Página 51 da Poder Executivo do Diário Oficial do Estado de São Paulo (DOSP) de 10 de Junho de 1952

ILO QUE T TAMOS AFAMNDO BASTAR* CONSULTAR-SE O

RESULTADO DAS LEGENDAS PARTIDARIAS NAQUELE MUNICIPIO

O SR. ARARIPE SERPA V. EXA. ME PERMITE URO

APARTE?

O SR. MARTINHO DI CLERO TEM O APARTE V. EXA.

O AR. ARARIPE SERPA EM PRIMEIRO LUGAR, DESEJO

FELICITAR OS COMPANHEIROS DO PARTIDO SOCIAL PROGRESSISTA QUE

DELEGARAM A V. EXA. A MISSAO DE CONTESTAR AS MINHAS

AFIRMACOES FEITAS DESSA MESMA TRIBUNA ESTAS MINHAS

FELICITACOES SAO ORIGINADAS DO RESP. !TO E DO ACATAMENTO QUE

ME MERECE V. EXA.

O SR.. MARTINHO DI CLERO MUITO OBRIGADO A V. EXA.

O SR. AMARILE SERPA V. T'.XA. E, SEM FAVOR, UM DOS

DOS PARAMENTAR MAIS E.XPER.R. E:'.:.'DOE, GRANDE ANTIGO,

S QUEM DEDICAMOS SINCERA E VERDADEIRA ESTHAL (MUITO

BEMA EIS PORQUE OUVIREMOS AS EXPLICACOES QUE V. E XA.

:EXPENDE NESTE INSTANTE OUVISSEMOS SEM APARTES, SEM + DISCUSSOES, SEM CONTESTACAO, RESERVAMO-NOS ENTSETANTO. O

DIREITO DE, POSTERIORMENTE, OCUPARMOS ESSA MESMA TRIBUNA

PARA ANALLA E AS AFIRMACOES DIREMOS AINDA, ANTES DE

ENCERRAR O APARTE, QUE, ATE O MOMENTO V. ERA APENAS

CITOU PALAVRAS, ENQUANTO QUE TUDO AQUILO QUE DISSE, EM * MEUS DISCURSOS, FORAM PROFERIDAS A LUZ DE DOCUMENTOS, O

SR. LOURENCO QULLICT NAO ERA UM FORASTEIRO EM BRAGANCA;

O SR. LOURENCO NICI NAO ERA UM FLUXIVEL TRAIDOR DC

PARTIDO SOCIA! PROGRESSISTA E TANTO ISSO E VERDADE QUE

HA UM DOCUMENTO DE QUE V. EXA. HA DE TER

CONHECIMENTO ASSINADO PELO *. ADHEMAR DE BARROS, ONDE OS

MAIORES ENCOMIOS HO RENDIDOS AO DR. LOURENCO, O GRANDE

VENCEDOR DO PLEITO EM BRAGANCA PAULISTA E ASSIM

RECONHECIDO PELO CHEFE NACIONAL DO PARTIDO SOCIAL PROGRESSISTA

O SR. MARTINHO DL CLERO NOBRE DEPUTADO ARARLPC

BERIA MUITO OBRIGADO AA V. EXD PELAS PALAVRAS

ELOGIOSAS E GENEROSAS A MINHA PESSOA (NAO APOIADOS

ENTRETANTO, QUANTO AO MERITO DA ALEGACAO DE V. EXA. DE QUE

EU NAO TROUXE FATO ALGUM, DEVO DIZER QUE ESTOU APENAS

INICIANDO O MEU DISCURSO E NALO L XLIA TER AINDA

APRESENTADO DOCUMENTACAO MAS TENHO AQUI DOCUMENTOS QUE ME FORAM FREIDOS PELOS COMPANHEIROS DE BRAGANCA

PAUUSTA. ALIAS, AO INICIAR O MEU DISCURSO, AFIRMEI QUE *OO

CONHECIA A POLITICA DE BRAGANCA E QUE ME SERVIA AE A

CMNENTACAO. COMETIDA POR COMPANHEIROS DE PARTIDO

PARA CONTESTAR AS AFIRMATIVAS DE V. EXA. AO ANALISAR A

POLCA DA ZONA BRAGANTINA

O SR. ARARI SERPA (COM ASSENTIMENTO DO ORADOR)

EAPENAS PARA ESCLARECER QUE OUVIREI COM A MATAR

ACUCAO E AQUI ESTAREI ATE O SEU FINAL, O DISCURSO DE V. EXDO TOMRA ACOMPANHAR A EXPOSICAO

E OUVIR AS RAZOES ALEGADAS POR

PARTIDO NA ZONA BRAGANTINA

ENTRETANTO, MAIS UMA VEZ

DE, POSTERIORMENTE, DISCORDAR

AFIRMACOES

O SR. MARTINHO D1 CIERO

QUE FAZ COM BRILHANTISMO

SENS COMPANHEIROS DE

DIGO, RESERVO-ME O CIRERO

DESTA TRIBUNA, DESSAS

MUITO OBRIGADO MAIS URA

VEZ A V. EXA. DA DISCUSSAO NASCERA, AFINAL, A LUZ...

