Página 103 da Editais e Leilões do Diário de Justiça do Estado de São Paulo (DJSP) de 26 de Outubro de 2021

Por que esse conteúdo está aqui?
O Jusbrasil não cria, edita ou altera o conteúdo exibido. Replicamos somente informações que foram veiculadas pelos órgãos oficiais.Toda informação aqui divulgada é pública e pode ser encontrada, também, nos sites que publicam originalmente esses diários.

forma da Lei, etc.

FAZ SABER a (o) EURICO RODRIGUES DOS SANTOS, nascido na data de 20 de novembro de 1942, na cidade de Itambacuri/MG, filho de Francisco Alves Pereira e Antonia Rodrigues dos Santos, que lhe foi proposta uma ação de Divórcio Litigioso por parte de H.R.S. Encontrando-se o réu em lugar incerto e não sabido, foi determinada a sua CITAÇÃO, por EDITAL, para os atos e termos da ação proposta e para que, no prazo de 15 dias, que fluirá após o decurso do prazo do presente edital que é de 20 dias, apresente resposta. Não sendo contestada a ação, o réu será considerado revel, caso em que será nomeado curador especial. Será o presente edital, por extrato, afixado e publicado na forma da lei. NADA MAIS. Dado e passado nesta cidade de Barretos, aos 21 de outubro de 2021.

BARUERI

2ª Vara Cível

EDITAL PARA CONHECIMENTO DE TERCEIROS, EXPEDIDO NOS AUTOS DE INTERDIÇãO DE Igor Pereira dos Santos e outros, REQUERIDO POR Magnolia Pereira Santos - PROCESSO Nº 1000369-69.2020.8.26.0068.

A MM. Juíza de Direito da 2ª Vara Cível, do Foro de Barueri, Estado de São Paulo, Dra. DANIELA NUDELIMAN GUIGUET LEAL, na forma da Lei, etc.

FAZ SABER aos que o presente edital virem ou dele conhecimento tiverem que, por sentença proferida em 16/08/2021 16:18:10, foi decretada a INTERDIÇÃO de IGOR PEREIRA DOS SANTOS, CPF 045.468.395-29 e MANOEL JOSÉ PEREIRA DOS SANTOS, CPF 837.930.895-68, declarando-os absolutamente incapazes de exercerem pessoalmente os atos da vida civil e nomeada como CURADORA, em caráter DEFINITIVO, a Sra. Magnólia Pereira Santos. O presente edital será publicado por três vezes, com intervalo de dez dias, e afixado na forma da lei.NADA MAIS. Dado e passado nesta cidade de Barueri, aos 05 de outubro de 2021.

BAURU

Infância e Juventude

JUÍZO DE DIREITO DA VARA DA INFÂNCIA E JUVENTUDE

JUIZ (A) DE DIREITO UBIRAJARA MAINTINGUER

ESCRIVÃ(O) JUDICIAL DENER DOTTO SANCHES

EDITAL DE INTIMAÇÃO

RELAÇÃO Nº 0324/2021

Processo 1024645-24.2021.8.26.0071 - Pedido de Medida de Proteção - Acolhimento Institucional - M.P.E.S.P. - A.S.S. e outro - E.S.L.B. - EDITAL DE CITAÇÃO - PRAZO DE 10 DIAS. PROCESSO Nº 1024645-24.2021.8.26.0071 O (A) MM. Juiz (a) de Direito da Vara da Infância e Juventude, do Foro de Bauru, Estado de São Paulo, Dr (a). Ubirajara Maintinguer, na forma da Lei, etc. FAZ SABER a (o) ANDERSON LOURENÇO BARBOSA, com endereço à Rua Felix Guisard, 10-91, Parque Industrial Manchester, CEP 17035-290, Bauru - SP, que lhe foi proposta uma ação de Pedido de Medida de Proteção por parte de Ministério Público do Estado de São Paulo, alegando em síntese: Segundo consta, a direção da EE Anis Dabus, do município de Avaí-SP, encaminhou por e-mail ofício noticiando que a aluna E.L.S.B. não estava frequentando as aulas presenciais, nem realizando as atividades remotas e a mãe não atende as chamadas telefônicas, apurando-se que a família teria mudado da casa situada em Avaí. Nesse contexto, o representante do Ministério Público solicitou ao Conselho Tutelar de Avaí a avaliação da situação da adolescente, sobrevindo o relatório datado de 23.09.2021, informando que a adolescente permanece na cidade de Avaí, morando de favor nas casas de pessoas que não são parentes dela, além de não frequentar a escola, não ter rotina saudável e estar frequentando bares no período noturno. A mãe, A.S.S., também requerida na presente ação, está morando em Bauru com o atual companheiro e não se interessa pela filha, ao passo que o pai, ora requerido, está em local desconhecido e abandonou E., que, assim, está com os direitos fundamentais violados por omissão dos pais. Nas circunstâncias acima expostas, com o objetivo de resguardar os direitos fundamentais da adolescente, o MP requereu a aplicação da medida protetiva de acolhimento institucional, até que se apure a possibilidade de reintegração familiar, colocação em integrante da família extensa ou, em último caso, a inserção em família substituta (ECA, arts. 34, § 1º e 101, VII e VIII, e §§ 4º, 8º a 10), o que foi deferido pelo MM Juiz. Encontrando-se a ré em lugar incerto e não sabido, foi determinada a sua CITAÇÃO, por EDITAL, para os atos e termos da ação proposta e para que, no prazo de 10 (dez) dias, que fluirá após o decurso do prazo do presente edital, apresente resposta. Não sendo contestada a ação, o réu será considerado revel, caso em que será nomeado curador especial. Será o presente edital, por extrato, afixado e publicado na forma da lei. NADA MAIS. Dado e passado nesta cidade de Bauru, aos 19 de outubro de 2021.

Processo 1024645-24.2021.8.26.0071 - Pedido de Medida de Proteção - Acolhimento Institucional - M.P.E.S.P. - A.S.S. e outro - E.S.L.B. - EDITAL DE CITAÇÃO - PRAZO DE 10 DIAS. PROCESSO Nº 1024645-24.2021.8.26.0071 O (A) MM. Juiz (a) de Direito da Vara da Infância e Juventude, do Foro de Bauru, Estado de São Paulo, Dr (a). Ubirajara Maintinguer, na forma da Lei, etc. FAZ SABER a (o) ANNELISE SECCATO SANTOS, com endereço à Rua Felix Guisard, 10-91, Parque Industrial Manchester, CEP 17035-290, Bauru - SP, que lhe foi proposta uma ação de Pedido de Medida de Proteção por parte de Ministério Público do Estado de São Paulo, alegando em síntese: Segundo consta, a direção da EE Anis Dabus, do município de Avaí-SP, encaminhou