Página 10 do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) de 18 de Dezembro de 2018

ATA DA 123ª SESSÃO, EM 10.12.2018

Sessão Judiciária

Presidência do Senhor Desembargador Agenor Ferreira de Lima Filho. Presentes os Senhores Desembargadores: Stênio Neiva Coelho, Substituto; Delmiro Dantas Campos Neto, Substituto; Vladimir Souza Carvalho; Gabriel de Oliveira Cavalcanti Filho; Clicério Bezerra e Silva, substituto; Júlio Alcino de Oliveira Neto; o Procurador Regional Eleitoral, Francisco Machado Teixeira e Jane Leite Wanderley, Secretária Judiciária. Às 14h29, foi aberta a sessão.

REGISTROS

Foi franqueada a palavra ao Des. Alcino Oliveira, que propôs votos de gratidão nos seguintes termos: “Senhor Presidente, antes do encerramento, eu queria propor dois votos de gratidão. O primeiro, eu acho merecido. Vossa Excelência, pela manhã, como tinha sessão do tribunal, assim não fez e eu gostaria de fazer em nome da Corte, e não no meu nome pessoal. Primeiro, ao produtor Zezo, que fez todo aquele trabalho na diplomação, sem qualquer custo para o egrégio Regional. Depois ao Classic Hall, que cedeu o ambiente sem também pagar qualquer aluguel. Consequentemente, eu acho... não só o agradecimento que foi externado por Vossa Excelência pela manhã, mas que fosse algo reconhecido oficialmente, por ofício, uma vez assim aprovado, esta gratidão aqui da Corte, em função do desprendimento de ambos – Zezo, que coordenou toda a parte cultural; e, também, o Classic Hall, que cedeu as instalações para que pudesse realizar o evento com aquele êxito que foi. Era isso que eu queria propor e, uma vez aprovado, que fosse oficializado tanto ao Classic Hall, na pessoa da sua Diretoria, e a Zezo, per si. É o que eu tenho a propor, Senhor Presidente.” No ensejo, o Des. Agenor Ferreira Lima completou: “Eu diria o seguinte: bem lembrado por Vossa Excelência; não basta só fazer a referência, como eu fiz, mas é preciso esse reconhecimento oficial do Tribunal Regional Eleitoral. E eu diria, acrescentaria mais, além do Produtor Zezo, o Rômulo, do Galo da Madrugada; ao Prefeito de Olinda, pelo gesto de ele ter fornecido as bandas e os bonecos de Olinda; ao Cantor Almir Rouche, e Aderval Barros, que infelizmente não pôde participar, porque foi barrado no baile e houve um desencontro, talvez de informações; mas, mesmo assim, ele foi, se fez presente, tentou... como, também, Almir Rouche, também, teria sido barrado, mas, por ser conhecido, ele disse: - Olhe, se eu não entrar, então não vai ter o hino. Mas essa atitude dos seguranças... eu acredito que não foi ninguém do Tribunal Regional Eleitoral; foi gente seria própria Classic Hall ou talvez do Governador do Estado, que não admitia a chegada de alguém sem pulseira, em termos até de segurança; mas devemos nosso reconhecimento a eles que se prontificaram a estar presentes, participar da festa, e eu coloco realmente em votação esse agradecimento oficial, através de um oficio de agradecimento. Então, aprovada a proposição do Desembargador Júlio, com os acréscimos, fazendo o cerimonial do Tribunal Regional Eleitoral essa proposição extensiva a todos que colaboraram com a realização daquele evento.” A proposição do Des. Júlio Alcino foi aprovada por unanimidade em nome da Corte e endereçada a todos aqueles que colaboraram com a realização da diplomação 2018.

JULGAMENTOS PJE

: 001

: 0602516-34.2018.6.17.0000

: PRESTAÇÃO DE CONTAS

: Gabinete Jurista 2

: ELEICAO 2018 FABIO LISANDRO DE LIMA BARROS DEPUTADO ESTADUAL e outros (1)

: MARIA LIVIA DE LIMA LEAL ALVES MONTEIRO e outros

: Não definida

: PROCURADORIA REGIONAL ELEITORAL