O CARIPE SERPA E QUE A LUZ NOS ILUMINE

O SR. MARTINHO DI CLERO ... E A VERDADE SOBRE A

POLITICA DE BRAGANCA

LOGO APOA AS ELEICOES DE 3 DE OUTUBRO, O PARTIDO

SECIAL PROGRESSISTA CREDENCIAVA OS SENHORES DRS LOURENCO

QUILLICI AICLNDO BUENO DE ASSIS E HEITOR GUALBERT9 DE

OLLIVER PARA CHEFIAREM A POLITIC,' LOCAL DE TODA A ZONA

BRAGANTINA, RESTRINGINDO, CONTUDO, A INTERVENCAO DN DR.

LØURENCO A ACAO LOCAL E ESTENDENDO-SE A DELEGACAO DOS

*EU* DOIS ONTROS COMPANHEIROS A ZONA TCOA.

MAS. COMO BEMM DIZ O ILUSTRE DEPUTAD ARARIPE SERPA,

H -IA UM "MAS" NA VIDA POLITICA DO DR. LOURENCO E

*SE '+MAS", EIA A SUA ATUACAO NAS ELEICOES DE 3 DE

OUUBRO QUE LHE RESTRINGIU A ORBITA DE ACAO LIN CHEFIA POLITICA

DA ZONA, O EMINENTE PRESIDENTE DO P, RP.DO S, CIAL

PROGRESSITA COM A SUA GRANDE ACUIDADE PLITICA E O

CONHECIMENTO EXATO DOS HOMENS CONCEDEU AO DR. LOURENCO O

RENUO QUE ESTE SEMPRE AMOJARA MAS O FE* COM

RESTRICOES E O FUTURO ENFIOU AS RESERVAS DE S. EXA.

DISSE NO SEU DISCURSO O ILUSTRE DEPUTADO ARARIPE

SARPA QUE O DR. LOURENCO QUILLICI JA ELEITO PREFEITO

MUNICIPAI DE BRAGANCA PAULISUL SENTINDO-SE DOENTE, SOLICITARA

AO PARTIDA UMA LICENCA DE 30 DIAS, PA. ANDO O EXERCICIO

DE SUAS FUNCOES AO SEU SUBSTITUTO LEGAL

O SR. PRESIDENTE LEMBRO AO NOBRE ORADIR QUE

FALTAM APENAS DOIS MINUTOS PARA TERMINAR A HORA

REGIMENTAL DA SE.MAO. ENTRATANTO HA RBR A MESA UM

REQUEEN .* DE PRORRROGACAO DA SESSAO POR MAIS QUINZE MINUTOS,

NAAO PELO NOBRE DEPUTADO ARARIPE SERPA

POSTO A VOTOß E APROVADO O REQUEMENTO DE

PRORROGACAO

O SR. PRESIDENTE CONTINUA COM A PALAVRA O NO.

BRE DEPUTADO MARTTINHO DI CJERO.

O SR. MARU O DI CLERO MUITO OBRIGADO AOS MEUS

NOBRES PARES POR ES* DEFERENCIA A MINHA PESSOA

"LAL ALEGACAO NAO EXPRIME A VERDADE, POIS QUE O

AFASTAMENTO SOLICITDO FOI POSTERIOR A, VIAGEM DO DR. LIURENCO

A ARGENTINA

O SR. ARAJIPE SERPA V. E*. PERMITE UM A P ,RTE?

O* 8.R. MANA D.I CIERO ,.. ENDO CERTO QUE, POR

OCASIAO TELEASA MEFRANA AGENT S.D. NAO SE LICENCIOU DA

PRROVIDENCIAR LOCAL DO P.S.P., RAZAO PELA QUAL DEHHOU EM MA*

DOS DRS ALCINDO BUEL DE AS* E HEITER GUALBERTO DE

OLIVEIRA, DELEGADOS DO PARTIDO, AS INDICACÕES EM BRANCO,

ASSINADAS POR 8.8. COMO PRESIDENTE DO DIRETORIO LOCAL DE

BRAGANCA E PELO SECRETARIO GERAL DO ME. NO, O SR. DORIVANI

MONTEIRO DE OLIVEIRA, A TIM DE SEREM EVENTUALMENTE

UTILIDADS SE NECESSRIO FOSSE, EM BERILO DO PARTIDO

O SR. ARATE SERPA V. EXA. PERMITE UM APARTT?

