Página 44 da Poder Executivo - Seção I do Diário Oficial do Estado de São Paulo (DOSP) de 13 de Setembro de 1983

REQUETEOS NOS TERMOS REGIMENTAIS, SEJA CONSIGNADO NA ATA DOS

NOSSOS TRABALHOS UM V,OTO DE CONGRATULACOES COM A POPULACAO DE

BURITIZAL, PELO TRANSCURSO, AOS 8 DIAS DE SETEMBRO DE MAIS UM ANIVERSARIO

DO MUNKIPIO.

REQUEREMOS, OUTROSSIM, QUE DESTA MANIFESTACAO SEJA DADA

LEGALIZADA TAA REGIAO FISIOGRAFICA DE FRANCA, COM UMA AREA

TERRITORAL DE 272 QUILOMETROS QUAADRAX ENCOMIARAMOS URA AREALIDADE NA

QU-IL SE TEM O PRIVILEGIO DE CHEGAR TRATA-SE DE BURITIZAL CUJAS TERRAS SE

LIMITAM COM OS MUNICIPIOS DE IGARAPAVA, ARAMINA, JERIGUARA,

PEDREGULHO E VETAVA

MUNICIPIO EM FRANCO DESENVOLVIMENTO, GRACAS A FERTILIDADE DE

SUAS TERRAS, ABRANGE INUMERAS E BEM CUIDADAS PROPRIEDADES RURAIS

QUE SE DEDICAM A AGRICULTURA E A PECUARIA APRESENTA TAMBEM ESTA

COMUNA UM COMERCIO ATIVO E UMA INDUSTRIA EM GRANDE

DESENVOLVIMENTO

DISPOE, POR OUTRO LADO, A CIDADE DE BURITIZAL DOS PRINCIPAIS

SERVICOS DE INFRA-ESTRUTURA ASSIM COMO DE BONS RECURSOS HOSPITALARES E DE

COMPACTO COM OS GRANDES CENTROS DO ESTADO, ALEM DE INUMERAS

ENTIDADES ASSOCIATIVAS E DE LAZER

* VALIOSA E A CONTRIBUICAO DADA PELA REDE DE ENSINO LOAL A

INTEGRACAO DOS JOVENS NA SERIEDADE DEMONSTRANDO, POIS, A ATENCAO

DISPENSA PELAS AUTORIDADES DO MUNIPIO A EETE IMPORTANTE SETOR DA

COMMUNALLE

PORTANTO, NADA MAIS JUSTO QUE REGISTRARMOS NOS ANAIS DESTA CASA

NOSSO VOTO DE CONGRATULACOES COM A POPULACAO DE BURITIZAL PELA

PASSAGEM DO ADVERSARIO DO MUNIPIO QUE OCORRERA AOS 8 DIAS DO M* DE

-TEMBM.

SALA DAS SESSOES, EM 6-9-83.

*

REQUEREMOS, NOS TERMOS REGIMENTAIS, CONSTE NA ATA DE NOSSOS

.

TRBALHOS VOTOS DE CONGRATULAMOS COM A UNITAU UNIVERSIDADE DE

TAUBATE, PELA ESCOLHA DO NOME DO DR. WALTER THAUMATURGO JUNIOR

*A OPAR O CARGO DE REITOR DAQUELA INSTITUICAO, ALTAMENTE

O E

MERECIDIGNIFKANTE.

REQUEREMOS, OUTROSSIM, QUE SE DE CIENCIA DESTA MANIFESTACAO

-AQUELA UNIVERSIDADE, A RUA 4 DE MARCO, 432 TAUBAT'E CEP

12.100* BEM COMO, AO PREFEITO MUNICIPAL E AO PRESEIDENTE DA CAMARA

DO* VEREADORES DAQUELA LOEALIDADE.

PROFKXM. ESTE E, SEM DUVIDA, O CASO DO HOMEM, DO AMIGO, E AGORA

DO MAGNIFICO REITOR DA UNITAU UNIVERSIDADE DE TAUBATE, DR.

WALTER TAUMATURGO JUNIOR

VEM ELE DESEMPENHANDO, DURANTETRES ANOS, CARGOS E

RESPONSABIIDADE COMM A HUMILDADE QUE TOMOU CARACTERISTICA MARCANTE DE SUA

13ERSOMDIDADE.

