADO: 01 (um) Imóvel matriculado sob nº 80.983 do 1º Ofício de Registro de Imóveis, representado pelo lote nº 77, da quadra I, do Loteamento Parque Residencial Nossa Senhora Aparecida, Canto da Praia, Balneário Camboriú-SC. Sem benfeitorias. MATRÍCULA Nº: 80.983: Lote nº 77, da quadra I, do Loteamento Parque Residencial Nossa Senhora Aparecida, Canto da Praia, nesta cidade, área de 320.00m², medindo 20,00m de frente, ao Sul, com a Rua Uruguai e igual metragem nos fundos, ao Norte, com o lote 78; estrema a Oeste com a Rua ¨D¨ e a Leste com o lote 75, medindo 16,00m em ambas as estremas.

R.1-80983 - PENHORA ofício nº 841449 - protocolo nº 166809 de 02/04/2002

R.2-80983 - PENHORA - protocolo nº 194223 de 17/01/2006

R.3-80983 - ARRESTO - protocolo nº 198066 de 24/07/2006

R.4-80983 - PENHORA - protocolo nº 200579 de 14/11/2006

AV.5-80983 - CANCELAMENTO PARCIAL - ofício extraído do nº 005.93.001271-7 - protocolo nº 217013 de 16/02/2009

R.6-80983 - PENHORA - protocolo nº 235399 de 07/11/2011

R.7-80983 - BLOQUEIO ADMINISTRATIVO DE MATÍCULA -

protocolo nº 21/12/2011.

AV.8-80983 - BLOQUEIO DE MATRÍCULA - protocolo nº 256333 de 08/10/2014

R.9-80983 - PENHORA - protocolo nº 256335 de 08/10/2014

AV.10-80983 - CANCELAMENTO PARCIAL - ofício nº 00590012610-000-001, somente em relação aos AUTOS Nº 005,93,001261-0 - 005.93.001262-8 - 005.93.001273-3 - protocolo nº 261835 de 11/08/2015.

R.11-80983 - PENHORA - protocolo nº 270461 de 06/12/2016. AV.12-80983 - CANCELAMENTO PARCIAL - somente em relação aos Autos nº 0001257-52.1993.8.24.0005 e nº 0001407-33,1993,8,24,0005 - protocolo nº 280228 de 07/05/2018.

AVALIAÇÃO TOTAL: R$ 350.000,00 (Trezentos e cinquenta mil reais). DEPOSITÁRIO (A): O Executado LOCALIZAÇÃO: O Próprio Imóvel

Observação/Condições/Advertências:

Este edital está publicado no site www.leiloeirozampieri.com.br. Para bens móveis o pagamento será á vista e nos casos de bens imóveis, a arrematação poderá ser feita de forma parcelada (mas sempre respeitada a preferência pelo pagamento à vista) sempre o maior valor. Para os imóveis nos processos em que é exeqüente a Fazenda Nacional, com exceção das execuções referentes ao FGTS, poderá o arrematante, com base no artigo 98, § 11, da Lei nº 8.212/91, com redação que lhe deu a Lei n. 9.528, de 10 de dezembro de 1997, parcelar o valor da arrematação pelo prazo de até sessenta vezes, desde que a parcela mínima seja de R$ 500,00 (quinhentos reais), nos termos do que dispõe o art. 98, da Lei n.º 8.212/91, o valor de cada parcela, por ocasião do pagamento, será acrescido de juros equivalentes à taxa referencial do Sistema Especial de Liquidação e Custódia (SELIC), acumulada mensalmente, calculados a partir da data da arrematação até o mês anterior ao do pagamento, e de 1% (um por cento) relativamente ao mês em que o pagamento estiver sendo efetuado, (redação atualizada), combinado com a Portaria PGFN nº 79 de 03/02/2014, (DOU nº 26 de 06/02/2014), com observância das garantias ali previstas (hipoteca ou penhor em favor da União, conforme o caso).No caso de bens imóveis,(com exceção em que a exeqüente é a Fazenda Nacional) a arrematação poderá ser feita de forma parcelada. (Art. 895. O interessado em adquirir o bem penhorado em prestações poderá apresentar, por escrito: I - até o início do primeiro leilão, proposta de aquisição do bem por valor não inferior ao da avaliação; II - até o início do segundo leilão, proposta de aquisição do bem por valor que não seja considerado vil. § 1º A proposta conterá, em qualquer hipótese, oferta de pagamento de pelo menos 25% do valor do lance à vista e o restante parcelado em até 30 (trinta) meses, garantido por caução idônea, quando se tratar de móveis, e por hipoteca do próprio bem, quando se tratar de imóveis. § 2º As propostas para aquisição em prestações indicarão o prazo, a modalidade, o indexador de correção monetária e as condições de pagamento do saldo (no caso do leilão eletrônico a proposta deverá ser encaminhada antes dos leilões para o leiloeiro via e-mail leiloeirozampieri@gmail.com e contatar o leiloeiro via fone 47 9 9680.3994/ 3337.0445), OBS: CASO O PROPONENTE NÃO ENVIE A PROPOSTA DE LANCE PARCELADO E DESEJA OFERTAR NESTA MODALIDADE DE PAGAMENTO, FICA CONDICIONADO QUE O PAGAMENTO SERÁ COM 25 % DE ENTRADA Á VISTA E O SALDO EM 30 PARCELAS CORRIGIDAS PELO INPC OU OUTRO ÍNDICE QUE VIER SUBSTITUÍLO, E O PRÓPRIO IMÓVEL DA ARREMATAÇÃO FICARÁ COMO GARANTIA/HIPOTECADO§ 4º No caso de atraso no pagamento de qualquer das prestações, incidirá multa de 10% sobre a soma da parcela inadimplida com as parcelas vincendas. § 6º A apresentação da proposta prevista neste artigo não suspende o leilão. § 7º A proposta