O SR. MARTINHO DI CLERO COM MUITO PRAZER

O SR. ARARAPA SERPA E TAO SOMENTE PARA UM

ESCLARECIMENTS REALMENTE, NESTE PONTO, NO QUE SE REFERE A.

VIAGEM DO SR. LOURENCO QUILICI A ARGENTINA CABE, SEM

DAVIDA UM REPARO A MINHA AFIRMACAO, EIS QUE ME EQUIVOQUEI

QUANTO A DATT DA PARTIDA DESSE ST. ENTRETANTO, SOMENTE,

NESTE PIMTO NO DA DATA, POR MIM EXPENDIDO, E QUE NAO

CORRESPONDE A REALIDADE, MAS ESCLARECEREI O ASSUNTO NO MEU

PROXIMO DISCURSO

O SR. MARTINHO DI OERRO MUITO RICARLO NOBRE

DEPUTADO ARARIPE SEZA V. EXA. TEM UM PASSADO, NAO S6

NESTA CASA COMO EM TODA SUA VIDA, QUE .*,O PODIA SER

CONFIRMADO RE* HORA, RECONHECENDO ECMO DE FATO

RECONHECE - O ZEU EQULVOEO MAS, EQUIVOCO ES,SE QUE SE PRESTOU

A UMA ARGUMENTACAO QUE FICOU DESFEITA UMA VEZ QUE NAO

HOUVE TA* FATO

O ARGUMENTO DE QUE LANCOU MAO O ILUSTRE DEPUTADO

ARARIPE SERPA, DE QUE ESSAS INDICACÕES PODERIAM SER

UTILIZADAS COM O TIM DE PREJUDICAR O SR. LOURENCO QUILLICI,

E INTEIRAMENTE DESCABIDO, POIS QUE AS REFERIDAS INDICACÕES

COMO ACIMA DISSEMOS, CONTINHAM TAMBEM A ASSINATURA DO

SECRETARIO GERAL DO P.S.P. LOCAL E ASSIM TERIAM ELAS EFEITO

RESTRITO ALEM DISSO O SR. LOURENCO QUILICI SABIA QUE AS

ESTAVA ENTREGANDO A TUN HOMEM HONRADO E DIGNO AFIRMOU

O ILUSTRE DEPUTADO ARARIPE SERPA, QUE O DR. LOURENCO

QUEREL QUANDO DO SEU REGRESSO DA ARGENTINA, ENCONTROU EM

BRAGANCA UM AMBIENTT HOSTIL A SUA PESSOA, ATRIBUINDO-O

AO DR. ALCLARO QUE MONOPOLIZAVA A POLITICA NO SENTIDO DE

AFASTAR SEU COMPANHEIRO QUE ESTARIA PREJUDICANDO AS SUAS

ATIVIDADES NAQUELA ZONA CAUSA ESTRANHEZA SEMELHANTE

DECLARACAO POIS QUE TT AUSENCIA DO DR. LOURENCO NAO

DREN ASSECLAS

4. TD.4. 4. N. . IT. V 4. PR.1

PO O DR. AKINO PODE MONOPOLIZAR A POLITICA E FAZER COM

QUE SE OSEU O PRESTIGIO DO JA ENTAO PREFEITO DE

BRAGANCA MAS A VERDADE E MUITO OUTRA,

OS MOTIVOS DETERMINANTES DA DIVERGENCI DO DR.

LOURENCO COM SEU ANTIGO COMPANHEIRO PRECISAM SER AQUI

EXPLICARDES TIVERAM O SEU INICIO COM A ESCOLHA DO CONDIDATO

A PRESIDENCIA DA CMARA LOCAL DOS VEREADORES

O DI. QUILICE PRETENDIA QUE AQUELE POSTO FOSSE

ENTREGUE A UM SEU AMIGO, PERTENCENTE A PARTIDO DA OPOSICAO E

QUE ERA O P.S.P., AO QUE O DR. ALCINDO SE OPOS

TERMINANTEMENTE FAZENDO PREVALECER NO CASO A DISCIPLINA

PARTIDARIA, COM A ESCOLHA DO CANDIDAT DO PARTIDO MAJORITARIO E

QUE E* O P.S.P.

