Página 52 da Seção 3 do Diário Oficial da União (DOU) de 28 de Janeiro de 2022

Diário Oficial da União
há 4 meses
Por que esse conteúdo está aqui?
O Jusbrasil não cria, edita ou altera o conteúdo exibido. Replicamos somente informações que foram veiculadas pelos órgãos oficiais.Toda informação aqui divulgada é pública e pode ser encontrada, também, nos sites que publicam originalmente esses diários.

5-3-O diploma ou certificado de conclusão de curso de nível superior referente à habilitação exigida para o respectivo cargo, requisito indispensável ao ingresso na carreira, não contará ponto para efeito de análise do currículo, todavia deverá ser entregue uma cópia para a comissão organizadora do Processo Seletivo Simplificado no prazo estipulado por este edital.

5-4-A Tabela de Pontuação do Anexo IV preenchida e os títulos deverão ser apresentados em conformidade com a ordem prevista na tabela apresentada no item 5.2 e Anexo IV deste edital, em UM ÚNICO arquivo, EM FORMATO PDF, encaminhado para o e-mail: edital.casjp@ifpi.edu.br até o último dia do envio da documentação referente às inscrições, conforme estipulado no cronograma. O arquivo deve ser nomeado com TÍTULOS; CPF - NOME DO CANDIDATO

5-5-A análise dos títulos terá por base o anexo da Resolução nº 06 de 30 de maio de 2008, do conselho Diretor do CEFET- PI, atualmente IFPI, (vide anexo IV). Não serão considerados títulos não elencados nesta Resolução.

5-6-Os diplomas e/ou certificados de cursos expedidos em língua estrangeira somente serão considerados quando traduzidos para a língua portuguesa por tradutor juramentado.

5-7-Os títulos de pós-graduação, vinculados à área objeto do Processo Seletivo Simplificado, deverão ser expedidos por programas ofertados por Instituições credenciadas pelo Ministério da Educação, ou, quando estrangeiro, devidamente revalidados por universidades brasileiras.

5-8-A prova valerá 100 (cem) pontos e constará da Formação Acadêmica, das Atividades de Docência e Experiência profissional e das Atividades de Pesquisa. (vide Anexo IV)

5-9-Para fins de pontuação do subitem 5.2, da Formação Acadêmica, será considerado o título somente uma vez e o de maior pontuação, não sendo permitida a acumulação de certificação de mesmos níveis iguais ou diferentes.

5-10-Para fins de pontuação de que trata o subitem 5.2, das Atividades de Docência e Experiência Profissional, somente será considerado o período máximo de 4 (quatro) anos. Será considerado fração de a cada 3 (três) meses quando o período a ser computado for inferior a 1 (um) ano. A comprovação da participação em bancas examinadoras deverá ser feita através de documento expedido pela autoridade superior competente.

5-11-Para fins de pontuação de que trata o subitem 5.2, das Atividades de Pesquisa, somente serão consideradas as atividades desenvolvidas nos últimos 5 (cinco) anos, contados a partir da data de publicação do edital.

5-12-A comprovação de experiência profissional deverá ser feita através de cópia autenticada da Carteira de Trabalho (CTPS), ou, quando for o caso, de cópias autenticadas do Contrato de Trabalho, do Acervo Histórico ou Acervo Técnico expedido pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional, do Termo de Posse juntamente com o último contracheque/recibo.

5-13-A comprovação de aprovação em concurso público, na área objeto do concurso, somente será considerado quando da publicação no Diário Oficial do Município (DOM), ou do Estado (DOE) ou da União (DOU).

5-14-Não será considerado concurso público a seleção constituída apenas de prova de títulos e/ou de análise de currículos e/ou de prova didática e/ou entrevistas. 5-15-Não será aceitos como atividades docentes Monitoria e Estágio.

5-16-No caso de o candidato ter exercido atividades concomitantes em mais de um dos três tipos citados no item 2 do anexo IV, será considerado apenas o de maior peso. Não será contabilizado o tempo de serviço simultâneo.

5-17-Para comprovação de artigo publicado como autor (a) ou coautor (a) em periódico qualificado (ISSN e avaliação Qualis/Capes ou Fator de Impacto): deve ser enviado o endereço eletrônico da publicação ou o D.O.I (Digital Object Indentifier) e a cópia da primeira página do artigo, no qual conste no rodapé ou cabeçalho, o título da revista, o ISSN, o volume e/ou edição, o ano, o título do artigo e o nome do/a (s) autor (es/as); ou cópia do sumário da revista, no qual conste o título da revista, o ISSN, o volume e/ou edição, o ano, o título do artigo e o nome do/a (s) autor (es/as) e; comprovante do Fator de Impacto ou avaliação Qualis/Capes.

