Página 3 do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul (MP-RS) de 21 de Julho de 2021

Por que esse conteúdo está aqui?
O Jusbrasil não cria, edita ou altera o conteúdo exibido. Replicamos somente informações que foram veiculadas pelos órgãos oficiais.Toda informação aqui divulgada é pública e pode ser encontrada, também, nos sites que publicam originalmente esses diários.

Dispõe sobre os procedimentos para a emissão de Atestado de Capacidade Técnica no âmbito do Ministério Público do Rio Grande do

Nº 001

Sul.

O SUBPROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA PARA ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS, BENHUR BIANCON JR ., no uso de suas atribuições legais e,

CONSIDERANDO as disposições estabelecidas na Lei n. 8.666, de 21 de junho de 1993 e na Lei n. 10.520, de 17 de julho de 2002;

CONSIDERANDO a necessidade de padronizar os procedimentos para a emissão de Atestado de Capacidade Técnica pelas áreas técnicas do Ministério Público do Rio Grande do Sul,

RESOLVE , tendo em vista o que consta no PR.00830.00108/2020-3, editar a seguinte ORDEM DE SERVIÇO :

Art. 1.º O Atestado de Capacidade Técnica é o documento emitido pela Procuradoria-Geral de Justiça/MPRS, a pedido da parte interessada, para fins de comprovar a capacidade técnico-operacional e/ou a capacidade técnico-profissional das pessoas físicas e/ou jurídicas contratadas, para a prestação de determinado serviço ou para o fornecimento de um bem específico, conforme previsto no inciso II do art. 30 da Lei n. 8.666, de 1993.

§ 1.º O pedido formalizado pela parte interessada será enviado ao Fiscal do Contrato, preferencialmente por e-mail, contendo a razão social, o CPF/CNPJ, a indicação do número do procedimento que deu origem à contratação e o número do contrato/nota de empenho.

§ 2.º A emissão do Atestado de Capacidade Técnica pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul possui efeito comprobatório do negócio jurídico e do respectivo desempenho, devendo a parte interessada providenciar o atendimento às demais exigências normativas, tal como o registro do documento na entidade profissional competente, segundo dispõe o § 1.º do art. 30 da Lei n. 8.666, de 1993.

§ 3.º A emissão do atestado está condicionada ao término do contrato/recebimento definitivo do objeto ou, no caso de serviço continuado, ao transcurso de, pelo menos, um ano do início de sua execução, exceto se firmado para ser executado em prazo inferior.

§ 4.º Na hipótese de contratação de obra e/ou prestação de serviços de engenharia, poderá ser avaliada pela fiscalização e submetida à apreciação do Diretor-Geral a possibilidade de o atestado de capacidade técnica conter cronograma de execução, planilhas de orçamento e/ou listagens de serviços executados, situação em que a área técnica deverá atestar as informações.

Art. 2.º A fiscalização do contrato deverá cadastrar a solicitação da empresa no Sistema de Informações do Ministério Público – SIM – Módulo Administrativo, fazendo sua vinculação ao respectivo procedimento de contratação.

Art. 3.º Atendidos os requisitos previstos no art. 1.º desta Ordem de Serviço para emissão do atestado, a fiscalização encaminhará o procedimento à Gestão de Contratos, contendo minuta de atestado, conforme Anexo I desta Ordem de Serviço, com, no mínimo, as seguintes informações:

I - dados completos do emitente: razão social, CNPJ;

II - dados completos do solicitante: razão social/nome, CNPJ/CPF e, no caso de obras e serviços de engenharia, o número do registro do profissional no respectivo conselho (CREA/CAU), com o respectivo documento vinculativo (ART /RRT);

III - número do procedimento que deu início à contratação;

IV - número do contrato;

V - descrição do objeto do contrato: produtos vendidos ou serviços executados;

VI - em contratações por demanda, a quantidade fornecida;

VII - prazo contratual e período de vigência;

VIII - declaração de que a entrega do bem ou execução dos serviços foi realizada de forma satisfatória.

§ 1.º Na hipótese de não atendimento das condições exigidas no art. 1.º desta Ordem de Serviço para emissão do atestado, a fiscalização informará a parte interessada acerca da negativa de emissão de atestado e arquivará o respectivo procedimento.