*E, NA0 * DE SE ADMIRAR QUE O MESMO TENHA JUNTADO AS SUAS

GUMERAS CONQUISTAS MAIS ESTA, QUE AGORA DESTACAMOS, COMO

COROAMENTO DE TODO UM TRABALHO HUMANO, DESENVOLVIDO COM DENODO,

DESAFO POR DESPASSA ESTAMPADO SEU ESTILO E SUA DINAMICA, EM RAZAO

DE SEU TRABALHO SERIO E INTELIGENTE

HONERO DOTADO DE VASTA CULTURA, CONSEGUIU SEMPRE TRANSITO FACIL

NO MEIOESTUDANTIL E, EM ESPECIAL, ENTRE SEUS ALUNOS, COM OS QUAIS SE

IDENTIFICA PELO SEU ALTO ESPIRITO DE EDUCADOR COM MUITA PROPRIEDADE

EM'SUA ED* INAUGURAL, A "GAZETA DE TAUBATE" ASSIM SE EXPRESSA: A

: COMUNIDADE UNIVERSITARIA PASSA A TER NAO UM MAGNIFICO REITOR, MAS

* UM REITOR M MIFKO.

* A IDEIA E, * SEU PROPRIO DIZER, P DE MEMORIZACAO DA

UNIVERSI:

*

DAß., ¡X-LO INTERCAMBIO DE AMEIOS DE TODOS QUASITOS LABUTAM NA

INSTIGO ESTOMAGANDO O IDEAL QUE A INSPIROU E LUTANDO PARA QUE ELA

SO*,+*, VITTO * DIGNA -

NADA MAIS VIVIVEL QUE EXALTAR, A FIGURA DC INCOMPARAV«

**

* BAIANO QUE, PELO SEU TIROCINIO SUA DEDICACAO E SEUS AMPLOS MERITOS

.. HZ CONSTAR SUA ADMIRACAO Q RECONECIMENTO ATR,AVES NESTE

RMIS FOI GUINDADO I TAO ELEVADO .L -TO, RAZAO PELA QUAL, ESTA CASA

*

*. REQU.ERT". MENTO, AUGAUARATO-LLAEA MAIS FEL,, DAS GESTOES COMO MAGNIFICO REITOR

DA UNITAU-UNIVERSIDADE DE TAUBATE

PARA DEITO REGISTRE EM NOSSOS.ANAIS, ESTE E O CURRICULUM * V* .

RAE'I DO DR* WALTER THAUMATURGO JUNIOR, QUE BEM DEMONSTRA A

JUSTEZA DN HOMENAGEM

I DAADM MOAIS

NOME:

RECOUT

NATURALIDADE:

NADRADE

DATA DE NASCIMENTO!

RESIDENCIA:

C.F. (CIQ:

TINDO DE ELEIT

WALTER THAUMATURGO JURE

WALTER THAUMATURGO JURE

WALTER THAUMATURGO E MARIA APARECIDA

WALTER THAUMATURGO E MARIA APARECIDA

THAUMATURGO THAUMATURGO

TABARE TADODE SAO PAULO

TABARE TADODE SAO PAULO

DIOCLE BRASILEIRA

BRASILEIRA

23 DE JUNHO DE 1939

23 DE JUNHO DE 1939

AV. PROF. WALTER THAUMATURGO, N. * 590 AV. PROF. WALTER THAUMATURGO, N. * 590

BOM CONSELHO TAUBATE SAO PAULL

FONE: 32--4276 -

PGA MARCELINO MONTEIRO N.*111 SOBRELOJA SAH 6 ED* MONEIM LOBATO TAU

BATE SP. FONE: 32-7268 * *

RG N.* 4.681.564

N.* 01.8.682.928/00 - ELEITORAL

1. * CAT. NEO 259.375 SERIE B MG 2. *

R.M. * 2. 0 S.E. COM.

.

FF' -

PROFISSIONAL PREFESSORES PELO INSTITUTO

PARA

LOBATO" DE TUBATE 1959. *

EM CIECIAS JUDKA E SODAIS PELA

*2 1967. -

MUNICIPAL PEB FACULDADE DE DIREITO DE

MUNICIPAL PELA FACULDADE DE DIREITO DE

CURSO DE FI* DE RENDAS PELO INSTITUTO BRASILEIRO DE

A ,==CAO M 1969.

