Página 5613 da Judiciário do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT-1) de 30 de Abril de 2021

Por que esse conteúdo está aqui?
O Jusbrasil não cria, edita ou altera o conteúdo exibido. Replicamos somente informações que foram veiculadas pelos órgãos oficiais.Toda informação aqui divulgada é pública e pode ser encontrada, também, nos sites que publicam originalmente esses diários.

NCPC, art. 385, § 2º,art. 387 do NCPC e artigos 765, 659, I , 775 e824 da CLT).

Na hipótese de a testemunha estar fora de sua residência, tal fato deverá ser comunicado, inclusive, com a indicação do LOCAL ONDE PODERÁ SER OUVIDA PARA ANÁLISE DA VIABILIDADE PELO JUÍZO, VALENDO O SILÊNCIO COMO DESISTÊNCIA DA PROVA ORAL. Na hipótese da viabilidade de as partes e testemunhas participarem da instrução virtual com a manutenção das normas sanitárias exaradas pelas autoridades públicas competentes, deverão ser fornecidos os dados para contato telefônico e/ou eletrônico das partes, dos advogados e testemunhas a serem ouvidas, em petição à parte, submetida a sigilo, para preservar a privacidade das pessoas envolvidas ;

As testemunhas também devem estar munidas de CTPS. Ressalta-se que se faz necessária a apresentação da CTPS como prova do período em que a testemunha trabalhou como empregado, possibilitando a limitação da prova. Ficam advertidas as partes que não serão ouvidas as testemunhas que foram empregadas e que não estejam portando sua CTPS .

Deverá ser JUSTIFICADO na petição qualquer óbice à realização da audiência de instrução por videoconferência pelas partes, a ser apreciado pelo juízo, tais como:

1) impossibilidade técnica ou de ordem prática para a adesão à medida;

2) hipótese de as partes requererem a não realização da audiência por convenção (artigo 362, I, do CPC/2015);

3) pedido de suspensão do processo por convenção das partes (artigo 313, II, do NCPC);

4) pedido de suspensão do processo por motivo de força maior, entendida esta como a impossibilidade de prosseguimento do feito por motivos alheios à vontade das partes (artigo 313. IV, do NCPC).

Na hipótese de o processo versar sobre direitos que permitam autocomposição é permitido às partes entabularem negócio processual, desde que justificado ao juiz, que controlará e decidirá sobre a validade das convenções previstas no artigo 190, parágrafo único, do CPC/2015.

Ficam cientes as partes que a não delimitação / especificação dos fatos controvertidos que serão objeto da prova testemunhal, IMPLICARÁ NA INEXISTÊNCIA DE INTENÇÃO DE PRODUZIR MAIS PROVAS , atraindo a aplicação do previsto no artigo 355, inciso I do CPC c/c artigo 15 do mesmo diploma legal.

Transcorrido os prazos dos itens acima, sem haver necessidade da produção de prova oral, venham os autos conclusos para julgamento antecipado da lide, na forma do artigo 355 do CPC. Ficam as partes advertidas quanto à litigância de má-fé em caso de requerimento de produção de atos inúteis ou desnecessários à declaração ou à defesa do direito (art. 77, III, do CPC, c/c art. 793-B, V, da CLT).

Na hipótese de inviabilidade da prova oral virtual,deverão as partes informar se pretendem a realização da prova oral presencial quando for determinado o retorno das audiências de instrução presenciais.

A delimitação das provas e as determinações acima permanecemna hipótese de realização de prova oral na modalidade presencial;

Na intimação das partes, deverá constar, expressamente, a possibilidade de homologação de acordo a qualquer tempo, através da análise de petição das partes.

NITEROI/RJ, 30 de abril de 2021.

ANELISA MARCOS DE MEDEIROS

Juíza do Trabalho Substituta

Processo Nº ATOrd-0100845-31.2020.5.01.0246

RECLAMANTE SILVANO DA SILVA AZEVEDO

ADVOGADO LUCIANA SANCHES COSSAO(OAB: 147421/RJ)

RECLAMADO DROGARIAS PACHECO S/A

ADVOGADO TATIANE DE CICCO NASCIMBEM CHADID(OAB: 214713/RJ)

Intimado (s)/Citado (s):

- SILVANO DA SILVA AZEVEDO

INTIMAÇÃO

Fica V. Sa. intimado para tomar ciência do Despacho ID eb47f78

proferido nos autos.

DESPACHO

O art. 1º do Ato nº 11/GCGJT veda expressamente, durante a vigência do regime de trabalho diferenciado, a designação de atos presenciais, tais como audiências e depoimentos, ressalvada a prática dos atos processuais por meio telepresencial.

As partes manifestaram interesse na produção de prova oral.

Inicialmente, mister salientar que, apesar da previsão de início da Etapa 2 do Plano de Gestão de Crise Covid-19, na forma do Ato Conjunto nº 14/2020, com a alteração dada pelo Ato Conjunto nº 05/2021, modificado pelo Ato Conjunto nº 32/2021, a partir do dia 03 de maio de 2021, com a possibilidade de designação de audiências híbridas e/ou presenciais, não há ainda regulamentação quanto à sua realização.

Portanto, no prazo de 15 dias, as partes deverão delimitar/especificar os fatos controvertidos que serão objeto da produção da prova oral (depoimentos pessoais e/ou oitiva de testemunhas), apresentando tópico específico a fim de auxiliar o