Página 15520 do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de 29 de Fevereiro de 2024

Superior Tribunal de Justiça
há 2 meses

em que foi lesionada.

De igual modo, não há que se falar em nulidade das fotografias, já que inexiste qualquer indício de que estas tenham sido adulteradas.

No ponto em foco, cumpre apontar que o laudo pericial é prescindível, quando há nos autos elementos suficientes capazes de atestar as lesões sofridas. Nesse sentido, é o entendimento desta C. Câmara:

Figura representando 3 páginas da internet, com a principal contendo o logo do Jusbrasil

Crie uma conta para visualizar informações de diários oficiais

Criar conta

Já tem conta? Entrar