. CRASSO AXE 'PROBLEMAS DO DESENVOLVIMENTO , ' * PELO CONVIVIO

SOCIED ITIKIRA DE COLTURA 1971.

-CURSO DECI* SODAI PELA C.N.B.B. 1972.

CURSO DE METODOLOGIA DO DO ENSINO SUPRIPELA FACULDADE DE

*, CIENCIAS E L.EM DE TAUBATE1967.

- PRAKSSOMS EDUCACAO CIVICA

* CUNO DE FOMACAO PARA DE MORAL E

-PELA FAULDADE DE FILOSOFIA CIENIDAS E LETRAS DE TAUBATE 1971.

ORNO DE ESTUDOS DM PROBLEMAS BRADOS PALA FACULDADE DE

FILOSOFIA, *E IXT DE TRAB= --1971* -

- *

CIMO LOBTE LOTAM DO ERMINO (LATI N*C 5*692171* PELO

INSTITUTO DIOCESANO DE ENSINO SANTO ANTONIO DE TAUBATE 1974.

CURTO SOBRE PLANEJAMENTO ESTOHR EM DINAMICA DE GRUPO"

SOBRE OS AIZS KLSDA DIVISAO PAGOA DA S* DA EDUCACI ODO

ESTADO DE SLO PAULO 1974.

* ITQ MINHOCARIO - DA - EDUCACAO CULTURA,

* E

CURSO DE SECRETARIO

* COM 3.714 1960.

*N**

CURSO DE TREINAMENTO BHASKO DE PROFESSORES DE ENSINN MEDIO

CELOMINISTERIO DA EDUACAO E CULTURA 1964.

*

IIASSEMOS

SEMINARIO DE CHEFIA E LIDERANCA PELA ASSOCIACAO DOS DIRETORES

DE VENDAS DO BRASIL 1967.

SEMINARIO DE INFORMACAO NO MARKERTING PELA ASSOCIACAO DOS

IRRORES DE VENDAS DO BRSIL 1967. '

- SEMINARIO SBRE A AMAZONIA LEGAL PELA SUPERINTENDENCIA DO

DESENVOLVIMENTO DA AMAZONIA EM AGUAS DE LINDOIA SETEMBRO DE

**1973.

SEMINARIO DO CEPAM VIII REUNIAO REGIONAL DE PREFEITOS

VEREADORES E FUCIONARIOS MUNICIPAIS 1970:

SEMINARIO DO CEPAM FUNDACAO PREFEITO FARIA LIMA SOBRE

A SESSAO SIMULADA DA CAMARA DE VEREADORES 1980.

SEMINARIO SOBRE "ASPECTOS DA REFORMA TRIBUTARIA" SOB OS

AUSPICIOS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE TAUBATE E PROFERIDO PELO PROF.

MILTON LRPROTA.

SEMINARIO DE DIREITO URBANISTICO PATROCINADO PELO IBAM

INSTITUTO BRASILEIRO DE ADMINISTRACAO MUCIPAL NO RIO DE JANEIRO NO

PERIODO DE 31 DE JULHO A 4 DE AGOSTO DE 1978.

SEMINARIO PARA O DESENVOLVIMENTO AGROBANCO DE TAUBATE

TALHADO NO RIO DE JANEIRO NA EMPRESA SERGIO BERNARDES ASSOCIADOS

1978*

SEMINARIO SOBRE NEGOCIABILIDADE, CIRCULARIDADE E

DIRIGIBILIDADE DO DIREITO DE CONSTRUIR BONUS PATRIMONIAIS REALIZADO NO L1 LIC EM SGI BEMARDES ASSOCIADOS NO RIO DE JANEIRO 1978.

