Página 791 da Seção I do Diário de Justiça do Estado de Goiás (DJGO) de 7 de Junho de 2022

posse do imóvel.

Apontaram que houve nulidade da sentença arbitral, a qual violou o art. 26 da Lei de Arbitragem, de modo que o título tornou-se inexequível.

Asseveraram que houve cerceamento de defesa, pois o feito foi julgado sem a instrução do processo, violando o art. , LV, da CF.

Figura representando 3 páginas da internet, com a principal contendo o logo do Jusbrasil

Crie uma conta para visualizar informações de diários oficiais

Criar conta

Já tem conta? Entrar