Página 1206 do Diário de Justiça do Distrito Federal (DJDF) de 13 de Abril de 2016

requerente acompanhada de seu patrono, Dr (a). Carlos Eduardo Ferreira, OAB/DF nº 34744 - e parte requerida representada pela sua preposta, Sra. Luciene Cristina Silva Oliveira de Vasconcelos, acompanhada de seu advogado Thayane Costa Geraldo, OAB/DF nº 49876. Abertos os trabalhos, restou infrutífera a tentativa de conciliação. A parte ré ofertou contestação acompanhada de procuração e documentos que foi juntada neste ato. Concedida à parte autora vista da peça de defesa e dos respectivos documentos que a acompanharam, a parte autora apresentou réplica oral nos seguintes termos: "Não merece prosperar as alegações contidas na peça de defesa. A progressividade da doença que acomete o autor aliado ao contido nos relatórios médicos, mormente a necessidade de profissional constante (cuidador) exigem atendimento residencial. Em face do exposto reitera o autor todos os pedidos elencados na exordial, bem como a manutenção da tutela antecipada concedida em todos os seus termos e atos". Nada mais havendo, encerrou-se a presente audiência e foi lavrado o termo que segue devidamente assinado. Encaminhemse os autos para o Juízo de Origem para as providências pertinentes. Eu, conciliador (a) Lucas de Sousa dos Santos , a digitei.. Conciliador (a): Parte autora: Advogado da parte autora: Parte ré: Advogado da parte ré: .

Nº 2016.01.1.009008-2 - Procedimento Sumario - A: CONDOMÍNIO DO EDIFICIO MARCEL PROUST. Adv (s).: DF008710 - Vania Cristina Pinto da Silva. R: DORGIVAL DA SILVA BRANDAO (ESPOLIO DE). Adv (s).: Nao Consta Advogado. Em 08 de abril de 2016 às 14h44, nesta cidade de Brasília-DF, durante sessão de conciliação realizada pelo Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania de Brasília -CEJUSC/BSB, na forma da Resolução 13 de 06/08/2012, no décimo andar do bloco A desta Corte, na sala 14, presente a conciliadora Sara Roriz Rodrigues, foi aberta a audiência de conciliação nos autos do Procedimento Sumário, processo nº 2016.01.1.009008-2, requerida por CONDOMÍNIO DO EDIFICIO MARCEL PROUST, CPF/CNPJ nº 37116365000196 em desfavor de DORGIVAL DA SILVA BRANDAO (ESPOLIO DE). Feito o pregão, a ele responderam a parte requerente representada pela sub-síndica do condomínio, Sra. Alvarina Ribeiro Rodrigues Alves, CPF nº 500.665.107-59, acompanhada de seu patrono, Dra. Vânia Cristina Pinto da Silva, OAB/DF nº 8710 - e parte requerida, representada pela sua procuradora, Sra. Deila Nina Brandão Cabral, CPF nº 120.399.771-04, acompanhada de seus advogados Dr. Antonio Carlos Nunes de Oliveira, OAB/DF nº 11462 e Dra. Patrícia Barbosa de Oliveira, OAB/DF nº 38420. Também estava presente a observadora, Sra. Ana Bordin Anélli, CPF nº 053.692.414-73. Abertos os trabalhos, restou infrutífera a tentativa de conciliação. A parte ré ofertou petição acompanhada de procuração e documentos que foi juntada neste ato. Concedida à parte autora vista da peça da parte requerida, e dos respectivos documentos que a acompanharam, a parte autora se manifestou nos seguintes termos: "Tendo em vista o noticiado em petição ora entregue, o condomínio autor requer a extinção do feito com relação à senhora Maria José Marinho Brandão, por ser parte ilegítima na relação processual, bem como, requer de imediato a citação do Senhor Dorgil Marinho da Silva Brandão, inventariante do espólio, nos termos do documento juntado aos autos, cuja citação deverá ser feita no enderenço: Quadra 504 norte, bloco C, Ed. Mariana, sala 60 - CEP 70730-523 - DDA Diógenes, administradora do imóvel objeto da ação, tendo em vista o fato de que o senhor Dorgil se encontra fora do país, sem data certa para retorno, conforme informações da representante da senhora Maria José Marinho Brandão e demais herdeiros do espólio.". Nada mais havendo, encerrou-se a presente audiência e foi lavrado o termo que segue devidamente assinado. Encaminhem-se os autos para o Juízo de Origem para as providências pertinentes. Eu, conciliadora Sara Roriz Rodrigues, a digitei.. Conciliadora: Parte autora: Advogado da parte autora: Parte ré: Advogados da parte ré: .