- DE DIREITO ADMNINISTRATIVO * SOBRE: *

IV TRABALHOS PUBLICADOS

1. PARECERES

APOSENTADORIA, PENSAO MENSAL VITALICIA E PECULIO

ESTABILIDADE C ACUMULACAO

BRASILEIROS DOIS VOLUMES EDICOES

ENSINO SUPERIOR

2. STUDO DE PROBLEMAS -- 5

APOSTILADAS

3. DAS SOCIEDADES COMERCIAIS EM GERAL

4. QUAL O SIGNIFICADO DA CONVOCACAO DE UMMA CONSTITUINTE NO

BRASIL.

5. ANALISES DO LIVRO DE FICCAO JURIDICA ENTITULADO *O CASO DOS

EXPLORADORES DE CASERNA '

6. O SISTEMA DE FINANCIAMENTO DA EDUCACAO NO BRASIL.

7. AUTONOMIA MUNICIPAL E REGIOES METROPOLITANAS

8. O CONDOMINIO HORIZONTAL FECHADO PERANTE A LEGISLACAO

BRASIL.

V MISTERES PROFISSIONAIS

COMO INTEGRANTE DA COMISSAO MUNICIPAL DE

BIDA DE EXAMINAR E EMITIR PARECER EM PROCESSOS

1968.

COMO INTEGRANTE DA COMISSAO MUNICIPAL DE

BIDA DE EXAMINAR E EMITIR PARECER CM PROCESSO DE

CARROS 1968.

COMO CONSELHEIRO , DO INSTITUTO DE PREVIDENCIA

AUSTENO PERIODO DE 1966 A 1969.

TAUBATE INCUM

DE ESTABILIDADE

TAUBATE INCUM

ACUMULACAO DE

DO MUNICIPIO DE

COMO INTEGRANTE DA COMISSAO MUNICIPAL

BOLSAS DE ESTUDOS NOS ANOS DE 1971 A 1972.

COMO ASSESSOR DA COMISSAO MUNICIPAL

MA UNIVERSITARIA DE TAUBATE (PORTARIA M *

1970).

COMO PROFISSIONALA LIBERAL DE ADVOCACIA

TRABALHISTA EM GERAL

COMO FUNCIONARIO PUBLICO MUNICIPAL

PARECER EM MILHARES DE PROCESSOS

DE TAUBATE PARA

REFOR

ENCARREGADA DA

78, DE 12 DE MAIO DE

NO FORUM CIVIL

EXAMINANDO E EMITINDO

COMO INTEGRANTE DA COMISSAO ESPECIAL MUNICIPAL DE TAUBATE

ENCARREGADA DA ESCOLHA DE PROFISSIONAL DE NOTORIA ESPECIALIZACAO PARA

ELABORACAO DE PROJENOS NECESSARIOS A IMPLANTACAO DO TURO MERCADO

MUNICIPAL (PORTARIA N.* 191, DE 12 DE JUNHO DE 1973).

COMO INTEGRANTE DA COMISSAO ESPECIAL MUNICIPAL DE TAUBATE

ENCARREGADA DE SOLUO AS PROPOSTAS QUE APRESENTEM MELHORE

CONDICOES T&NICAS E ECONOMICAS-FINANCEIRAS PARA LEVANTAMENTOS

TOPOGRAFICAS EM TAUBATE (PORTARIA N. * 233, DE 22 DE AGOSTO DE 1973).

COMO INTEGRANTE DA COMISSAO ESPECIAL MUNICIPAL DE TAUBATE

ENCARREGADA DE ORGANIZAR A EXPOSICAO TABARE 74 (PORTARIA N. * 2-0, DE

31 DE OUTUBRO DE 1974). -

COMO INTEGRANTE DA COMISSAO ESPECIAL MUNICIPAL DE TAUBATE

ENCARREGADA DA REFORMA DO CODIGO DE OBRAS DO MUNICIPIO (PORTARIA

N. O 273 DE 6 DE DEZEMBRO DE 1979).

COMO INTEGRANTE DA COMISSAO ESPECIAL MUNICIPAL DE TAUBATE

ENCARREGADA DE REDIGIR A LEGISLACAO LOCAL SOBRE PARCELAMENTO DO SOLO

URBANO (DECRETO *.* 4.228, DE 19 DE MARCO DE 1980).

COMO INTEGRANTE DA COMISSAO MUNICIPAA DE LICITACAO DE

TAUBATE (PORTARIA N. * 181, DE 8 DE JUNHO DE 1977).