COM ESSA ATITUDE O DR. LOURENCO QUILICI, SE NAO FICA

PROVADO, FICA AII UM GRANDE INDICIO DE QUE S.D. NAO

FAZIA A POLITICA DO PARTIDO SOCIAL PROGRESSISTA MAS, SIM,

A POLITICA DE UM SEU AMIGO, PERTENCENTE A UM OUTRO

PARTRIO

DIVERGENCIAS OUTRAS SE VERIFICARAM, UMAS MAIS SERIAS,

OUTRS DE MENOR IMITANCIA ATE QUE NO DIA 22 DE

LEVORETO ULTIMO, EM SE.S.SAO DO DIRETORIO DO P.S.P., O DR.

LOURENCO QUFLICL, TRAZENDO AO CONHECIMENTO DOS SEUS

COMPANHEIROS DESINTELIGENCIAS GRAVE HAVIDA ENTERR ELE E O DR.

ALCINDO, PIROPO A EXCLUSAO DESTE DE DELEGADO DO PARTIDO

NAQUELA CIDADE, DECLARRA TEXTUALMENTE, QUE OS MEMBROS

DO PARTIDO DEVERIAM DECIDIR ENTRE ELE, DR. LOURENCO QUILICI,

COMO PRESIDENTE, OU O DR. ALCINDO BUENO DE *IS, COMO

DELEGADO DO PARTIDO, SENDO QUE A PERMANENCIA DE UMM,

EXCLUIRIA, AUTOMATICAMENTE, A PERMANENCIA DO OUTRO. *

POR SIS VOTOS CONTRR QUATRO, OS MEMBROS PRESENTES DO

DIRETORIO, OPTARIAM PELA PPRMANENCLA DO SR. LOURENCO

QULLICL. DIA IMEDIATO, ESTE DIRIGIU-SE SAO IPAULO.