5-18-Para comprovação de autoria ou coautoria de livro: deve ser enviada cópia da capa do livro e da página que consta a ficha catalográfica do livro na qual tenha o título do livro, o autor (es/as) do livro, o ISBN e o ano, além das demais infomações normalmente utilizadas nas fichas catalográficas.

5-19-Para comprovação de edição, organização ou tradução de livros: deve ser enviada cópia da capa do livro e da página que consta a ficha catalográfica do livro no qual tenha o o título do livro, o/a (s) organizador/a (s), editor/a (s) ou tradutor/a (s) do livro, ISBN da obra e o ano, além das demais informações normalmente utilizadas nas fihas catalográficas.

5-20-Para a comprovação de autoria ou coautoria de capítulo de livro: deve ser enviada cópia da página em que consta a ficha catalográfica do livro, na qual tenha o título do livro, o/a (s) autor (es/as) ou organizador (es/as) do livro, o ISBN da obra e o ano, além das demais informações normalmente utilizadas nas fichas catalográficas e, cópia da primeira página do capítulo produzido, título do capítulo e o/a (s) autor (es/as) do capítulo e, se possível, que contenha o título do livro no rodapé ou cabeçalho.

5-21-No caso do resultado preliminar da prova de títulos, admitir-se-á o pedido de revisão da contagem dos pontos no período informado no cronograma, (anexo III) deste Edital.

5-22-Não será permitido ao candidato anexar cópia de documentos quando da interposição de recurso contra o resultado preliminar da avaliação de títulos.

5-23-O resultado da Prova de Títulos será fornecido através de Edital disponibilizado no portal do IFPI na internet, no endereço https://www.ifpi.edu.br, conforme cronograma em anexo (Anexo III).

6-DA PROVA DE DESEMPENHO DIDÁTICO

6-1-Somente serão convocados para a Prova de Desempenho Didático os 16 (dezesseis) candidatos com melhores notas classificados na prova de títulos.

6-2-O sorteio do tema da prova de desempenho didático será realizado conforme a ordem disposta no cronograma, (ANEXO III), na Sala de Reuniões do Instituto Federal do Piauí, Campus São João do Piauí, situado na Avenida Abel Modesto , S/N, Parque de Exposições, CEP 64.760-000, São João do Piauí, Piauí.

6-3-O sorteio do tema da prova de desempenho didático será realizado 24 (vinte e quatro) horas antes da realização da prova, de modo impreterível e improrrogável. O candidato que não participar do SORTEIO DO TEMA, no dia e hora determinados, poderá solicitar o resultado do sorteio através do e-mail edital.casjp@ifpi.edu.br. Ressalta-se que os Temas poderão se repetir ao longo dos sorteios.

6-4-A prova de desempenho didático consistirá em uma aula desenvolvida no tempo mínimo de 45 (quarenta e cinco) e máximo de 50 (cinquenta) minutos, ministrada em linguagem adequada, sobre o tema sorteado, perante uma Banca Examinadora composta por 02 profissionais da área específica e um (a) pedagogo (a) que terá como objetivo avaliar o candidato quanto ao seu conhecimento específico e capacidade didático- pedagógica e atribuirá uma nota de 0 (zero) a 100 (cem) ao candidato.

6-5-A relação dos temas para a prova de desempenho didático pedagógico encontra-se no ANEXO II deste edital.

6-6-O candidato deve chegar ao Campus com antecedência de, no mínimo, 10 (dez) minutos do horário previsto para o início da prova.

6-7-A Prova de Desempenho Didático será realizada no Instituto Federal do Piauí, Campus São João do Piauí, situado na Avenida Abel Modesto , S/N, Parque de Exposições, CEP 64.760-000, São João do Piauí, Piauí, com data prevista no cronograma.

6-8-A Comissão Organizadora do Processo Seletivo realizará o sorteio de Tema a todos os candidatos, habilitados para a Prova de Desempenho Didático, com data prevista no cronograma. A ordem de sorteio e consequentemente, a prova didática dar-se-á por ordem de inscrição.

6-9-O candidato deverá apresentar à Banca examinadora o original do documento de identidade, bem como entregar o plano de aula em 03 (três vias).

6-10-Cada membro da Banca Examinadora atribuirá uma nota de 0 (zero) a 100 (cem) pontos, e a nota final da prova de desempenho didático do candidato será a média aritmética simples das notas dos membros sem arredondamentos.