CERTIFICADO DE RELEVANTES SERVICOS PRESTADOS AO CORPO DE

BOMBOS DE TAUBATE

VI ATIVIDADEDE DESENVOLVIDAS

EXPROFESSOR DE DIREITO ADMINISTRATIVO DA

ECONOMICAS E ADMINISTRATIVAS "PROF. ULISSES

APROVADO PELO PARECER CES *D* 403/7Q DO

EDUCACAO

EXPROFESSOR DE INSTITUICOES DE DIREITO DA FACULDADE DE CIENCIAA

VIDRA", DE TAUBATE,

CONSELHO ESTADUAL DE

FACULDADE DE CIENCIAS ECONOMICA E ADMINISTRRTIVAA "PROF. ULISSES

EXPROFESSOR DE ESTUDO DE PROBLEMAS

CIENIDAS ECONOMICAS E ADM. INISTRATIVAS

TAUBATE -

EXPROFESSOR DO GINASIO OLEGARIO DE

DOLOTE BANETO DE TAUBATE

VIEIRA", DE TAUBATE

BRASILEIROS DA FACULDADE DE

"PROF. ULISSES VIDRAR DE

BARROS E ESCOLA NORMAL

EXPROFESSOR DE EDUCACAO MORAL E CIVA DO INSTITUTO DIOCESANO

SANTO ANTONIO DE TAUBATE

EXPROFESSOR DE ORGANIZACAO SOCIAL E POLITICA DO BRASIL DO

INSTITUTO DIOCESANO SANTO ANTONIO DE TAUBATE

EXPROFESSOR DE ECONOMIA POLITICA E FINANCAS DO INSTITUTO

ANO SANTO ANTONIO, DE TAUBATE *

E

EXSECRETARIO DA FACULDADE DE CIENCIAS - CONTABEIS ATUARIAIS, - DE

TAUBATE

EX-VKE-PRESIDENTEDO INSTITUTO DE PREVIDENCIA DO MUNICIPIO DE

TAUBATE:

EXFUNCIONARIO - DA FACULDDE DE DIREITO DE TAUBATE

EVCHEFE DO DEPARTAMENTO DE ASSISTENCIA JURIDICA DA FACULDADE

DE DIREITO DE TAUBATE

EX-CONSUHOR JUÑDICO DA UNIVERSIDADE MUNICIPAL - DE TAUBATE

EASSISTENTE DE DIRETOR DO INSTITUTO DESANO DE ENSINO SANTO

ANTONIO

EXVICE DIRETOR DA FACULDADE DE CIENCIAS ECONOMICA E

ADMINISTRATIVAS "PROF. ULISSES VIEIRA", DE TAUBATE

FEEXASSESSOR JUÑDICO DO GRUPO DE TRABALHO A IMPLANTACAO DA

DESRCAO EXEMPREGADO DE ESCOLAS DEDATAUBATE COPANHIA FABRIL DE JURA DE.TAUBARE.

EXTRA-JURIDICO ADMINISTRTIVO DO SERVICO AUTONO , OC

* TAUBATE E

AGUAS E ESGOTOS DE

PROREITOR ASSUNTOS DE ADMINISTRACAO - DA UNIVERSIDADE -

PARA

DE TAUBATE

EPRO PARA E

REITOR ASSUNTOS - DE PESQUEI * POS GRADUACAO DA

UNIVERSIDADE DE TAUBATE

PAIS-MEMBRO DO CONSELHO FISCAL DA CONSTROEM SIA - TAUBATE

EXASSESSOR

JURIDICO DO BANCO DE SANGUE DE TAUBATE

VIL ATIVIDADES ATUAIS

PROFESSOR REGISTRADO NO MINSTERIO DA EDUCACAO E CULTURA, SOB

N** *D* 35.373. /

PROFESSOR TITULR DA UNIVERSIDADE DE TAUBATE

PROCURADOR DA PREFEITURA MUNICIPAA DE TAUBATE .*

ASSESSOR JURIDIO DA PREFEITUR MUNICIPAL DE STO LUTZ DO

PARAITINGA

VICE-PRESIDENTE DA ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS MUNICIPAIS DE

TAUBATE -

* TENDO CODDO DISCIPLINAS:

MESTRANDO EM DIREITO, PELA PORLTIFKIAU* CATOLICA DE

SAO PAULO. A SLMNL

UDODOS PROBLEMAS BRASILEIROS1981. -

1981.