ENCAMINHO JOSE MERCADANTE, A VICE-PRESIDENTE

NHANDO AO SR. BARONE

DO DIRETORIO ESTADUAL DO P.S.P., UM OFICIO ACOMPANHADO

DA COPIA DA ATA DA SESSAO EM APRECO, A FIM DE QUE O

ASSUNTO FOSSE APRECIADO E JULGADO

ESSES FATOS SE VERIFICARAM COM A AUSENCIA DA MAIORIA

DOS MEMBROS DO DIRETORIO, QUE IGNORAVA ESSA REUNIAO,

FEITA QUASE QUE EM CARATER CLANDESTINO NO EDITICIO DA

PREFEITO QUE TRANSPIROU O QUE CARRERA NA REUNIAO DE 22

DE FEVEREIRO, COMECOU O DR. ALCINDO A RECEBER AS MATOR

E MELHORES PROVAS DE INEQUIVOCA SOLDARIEDADE, NAO SO DE

ORDEM POLTICA E PARTIDARIA MAS TAMBEM DOS ELEMENTO DE

MAIOR )ROJECAO NOS MEIES SOCIAIS

A MANIFESTACAO UNANNIME DA BANCADA DOS VEREADORES DO

PARTIDO SOCIAL PROGRESSISTA A CATNARA LOCAL; DOS

VEREADORES E MEMBROS DO PARTIDO , CIAL PROGRESSISTA, DE ANNIBALA

DO PREFEITO, VICE-PREFEITO, VEREADORES E MEMBRO DO

PATIDO SOCIAL PROGRESSISTA DE NAZARE PAULIUKA DO PREFEIT

VEREADORES E MEMBRO DO DIRETORIO DO PARTIDO SOCIAL

PROGRESSITA DE JARINU; DO PREFEITO E MEMBRO DO DIRETORIO

*O PARTIDO SOCIAL PROGRESSITA DE MAIRIPORA; DOS

VEREADORE E MEMBROS DO PARTIDO SOCIAL PROGRESSISTA, DE ITATIBA; DO

PREFEITO, VICE-PREFEITO, VEREADORES E MEMBROS DO PARTIDO

SOCIAL PROGRESSISTA, DE PIRACAIA E DO PREFEITO, PRESIDENTE

DA CAMARA E MEMBROS DO DIRETORIO DE JOANOPOLIS ALEM DE

INUMERAS OUTRAS DE TODA A ZONA BRAGANTINA, TODAS ELAA

PROTESTANDO CONTRA A INSIDIA QUE SE PRETENDIA PLATICA

CONTRA O DR. ALCINDO E HIPOTECANDO AO MESMO INTEIRO APOIO

E IRRESTRITA SOLIDARIEDADE, CONSTITUIRAM, POR CERTO, NM

TESTEMUNHO INDISCUTIVEL DO APRECO E DA CONSIDERACAO EM QUE

O DR. ALCINDO E TIDO EM TODOX A ZONA SOB SUA LIDERANCA

DEVELIS RESSALTAR, Q-LA DOS NOVE MEMBROS DO DIRETORIO

REUNIAO DE 22 DE FEVEREIRO, OPTANDO QUE TOMARAM PARTE NA

PELO DR. LOURENCO QUILICCI E CONTRA SOLIDARIOS O DR. ALCINDO SR. ARLINBUENO

DE ASSIS, */ DELES DECLARARAM-SE COM O

DECLARANDO, REPUDIANDO, ASSIM, O ROTO QUE HAVIAM DADO FORA ECONSEGUIDA

MAIORIA, OBTIDA NAQUELA TEUTAO

DO QUE A LOURENCO

ATRAVES DE COACAO POR PARTE DO DR.

ALEM DITO, O SR." LOURENCO QUILICI, NUM MOVIMENTO

DE FRANCA REBELDIA E ACINTOSA TRAICAO AO PARTIDO QUE O

ELEGERA, DIRIGIU-SE A JOANOPOLIS NOS DIAS 16 O 17 DI FEVEREIRO E

ALI TOMOU PARTE EM REUNIO,ES QUE VISARAM A FORMACAO DO

PARTIDO TRABALHISTA LOCAL IERRES FATOS ESTAO DOCUMENTADOS

COM OS DEPOIMENTOS DOS PROPRIOS SEUS ANTIGOS

COMPANHEIROS DO DIRETORIO DO PARTIDO SOCIAL PROGRESSISTA DAQUELA

MESMA CIDADE, ISTO E, O SEU PRESIDENTE, DO PREFEITO

MUNICIPAL E DO PRESIDENTE DA CAMARA IMUNICIPAL E PERMANECEM

DE PE, NAO PODENDO, EM ABSOLUTO, SER DESFEITOS POR

DECLARACOES GRACIOSAS PRESTADAS POR ELEMENTOS DE OUTRO PARTIDO AOS

QUAIS ESTA ATUALMENTE LIGADO O SR. LOURENCO QUFLICI.

