Página 1072 da SUPLEMENTO_SECAO_III_A do Diário de Justiça do Estado de Goiás (DJGO) de 21 de Junho de 2024

o autor possui capacidade econômica de arcar com o preparo recursal”.

Ademais, cumpre destacar “a presunção econômica do agravante ao celebrar um contrato de cédula de crédito bancário, inicialmente estimado no valor de R$ 64.713,59 (sessenta e quaro mil setecentos treze rais e cinquenta e nove centavos), e certamente ao firmar o compromisso apresentou documentos que atestassem sua capacidade financeira para quitar as parcelas. Portanto, a alegação de que não possui renda carece de veracidade”.

A esta evidência, concluiu-se pelo indeferimento do pedido de fruição da assistência judiciária com a determinação para o agravante efetuar o recolhimento devido, sob pena de deserção.

Figura representando 3 páginas da internet, com a principal contendo o logo do Jusbrasil

Crie uma conta para visualizar informações de diários oficiais

Criar conta

Já tem conta? Entrar