Página 2392 do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de 14 de Setembro de 2018

Superior Tribunal de Justiça
há 8 meses

Entretanto, a parte agravante não demonstrou, de maneira consistente, a inaplicabilidade do (s) seguinte (s) óbices: não cabimento de REsp alegando violação a norma constitucional e Súmula 7/STJ.

O agravo que não impugna, especificamente, todos os fundamentos da decisão recorrida não deve ser conhecido, conforme disposto na Súmula 182/STJ.

Forte nessas razões, NÃO CONHEÇO do agravo em recurso especial, com fundamento no art. 932, III, do CPC/15.

Publique-se. Intimem-se.

Brasília (DF), 10 de setembro de 2018.

MINISTRA NANCY ANDRIGHI

Ministra

(1970)

AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 1.352.414 - SP (2018/0218089-3)

RELATOR : MINISTRO MOURA RIBEIRO

AGRAVANTE : ALCEU VICENTINI FILHO

AGRAVANTE : MONICA DOS SANTOS MENTA VICENTINI

ADVOGADOS : ROGÉRIO ANTÔNIO PEREIRA - SP095144 RICARDO ALVES PEREIRA - SP180821 DEBORA BATISTELLA GOMES DAS NOVAS - SP274588

AGRAVADO : MATHEUS DOS SANTOS MENTA

ADVOGADOS : AIRES VIGO - SP084934 GUILHERME STEFANONI ZANA - SP358075

AGRAVADO : SILVIO GUIMARAES BARRUFFINI

AGRAVADO : ANTONIO AUGUSTO BARRUFFINI

ADVOGADOS : GENTIL BORGES DA SILVA FILHO - SP091860 ALESSANDRO GOMES DA SILVA - SP162902 EMENTA CIVIL. AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL. MANEJADO SOB A ÉGIDE DO NCPC. AÇÃO DE RESCISÃO CONTRATUAL E REINTEGRAÇÃO DE POSSE. AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL QUE NÃO INFIRMA OBJETIVAMENTE TODOS OS FUNDAMENTOS DA DECISÃO AGRAVADA. INCIDÊNCIA DO ART. 932, III, DO NCPC. AGRAVO NÃO CONHECIDO.

DECISÃO

MONICA DOS SANTOS MENTA VICENTINI e outro (MONICA e outro)