ANNETE INSOLITA ATITUDE DO SR. LOURENCO QUILICI, SO

RESTAVA AO DIRETORIO REGIONAL DO PARTIDO SOCIAL

PROGRESSITA UMA ATITUDE E, ETT PLA UNANIMIDADE DE SEUS

MEMBRO FOI TOMADA NA SE&SAO DE 29 DE FEVEREIRO: APLICAR-SE AO

A PNA SEUS

PORREFERIDO SNHOR DE EXPULSAO DOS QUADROS

TLALO

AO CONTRARIO DO QUE AFIRMA O NOBRE DEPUTADO ARARIPE

SERPA, BRAGANTE NAO ESTA PAGANDO PELO "CRIME" DO SEU

PREFEITO ] STA E QUE ESTA SENTINDO AS COM EQUENCIA.S DOS

SEUS ATES DE FELONIA

BRAGANCA TERA NO ESCALRECIDO GOVERNO DO EMINENTE

PROF. LUCAS NOGUEIRA GARCEZ TUDO O QUE FOR POSSIVEL E

EM IDENTICA IGUALDADE AOS DEMAIS MUNICIPIOS DO ESTADO

AS OBRAS QUE ALI VINHAM SE PROCESSANDO NAO SOFRERAM ATE

AGORA QUALQUER SOLUCAO DG CONTINUIDADE E AS ALEGADAS

PERSEGUICOES PRATICADAS CONTRA O MUNICIPIO NO TOANTE A

RETIRDA DE APARELHAMENTO DO D.E.R. SAO ABSOLUTAMENTE

INVERIDICAS SNAO VEJAM O PEDIDO DE DEVOLUCAO DO

TANQUE DE IRRIGADEIRA E DA BOMBA DAGUA QUE SE ENCONTRAVAM

POR EMPRESTIMO NA PUERICULTURA DE BRAGANCA, FEIT POR

OFICIO DO DIRETOR DD 5.A DIVISAO REGIONAL, EM 4 DE MARCO

ULTIMO, OBEDECEU A UM DEESPACHO EXARADO PELO DIRETR

GERAL DO DEPARTAMENTT, EM 28 DE FEVEREIRO, VESPA

PORTANTO, DA DATT DA EXPULSAO DO SR. LOURENCO QUILICI NAO

PODE HAVER CASTIGO DE VESPERA

A SOLICITACAO DA INFORMACAO DA DATA PROVAVEL EM QUE

SERA DEVOLVIDO UM ROLO COMPRESSOR DO D.E.R., QUE AE

ENCONTRA POR EMPRESTIMO EM PODER DA MSMA PREFEITURA

DESDE 1950, OBEDECEU A DETERMINACAO ONSTANTE DE

DRADESPACHO DO SR. SECRETRIO DA VIACO E OBRAS PUBLICAS

A COMUNICACAO DO DIRETR SUBSTITUTO DA DIRETORIA DE

OBRAS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE SAO PAULO, DE QUE A

FALTA DE DEVOLUCAO DO MAQUINARIO, CEDIDO POR EMPRESTIMO

A REFERIDA MUNICIPALIDADE DE BRAGANCA PAULISTA, VEM

CAUSANDO TRANSTORNOS NO SE 'ICO A CARGO DDO MESMO

MUNICIPIO, REITERA A SOLICITACAO DENTIC FEITA EM 31 DE JANEIRO

DOE1952, VINTE O NORE DIAS ANTES DA EXPULSAO DO AR.

LOURTENCO QUILICI

A CIRCUNSTANCIA DE ATENDER A.S SUAS PROPNEUS

NECESSIDADEDE FEZ COM QUE A PREFEITURA MUNICIPAL DE SAO PA*,)

DEIXASSE DE ATENDER A, SOLICITACAO DO FORNECIMENTO DE

QUINHENTAS MUDAS DE NOMENCLAS ORNAMENTAIS A *UA CONGENERE

DE BRAGANCA POIS, PARA TANTO, TEM ELA VIVEIRO PROPRIO

O SR. PREFEITO DEVERINI TER-SE DIRIGIDO A REPARTICAO

COMPTENTE E NAO A PREFETURA MUNICIPAL DA CAPITAL

QUANT A UTILIZACAO DA VERBA "FUNDO RODOVIARIO

NAO PROCEDEM IGUALMENTE TM ACUSACOES DO SR. PREFEITO

AS CHAMADAS "PA. ADAS DE PLAINA" SAO SOLICITADA:

PARA BENEFICIO DAS PROPRIEDADES DE PARENTES DE S. 8. E

NESSE CAPITULO CONVEM DIZER QUE O MESMO PREFEITO,

RELEGANDO AO MAIS COMPLETO ABANDONO TODAS ESTRRADAS

PRICIPAL CONCENTROU TODO O APARELHAMENTO DE QUE PODERIA

DE TIPO EDTADUAL E DE NENHUM RENDIMENTO ECONOMICO, PARA

BENEFICIAR PROPRIEDADES DE FARADIZARES SEUS, O QUE LHE VALEU

SEM DUVIDA, ARTTS DE SOLIDAREDADE DE FERRENHOS INIMIGOS

DA VEERA

-AS PORSSEGUIR DIZEMOS NOS ELEE, DE BRAGANCA

CONSISTE NO PAGAMENTT DA SOMA DE CENTO E ENTA MIL

CRUZEIROS, FEITO EM DATAA DO MES PRXIMO PASSADO PELO D.

E.R. A PREFEITURA DE BRAGANCA, POR CITACCO DO SR.

LOURENCO QULLLCL E DESTINADO A COMPRA DE MATERIAL DE

TRANSPPORTES

O MUNICIPIO VEM RECEBE DO ESTADO, ATRAVES DO

D.E.R. RETFICACAO MELHORAMENTO DAS ESTRADADA

PARA A E

MUNICIP BANANA-PEDRA BELA, BRAGANTEEI

PRETOS-JOANOPOLIS BENFEITORIAS QUE ATINGEM A TIM MILHAO

E SEICENTOS MIL CRUZEIROS

PAUIOBRAGANCAA CONSTRUCAO DA AUIO-EST DA SAO

VARREM, OEM DESUNO A CAPITAL "H IN»IRA, EM PLENA FASE DT

EXECUCAO, DANDO INCREMENTO ATADA A ZONA BRAGANTINA E

INTEGRANDO-A NO RITMO DO PROGRESSO DO NOSSO ESTADO,

MOSTRAM QUE OSSA PERSEGUICAO E UMA FANTASIA DE DESPEITADO

AIINDA NA SE SSAO DE 28 DO CORRENTE, O NOBRE SR. DEPUTATO

ARARIPE SEPP PROSSEGUINDO LUL SERIE DE ATAQUE QUE ERF

PROMOVENDO CONTRA O DR. ALCINO BUENO DE ASSIS, FEZ VARIA:

AFIRMATIVAS MENOS VERDADEIRAS

ARARIPE SERPA, PROSSEGUINDO NA SERIE DE ATAQUES QUE VER:

