Página 888 da Judiciário do Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região (TRT-19) de 28 de Julho de 2021

Por que esse conteúdo está aqui?
O Jusbrasil não cria, edita ou altera o conteúdo exibido. Replicamos somente informações que foram veiculadas pelos órgãos oficiais.Toda informação aqui divulgada é pública e pode ser encontrada, também, nos sites que publicam originalmente esses diários.

PODER JUDICIÁRIO

JUSTIÇA DO

INTIMAÇÃO

Fica V. Sa. intimado para tomar ciência da Decisão ID e3c939a proferida nos autos.

PROCESSO TRT Nº 0000547-02.2019.5.19.0008 (ROT) RECORRENTE: ALMAVIVA DO BRASIL TELEMARKETING E INFORMATICA SA - CNPJ: 08.174.089/0001-14 ADVOGADO: CHRISTIANO DRUMOND PATRUS ANANIAS -OAB: MG0078403 RECORRIDO: DEIVIDSON DA SILVA SANTOS - CPF:

106.449.564-88

ADVOGADO: HERBERT DE OLIVEIRA SILVA - OAB: AL0011008 ADVOGADO: JOSE FRANCISCO OLIVEIRA REGO - OAB: AL0007928 DECISÃO PRESSUPOSTOS EXTRÍNSECOS Tempestivo o recurso (ciência da decisao em 12/07/2021 – Id 93e57f6; recurso de revista interposto em 22/07/2021 – Id 610017f).

Regular a representação processual (Id b89ffec e d7c622b). O preparo será analisado com o recurso.

Defiro o requerimento de que todas as intimações e/ou notificações no Diário Eletrônico da Justiça do Trabalho sejam realizadas exclusivamente em nome do advogado Christiano Drumond Patrus Ananias, inscrito na OAB/MG sob o nº 78.403, conforme arts. 106, I do CPC/2015 e 5º, § 3º, da Lei nº 8.906/94 e Súmula 427 do TST. PRESSUPOSTOS INTRÍNSECOS DESERÇÃO DO RECURSO ORDINÁRIO

Alegações:

- violação do artigo: 1.007 do CPC;

- contrariedade à OJ 140 da SDI1/TST.

A parte recorrente alega que a apólice de seguro preenche todos os requisitos legais para sua emissão, inclusive é devidamente registrada. Que não resta dúvida de que a apólice de seguro preenche todos os requisitos que estabelece o Ato Conjunto TST.CSJT.CGJT Nº 1/2019.

A Segunda Turma do TRT da 19ª Região decidiu no seguinte sentido:

"(...) O recurso ordinário interposto pela reclamada não desafia conhecimento.

Com efeito, observa-se que a ré efetuou o recolhimento das custas processuais (ID. e9c922f - Pág. 1) e, em relação ao depósito recursal, apesar de haver mencionado que optou pela sua substituição por apólice de seguro garantia, conforme autoriza o art. 899, § 11º, da CLT, nada juntou sobre esta apólice. Tão somente anexou uma certidão de regularidade de que a SOMPO SEGUROS SA estaria autorizada a operar junto à Superintendência de Seguros Privados - SUSEP - Id. d03144b - Pág. 1.

Não há apólice alguma acostada aos autos eletrônicos.

Deste modo, não havendo apólice, não há como se conferir sua validade (Ato Conjunto TST. CSJT. CGJT Nº 1, de 16/10/2019) Desta forma, o recurso apresentado pela ré não merece ser conhecido, por deserção, nos exatos termos do art. 899 da CLT. Ressalte-se que não há se falar na aplicação do artigo 1.007, § 2º, do NCPC, pois referido dispositivo legal trata da insuficiência do preparo, não sendo este o caso dos autos, em que ausente a comprovação do depósito recursal no prazo para interposição do recurso, situação esta retratada no § 4º do mencionado artigo 1.007 do NCPC, que, no entanto, não é aplicável ao processo do trabalho, conforme Instrução Normativa nº 39 do C. TST.

Cabe, ainda, esclarecer que, a despeito da deliberação contida no despacho de ID. 2571d5c - Pág. 1, proferido pelo MM. Juízo"a quo", que determinou o processamento do recurso, este Órgão Julgador não está vinculado ao juízo de admissibilidade exercido na origem.

Portanto, em razão de não ter sido feito, pela reclamada, o devido depósito recursal, pressuposto extrínseco para a interposição de recurso ordinário, torna-o deserto, a teor do artigo 899 da CLT, e, por consequência, impede o seu conhecimento.

Neste sentido a jurisprudência uníssona: (...)”

A Turma não conheceu do recurso ordinário por deserção diante da não observância dos requisitos previstos no Ato Conjunto TST.CSJT.CGJT n. 1, de 16 de outubro de 2019 para a aceitação do seguro garantia judicial em substituição ao depósito recursal. Na hipótese em tela não houve atendimento do requisito objetivo do recurso ordinário pela parte recorrente, o que impede o seguimento do recurso.

Assim, não visualizo possível ofensa ao artigo 1.007 do CPC, nem contrariedade à OJ 140 da SDI1/TST.

Há, portanto, óbice ao seguimento do recurso.

DENEGO seguimento ao recurso de revista interposto por ALMAVIVA DO BRASIL TELEMARKETING E INFORMATICA SA.

Publique-se e intimem-se.

JOÃO LEITE DE ARRUDA ALENCAR DESEMBARGADOR VICE-PRESIDENTE

MACEIO/AL, 28 de julho de 2021.

JOAO LEITE DE ARRUDA ALENCAR