Nº 2015.01.1.105077-7 - Procedimento Sumario - A: EULES ALVES TEIXEIRA. Adv (s).: DF045520 - Deveth Lima Ferreira. R: BANCO SANTANDER BRASIL SA. Adv (s).: Nao Consta Advogado. Em 08 de abril de 2016 às 15h02, nesta cidade de Brasília-DF, durante sessão realizada pelo Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania de Brasília - CEJUSC/BSB, na forma da Resolução 13 de 06/08/2012, no décimo andar do bloco A desta Corte, na sala 01, presente o (a) conciliador (a) ANA AUGUSTA IGLESIAS PIMENTEL DE ULHOA, CPF 695461001-10 foi aberta a audiência de conciliação nos autos do Procedimento Sumário, processo nº 2015.01.1.105077-7, requerida por EULES ALVES TEIXEIRA, CPF695461001-10 em desfavor de BANCO SANTANDER BRASIL SA. Feito o pregão, a ele respondeu apenas a parte autora acompanhada de seu advogado Dr (a). DEVETH LIMA, OAB/DF Nº 45520, motivo pelo qual, restou inviabilizada a tentativa de conciliação. Nada mais havendo, encerrou-se a presente audiência e foi lavrado o termo que segue devidamente assinado. Encaminhem-se os autos para o Juízo de Origem para as providências pertinentes. Eu, conciliador (a) ANA AUGUSTA IGLESIAS PIMENTEL DE ULHOA, a digitei.. Conciliador (a): Parte autora Adv. da parte autora: .

DIVERSOS

Nº 2011.01.1.225434-8 - Cumprimento de Sentenca - A: BANCO DO BRASIL SA. Adv (s).: DF035879 - Marcos Caldas Martins Chagas. R: CAPITAL EMPRESA DE SERVICOS GERAIS LTDA. Adv (s).: DF020660 - Tiago Camargo Thome Maya Monteiro. R: ESPOLIO DE WILSON LEMOS DE SOUSA. Adv (s).: (.). Tramita nos presentes autos cumprimento da sentença de fls. 462/466, promovido por Banco do Brasil em desfavor de Capital Empresa de Serviços Gerais Ltda e Espólio de Wilson Lemos de Sousa, fls. 524 e seguintes. Às fls. 1.165/1.166 foi realizada pesquisa BacenJud. Nesta data procedi pesquisa de bens e-RIDF e RenaJud, conforme detalhamento anexo. Portanto, diga a credora sobre os resultados, requerendo o que entender de direito, no prazo de dez dias, sob pena de arquivamento. Publique-se. Brasília - DF, sexta-feira, 08/04/2016 às 15h30. João Luís Zorzo,Juiz de Direito .

Nº 2016.01.1.037113-6 - Procedimento Comum - A: HELIO GOMES CRUZ RAMOS. Adv (s).: DF030194 - Guilherme Arruda de Oliveira. R: BRADESCO SAÚDE SA. Adv (s).: Nao Consta Advogado. Ante o exposto, DEFIRO o pedido de antecipação dos efeitos da tutela, determinando à ré que autorize e custeie, no prazo de 48h, os procedimentos clínicos informados na inicial, conforme requerido pelo médico assistente do autor. Na forma do art. 461, § 5º, do CPC, fixo multa diária no valor de R$ 500,00, limitada à R$ 30.000,00, sem prejuízo de eventual recrudescimento, para o caso de descumprimento da presente decisão. Designe-se data para audiência de conciliação, na forma do artigo 334 do CPC/15. Cite-se e intime-se o réu, COM URGÊNCIA, por mandado, para dar cumprimento à presente decisão, bem como para que compareça à audiência de conciliação designada, acompanhado (s) de advogado ou de defensor público, cientificando-o (s) de que sua ausência injustificada será considerada ato atentatório à dignidade de justiça e ensejará imposição de multa (art. 334, § 8º, CPC/15). Faça-se constar do mandado a advertência de que o prazo para oferecimento da contestação será de 15 (quinze) dias, contados da data da audiência de conciliação (art. 335, I, CPC/15). Fica a parte autora intimada para comparecimento, na pessoa de seu advogado (art. 334, § 3º, CPC/15), ciente de que sua ausência injustificada à audiência será considerada ato atentatório à dignidade de justiça e ensejará a imposição de multa (art. 334, § 8º, CPC/15). Publiquese. Brasília - DF, sexta-feira, 08/04/2016 às 14h22. João Luís Zorzo,Juiz de Direito CERTIDÃO - De ordem do MM. Juiz, fica designado o dia 17/05/2016, às 14h40, para Audiência de Conciliação. Em atenção aos princípios da economia e celeridade processuais, bem como aos artigos 139, II, e 272, do CPC/2015, e, tendo em vista a procuração que outorga ao ilustre advogado poderes para transigir, deverá(ão) o (s) patrono (s) da parte AUTORA cientificar seu respectivo constituinte da data designada para audiência, devendo o demandante comparecer independentemente de intimação no CEJUSC/BSB, localizado na Praça Municipal, lote 01, Fórum de Brasília, bloco A, 10º andar. Encaminho os autos para expedição. Brasília - DF, sexta-feira, 08/04/2016 às 15h05. .

Decisao

Nº 2016.01.1.037079-3 - Busca e Apreensao Em Alienação Fiduciária - A: BANCO SANTANDER BRASIL SA. Adv (s).: DF28317A -Flavio Neves Costa, DF28322A - Raphael Neves Costa, DF28978A - Ricardo Neves Costa. R: FABIO LUCAS OLIVEIRA DA CUNHA. Adv (s).: Nao Consta Advogado. Trata-se de pedido de busca e apreensão, com fulcro no art. do Dec. Lei 911/69, do veículo descrito na inicial. Observa-se que os réu foi constituído em mora, em decorrência da notificação extrajudicial que lhe foi endereçada, consoante documentos juntados aos autos (fls.21/22). A relação jurídica decorre do contrato, no qual consta, expressamente, que o financiamento ora concedido encontra-se garantido pela