6-11-A avaliação da Prova de Desempenho Didático consistirá na análise dos itens descritos a seguir:




. ITEM 

DESCRIÇÃO 

PONTUAÇÃO MÁXIMA 

.
b) conteúdos programáticos
c) estratégias de ensino
d) duração da aula 

a) objetivos 
  

. 1 Plano de aula
f) referências bibliográficas 

e) avaliação da aprendizagem 

20 pontos 

.
2 Desenvolvimento da aula
b) operacionalização dos conteúdos
c) utilização das estratégias e recursos didáticos
d) avaliação da aprendizagem
e) controle do tempo. 

a) domínio do conteúdo 

80 pontos 

6-12-Não caberá recurso para o resultado da Prova de Desempenho Didático.

6-13-O resultado da prova de desempenho didático será divulgado no portal do Instituto Federal do Piauí: www.ifpi.edu.br no período informado no cronograma deste Edital.

6-14-A relação final dos candidatos com a nota do desempenho didático será divulgada no portal do IFPI na internet, no endereço www.ifpi.edu.br, conforme cronograma em anexo.

7-DO RESULTADO FINAL

7-1-Serão considerados habilitados os candidatos que foram convocados para a Prova de Desempenho Didático e obtiverem, no mínimo, 60 (sessenta) pontos.

7-2-Os candidatos habilitados serão classificados na ordem decrescente do total de pontos obtidos na média final.

7-3-Em caso de empate dar-se-á preferência, para efeito de desempate, ao candidato que:

a-Possuir idade superior a 60 (sessenta) anos, até o último dia de inscrição do Processo Seletivo Simplificado, conforme art. 27, parágrafo único, da Lei nº 10.741, de 1º de outubro de 2003 ( Estatuto do idoso).

b-Obtiver maior número de pontos na prova de desempenho didático.

c-Possuir maior número de pontos na prova de títulos.

d-Possuir maior tempo de experiência profissional.

e-Possuir mais idade (dia, mês e ano).

7-4-O Resultado Final será obtido pela média aritmética das duas provas (Títulos e Desempenho Didático) e será divulgado no Diário Oficial da União (DOU) bem como no portal do IFPI na internet, no endereço www.ifpi.edu.br, conforme cronograma em anexo.

7-5-Os candidatos cujos nomes constem na relação de homologação do resultado final do Processo Seletivo Simplificado, não nomeados, excedentes às vagas ofertadas, serão mantidos em cadastro reserva durante o prazo de um ano, sendo permitida a prorrogação desde que o prazo total não exceda 02 (dois) anos.

7-6-A convocação do candidato aprovado será feita exclusivamente por via eletrônica, através do site, e-mail indicado pelo candidato na ficha de inscrição, sendo responsabilidade do candidato o acompanhamento da convocação, tendo até 48 horas para responder. Passado esse período sem reposta do candidato, será convocado o próximo classificado da lista de espera.

8-DO CANDIDATO CLASSIFICADO

8-1-O candidato selecionado será contratado por locação de serviço, como Professor Substituto e/ou Temporário, considerando-se a classificação obtida e o número de vagas.

8-2-O candidato selecionado será contratado por tempo determinado, por um período de 06 (seis) meses, sendo permitida a prorrogação desde que o prazo total não exceda 02 (dois) anos. (Art. da Lei nº 8.745/93, com a redação dada pela Lei nº 10.667, de 14/05/2003, publicada no DOU de 15 subsequente e § 1º remunerado pela MP nº 259/05).

8-3-Não poderá ser contratado o candidato que for professor de Magistério Superior e/ou do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico das Instituições Federais de Ensino. Caso seja ocupante de cargo público, que não o de magistério, poderá ser contratado desde que comprovada a compatibilidade de horários (Art. da Lei nº 8.745/93, com a redação dada pela Lei nº 9.849, de 26/10/99, publicada no DOU de 27 subsequente).

8-4-Não poderão ser contratados candidatos que já tenham tido vínculo com qualquer Instituição Federal de Ensino na condição de Professor Substituto ou Visitante, nos termos da Lei nº 8.745/93, antes de decorridos 24 (vinte e quatro) meses do encerramento de seu contrato anterior (Art. da mencionada Lei nº 8.745/93, com a redação dada pela Lei nº 9.849, de26/10/99, publicada no DOU de 27 subsequente).

8-5-Só poderão ser contratados candidatos de nacionalidade brasileira ou naturalizados, que estejam em gozo dos direitos políticos, em dia com as obrigações eleitorais e militares (para o sexo masculino) e tenham idade mínima de 18 anos, até o último dia das Inscrições.