Página 244 da Administrativo do Diário de Justiça do Estado de São Paulo (DJSP) de 18 de Dezembro de 2013

53.2. Para a autenticação de cópia em papel, será sempre indispensável o confronto da cópia com o filme, original ou duplicado, mediante projeção da imagem do filme em aparelho apropriado.

53.3. Para a autenticação de cópia em papel, a imagem no papel deverá ser legível a olho nu.

54. As cópias em papel serão autenticadas mediante aposição de carimbo ou impressão por outro meio, em cada folha, segundo o modelo abaixo:

"Autentico a presente cópia, que confere com fotograma extraído do microfilme/microficha objeto do registro nº _______ deste Oficial de Registro.

Data e assinatura”

Art. 2º - Este provimento entrará em vigor em 60

dias da data de sua primeira publicação.

São Paulo, 13 de dezembro de 2013

JOSÉ RENATO NALINI

Corregedor Geral da Justiça

DICOGE 2.1

COMUNICADO CG nº 1582/2013

(Processo 2013/119810)

A Corregedoria Geral da Justiça RECOMENDA aos MM. Juízes de Direito e Dirigentes das Unidades Judiciais do Estado de São Paulo a utilização das movimentações 61320- Processo Suspenso por Recurso Repetitivo. 61321 – Processo Suspenso por Repercussão Geral ou 61352 – Revogada a Suspensão do Processo por Recurso Repetitivo/ Repercussão Geral , a fim de adequar no sistema informatizado oficial a situação dos feitos suspensos em razão de decisão do Superior Tribunal de Justiça ou do Supremo Tribunal Federal, vedada a prática de se manter tais processos em “conclusão” enquanto se aguarda decisão dos Tribunais Superiores. COMUNICA , ainda, que tais providências objetivam manter a fidedignidade dos dados constantes nas estatísticas periódicas (Movjud).

(18/12/2013)

PROCESSO Nº 2013/150759 - FRANCA - VANESSA CARLA BERTOLINI e OUTROS - Advogados: VIVIANE DE FREITAS BERTOLINI PÁDUA, OAB/SP 236.681 e EDUARDO DE FREITAS BERTOLINI, OAB/SP 336.731.

DECISÃO: Aprovo o parecer do MM. Juiz Assessor da Corregedoria e, por seus fundamentos, que adoto, nego provimento ao recurso. São Paulo, 09 de dezembro de 2013. (a) JOSÉ RENATO NALINI , Corregedor Geral da Justiça.