DISSE S. EXA. QUE, EM VISI FEITA A JOANOPOLIS A

CONVITE DO PRESIDENTT DO DIRETORIA MUNICIPAL DO PARTIDO

ANUM PARDIEIRO SUJO E INFECT E AMEACANDO RUIR, PONDO EM

BALHISTA BRASILEIRO", CONSTATARA QUE O PAMS FUNCIONA

RISCO OS QUE O PROCURAM E QUE, CONTRASTANDO COM E.SSE

PENTACULO DEPRIMENTE, EXISTE A POUCOS PASSAS DALI UM

PREDIO NOVO, OEM TODAS AS CARACTERISTICAS EXIGIDAS PELO

SERVICO DE SAUDE DO DEPARTAMENTO DO SERVICC DO INTERIOR,

CONSTRUIDO SEGUNDO A PLANTAPARA PARA OS NOVOS PAMS

E DIZ S. S. QUE, PPR MOTIVOS POLITICOS, OO PESSEPISTA

LOCAL, CHEFIADOS PELO DR. ALCINDO BUENO DE ASSIS, TUDO

TEM FEITO PARA QUE NAO SE EFETIVE O APROVEITAMENTO DO

PREDIO REAEM-CONSTRUIDO.

A ACUSACAO, ALEM DE GRACIOSA, TRANSCENDE DE MALICIA

NENHUMA INTERFERENCIA HOUVE DA PARTE DO DR. ALCIND«

BUENO DE ASAIS OU DE QUALQUER OUTRO ELEMENTO POLITI DE

JOANOPOLIS NO CASO

O SR. PRESIDENTE LEMBR A V. EXA. QUE

DISPOE DE APENAA UM MINUTO PARA TERMAR SUA ORAO

O SR. ARARIPE SERPA (PELA ORDEM) SR. PRESEIDENTE

REQUEIRO PRORRROGACAO DA *,AO POR MAIS 10 MIIUTOS.

O SR. PRESIDENTE OS SM. DEPUTADOS QUE

APROVAM O REQUERIMENTO DO NOBRE DEPUTADO ARARIPE SERPA, DE

PRORROGACAO POR MAIS DEZ MINUTOS DA PR ENTE SESSAO,

QUEIRAM CONSERVAR-SE CAMO SE ENCONTRAM PAUSA ESTA

APRODO

CONTINUA CEM A PALAVRA O

O SR. MARTINICO DI

ARARIPE $ERPA,

NOBRE DEPUTADO MARTINHO DI

NCBRE DEPUTADO

PEDINAO PRORRROGACAO OA SESAO OOUVIR GESTO DE DEF-SA V. EXD IMPLICA ATAQUE

])ARA UMA QU.* ERA

TAMBEM AOS SEUS C IAPANHEIRCS E, POR CERTO, EMBORA INDIRETAMENTE,

CINCOM A\V.

SIGNAR A V.AGRADO EXA.+ E UM ATA MUITO NBR QUE DES. JO

O ST. SR, AIPA MARTINICO SARPA IH CLERO MUITO CB:IGAD0 A VERADE EXA. E BIM

SUTRA FIQUE DIRETAMNTE CARECIDO

SECRETARIA E PROCSSO DA QUE SAUD:', ATE HCJ NAO NCG.:EIAQUC EE

COES ,A PROPRIETRIO FQUE ',IRENTI CNR EM

NA DO SE

APR VEITAMZ!NU C:M O INSTALACAO D TIUI'.IVA PAMS !»ARA O SELL ISTO AO

DEVE ,'XCLUSIVATNENTE AS DCSEABFDAS LOTENOS DOS

MESMAS

QTE DO QUANTOIMOVEL A ALTERES QUER QUA:DO AO PREC..O DE VENARA

MESMO RECEBI DO PRESIDENTE CUMATA MUNICIPAL DE JCA

TOPLI GUINTE DCOUMENTO DA LSR: (LEL

"'JCANOPOLK% O 29 DE MATIO QUE 1952. PA»SO A

EXMO SR. PRESIDENTE EM DA ASSEMIA DE LEGISLATIVA DO

ESTAD ,

A CAMARA MUNICIPAL CICADALE HOJÆ XVLL,- I, A,

SESSAO EXTRAORDINARIA, DELIBEROU, OEST PELA MAIORIA D* EM

MEMBROS, PRETEXTAR PERANTE V. ESA DEPUTADO ARARIPE SENS

SERPA DA BANCADA DO P. T. B.. PELO DEMAGOGICO DISCURSO

PROFERIDO POR AQUELE PARLAMENTAR, REFERENTE ARA NEGOCIE

REIACIONADCS A NASSA PELITEIA NESTE MUNICIPIO

NAO ESTA CREDENCIADO PARA TANTO O ILUSTRE

REPREENTANTE DO POVO, DE VE-Z QUE DE C'ONHECE POR COMPLETO QUE HA

CE CIRTO REAL SOBRE DIZEM RESPEITO A NESTA O

ADMT O QUE A

R.ISTRACAO.

