Página 1600 da Seção I do Diário de Justiça do Estado de Goiás (DJGO) de 13 de Setembro de 2021

Explicita que “o aparelho foi arrebatado com agressividade da mão do Paciente pelos policiais que violaram a correspondência telefônica do advogado”, defendendo a violação ao art. , inc. II, do Estatuto da Ordem dos Advogados do Brasil.

Destaca ainda que a acusação de fumar a maconha no

banheiro da delegacia, foi um dos fundamentos para a prisão ilegal do advogado Paciente, pelo “suposto” crime de fraude processual, além da desobediência por não atender a ordem dos policiais para desligar o celular, e também desacato à autoridade dos maqueiros da UPA.”

Figura representando 3 páginas da internet, com a principal contendo o logo do Jusbrasil

Crie uma conta para visualizar informações de diários oficiais

Criar conta

Já tem conta? Entrar