Página 12552 da Suplemento - Seção III do Diário de Justiça do Estado de Goiás (DJGO) de 29 de Julho de 2021

Por que esse conteúdo está aqui?
O Jusbrasil não cria, edita ou altera o conteúdo exibido. Replicamos somente informações que foram veiculadas pelos órgãos oficiais.Toda informação aqui divulgada é pública e pode ser encontrada, também, nos sites que publicam originalmente esses diários.

instrutória, o juiz pode julgá-la liminarmente, uma vez reconhecida a prescrição (art. 332, § 1º do CPC).

Isto posto , sem mais delongas, uma vez constata a ocorrência da prescrição do título anexo à inicial (Nota Promissória), JULGO LIMINARMENTE IMPROCEDENTE O PEDIDO, para o fim de determinar a extinção da ação , nos termos do artigo 332, § 1º do Código de Processo Civil, de aplicação subsidiária ao presente caso.

Sem custas e honorários, por se tratar de feito pertencente ao rito da Lei nº 9.099/95.

Após o trânsito em julgado, arquivem.

Publique-se. Registe-se. Intime-se.

JANDAIA, data da assinatura digital.

Aluízio Martins Pereira de Souza

Juiz de Direito