NO DISCURSO ORADOR FERIR PERSSONALIDADE

PROCUROU O

INATINGIVEL DO REPRESNTANTE POLITICO DESTA ZONA, CUJO NOMA

E CUJA AC O ESTAO VINCULADOS A NOSSA JUSTA COUSLDERACAG.

DR. ALCINDO BUENO DE ASSIS

DEVERIA O ARDOROSO DEPUTAD% SEM AS SUPERFICIALIDADE

CARACTERIZAM BAIXA POLITICALHA HOMEN

QUE A PROCURAR OS

DE RESPONSABILIDADE DO MUNICIPIO, PARA ASSIMM, AO INVES

DE

FOMENTAR DISCORDIA CONTRIBUIR GRANDEZA DESTE

PEDACO DE TERRA A BANDEIRANTE PARA A

ENTRETANTO, INSUFLADO INTERESSADOO

POR ELEMENTO EM

TRAZER A DISPERDIA EM F%AO MEIO, S. EXA. FEZ UMA

TEMPESTADE NUM DPO D'AGUA, SEM NENHUM PROVEI COLETIVO,

ANALISAMOS OS FATOS PARA MELHOR COMPREENSAO:

QUANDO NA DELEGACIA DE SAUDE, DEESTA ZONA, O ILUSTRE E

QUERIDO FILHO DEESTA TERRA, DR. HORACE PIGUEIREDO F**

PROPOSTA POR AQUELE TITULAR A CONSTRUCAO DE UM PREDIO ONDE

DEVERIA FUNCIONAR O PESTO DE SAUDE LOCAL

EM ENTENDIMENTOS COM O DR. HORACIO O SR. JCA

ANTONIO RIBEIRO, ATUAL PREMENTE DO PARRIDEO TRABALHISTA,

COMPROMETEU-SE A CONSTRUIR O REFERIDO PREDIO TOB PLANTA DA

DELEGACIA DE SAUDE, MEDIANTE O A[UGUH DE CR* 1.00000 A

CR* 1.500,00.

ACONTO QUE, DEPOIS DE CONCLUIDAS OS SERVICOS, O SL'.

JOAO ANTONIO RIBEIRO, NEGANDO-SE A CUMPRIR O COMPRCMISS.?

SUMIDO SOB A ALGACAO QUE SMITTE LHE INTERESSAVA

VENDER A OBRA CONCLUIDA AO ESTADO E FEZ PROPOSTA A SECRETA°

RIA DA SAUDE, CLA QUANTIA DE GH'* 400.000,00.

AQUI E QUE ESTA O PONTO NECRALGICO DA QUESTAO

EXAMINANDO, AS AUTORIDADES COMPTENTES A PROPOSTA

APRESENTADA, JULGARAM-NA ABSURDA PELA EXAGERADA

PRETENNAO DO INTERESSADO

UMA SEGUNDA PROPORTA FEL FEITA PLO PROPRIETARIO RI.

NA MEMA DE PREC=S,

BOIARO BASE POREM, FACILITANDO SR

GAMENTE O

PAAO QUE NOS PARECE, A IUZ (IA LOGICA E DO BOM ÆNNO,

COMO REPRESENTANTE DESTA LOCALIDADE

ESTADO NEGANDO-SE ADQUIRIR REFERIDO QUEPREDIO OMT PELA E QUE O

EXORBITANTE QUANTIA DE (IRS 400.000,00. NADA MAIS FEZ DO QUE

DEFENDER O PATRIMONIO DO POVO, DO QUAI E REPRESENTANT«

O DEPUTADO ARARIPE SERPA,

EM TAIS CNDICOES LANCAM O N SO VEEMENTE PRO.

TESTO OENTRA AS SITUACO LEVIANAS DO DEPUTADO TRABALHAS

TA E APELAMOS PARA QUE SUA EXCELENCIA, NO NTIDO DE QM

TODA A VEZ QUE DESEJAR INTERFERIR NA NOSSA VIDA PIUCI

ADMINISTRALIVA, FACA UM RIGOROSO EXAME DE SCIENCIA

PARA ASSIM NAO TRAIR OS SAGRADOS COMPROMISSO DO SEI

JURAMENTO QUE SAO DE DEFENDER PATRIMONI DO POVO DEN,

TRO DAS O

NORMAS DO DIREITO DA JUSTICA_ (A.) GENTIL ZAPP&

PRESIDENTE E

--

PAHIM 51