FILOSOFIA DO DIREITO

-TEORIA GERAL DO DIREITO 1981.

- VIRDRO CONSTITUCIONAL 1982.

-DIREITO URBANISTICO 1983.

NA E OUTRAS

ADVOGADO MILITANSE COMARCA DE TAUBATE CIDADES

SALA DAS SESSOES, EM 12-9-83

A) AVYKAM

M

REQUERIMENTO * 1.704, DE 1983.

DESDE O FIM DA DECADA DE 1940, OS ARTISTAS PLASTICOS DE SAO PAULO

DESENVOLVEM UMA LUTA PARA CONSEGUIR ORGANIZAA SUA VIDA ADATIVA

COM O OBJETIVO DE, AO FINAL, CONSTITUIR O SINDICATO DA CATEGORIA

EM 31 DE MAIO DESTE ANO, EM ASSEMBLEIA REALIZADA SEDE DO

NA

SINDICATO DOS ANALISTAS DE SAO PAULL FOI FUNDADA A ASSIALICO DOS

ARTISTAS PLASTIKOS DE SAO PAULO, ENTIDADE RECONHECIDA NO DIA 11/08/83

PELA DELEGACIA REGIONAL DO TRABALHO

FINALMENTE, NO DIA 25108/83, A ASSEMBLEIA DA ASSOOCIACAO

DECIDIU TRANFORMAR A ASSOOCIACAO PROFISSIONAL EM SINDICATO TENDO SIDO DOE SEC. I, SAO PAULO,93-(174), TEI'CA:FEFFA, 13 SET. 1983

MOMENTO, EM QUE A CLASSE TRABALHADORA REUNE TODAA AS FORCAS PAARA

LUTAR CONTRA A POLITICA DE EXPLORACAO E OPRESSAO DO GOVERNO FEDERAL E

CONTRA A REPRESSAO AO MOVIMENTO SINDICAL E ASSOCIATIVO, A CRIACAO DE

MAIS UNT SINDICATO O DOS ARTISTAS PLASTICOS DE SAO PAULO, CONSTITUI

UNI IATO, DOS MAIS SIGNIFICATIVOS, QUE ATESTA A VITALIDADE DO

MOVIMENTO SINDICAI, APESAR DE TODAS AS CONDICOES ADVERSAS

POR ESSA RAZAO APRESENTAMOS O SEGUINTE REQUERIMENTO:

REQUEREMOS SEJA CONSIGNADO NA ATA DE NOSSOS TRABALHOS VOTOS DE

CONGRATULACOES COM A DIRETORIA PROVISORIA DO SINDICATO DOS ARTISTAS

PLASTICOS DE SAO PAULO. PELA VITORIA DA CATEGORIA AO CONSEGUIR, NA

ASSEMBLEIA DO DIA 25108/83, TRANSFORMACAO DE ASSOCICAO

PROFISSIONAI SINDICATO» A SUA

SALA EM DAS SESSOES, 06-09-83

EM

A) EDUARDO JORGE

MOES

MOCAO N. * 387, DE 1983

PERIODICAMENTE VOLTA-SE A DISCUTIR SBRE A DEVOLUCAO DA

AUTONOMIA DOS MUNICIPIOS CONSIDERADOS DE SEGURANCA NACIONAL, EM RAZAO DA

POLEMICA GERALMENTE TRAZIDA, COM A INDICACAO DE NOME, AINDA QUE

EM LISTA TRIPLICE PARA A ESSOLHA DO RESPONSAVEL PELO EXECUTIVO

MUNICIPAI DA CIDADE

AS AUTORIDADES PUBLICAS PROCURARA DEMONSTRAR AS VANTAGENS, AS

VIRTUDES DOS SISTEMAS ELEITORAIS PELOS QUAIS SE BATEM AO MEMO TEMPO

EM QUE TECEM AS MAIS ACERBO CRITICAS AOS SISTEMAS ADOTADOS E EM

VIGENDATA EM RAZAO DE NA MAIORIA DAS VEZES NAO TRADUZIR A VONTADE PO.

PU!AR DA CIDADE, IMPONDO-SE, ENTAO UM NOME CONTRARIO AQUELE QUE

SERIA O ESCOLHIDO PELA COMUNIDADE

COLOCAMO-NOS INAO LADO DOS QUE SE AO SISTEMA

OPOEM ATUAL DA

DICACAO DO NOME ESPERANCOSOS PELA ABERTURA POLITICA IMPLANTADA PELO

GOVERNO FEDERAL, SENSIVEL AO APELO DA POPULACAO DE NOSSO ESTADO E DO

NOSSO PAIS

O SISTEMA ELEITORAL VIGENTE APRESENTA NA VISAO DAQUELEE QUE

BUTANT PELA AUTONOMIA ASPIRADA, ALGUMA FALHAS E A NOS, REPRESENTANTES

DO CABE 6 DEVER DE LUTAR ELAS SEIAM SANADA

POVO NOS PATA QUE

APERFEICOANDO-SE O PROCESSO DE NOSSAS INSTIRUICOES POLITICA

PELAA RAZOES EXPOSTAS, E NA CONDICAO DE REPRESENTANTE POLITICO DA

CIDADE DE SAO SEBASTIAO, NAO PODERIA DEIXAR DE APRESENTAR ESTA

PROPOSITURA EM NOME DAS ASPIRACOES DE SUA OPEROSA POPULACAO E DOS DEMAIS

AREA SEGURNCA NACIONAL *

MUNICIPIOS CONSIDERADOS DE -

ASSIM SENDO,

A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SAO PAULO, DIRIGE APELO

AO

EXCELENTISSIMO SENHOR PRESEIDENTE DA REPUBLICA PARA QUE SE DIGNE

DETERMINAR URGENTE ESTUDOS, ATRAVES DOS ORGAOS COMPETENTES, VISANDO A

DEVOLUCAO DE AUTONOMIA AOS MUNICIPIOS PRESENTEMENTE CONSIDERADOS

AREA DE SEGURNCA NACIONAL DENTRE OS QUAIS SE ENCONTRAM AS CIDADEE DE

SAO SEBASTIAO, CUBATAO, PAULINEA E CASTILHO

SALA DAS SESSOES, EM 6-9-83

A) RICAMO IZAR -

A) ADEMAR DE BARROS -

*

A) GILBERRO DEIMON(

A) ARCHIMEDES LAMMOGLIA -

A) ABRAHIM DABUS

A) WA/TER LEMES SOARES -

A) MANCIO NA/AR

A) LUIZ FARJAN -

A) FAUZE CARLOS -

A) FAUSTO ROCHA

MOCAO N. * 388, DE 1983

CRIADO PELO EXTRAORDINAIO MEDICO E FILOSOFO POLONES, DR.

LUDWIG LAZAR ZAMENHOF E O ESPERANTO O IDIOMA INTERNACIONAL NEUTRO, DE

GRANDE VALIA, PORQUE ALEM DE PODER SER UTILIZADO EM TODAS AS

ATIVIDADES HUMANAS, TEM UMA FINALIDADE MUITO MAIS ELEVADA, QUAL SEJA:

SERVIR DE LINGUA AUXILIADA PARA PROMOVER O ENTENDIMENTO FRATERNAL ENTRE

TODOS OS PPVOS. -

COMO IDIOMA POIS, NENHUMA

FILOSOFICA NEUTRO, RELIGIOSA, NAO SERVE, CONSTITUI A VALORO ELEMENTO CORRENTE

POLITICA, OU DE FILOSOFIAS MAS MAIS UMANTAGONICA DADO

DE APROXIMACAO, AS VEZES ATE AS O

USEU PRECIPUO OBJETIVO DE CONFRATERNIZAR CRIATURAS, PERRENGAM ELAS A

QUALQUER RACA, CREDO OU PARTIDO POLITICO DE *

E SABIDO QUE A PAZ DA HUMANIDADE DEPENDE BOA VONTADE DE

CADA HABITANTE DO IMPLANTAASSIM A SUA DIVULGACAO ENSINO E ALAUENDB

A PARA A ENTRE OS POVOO: .

ZADO VIRILO CONTRIBUIR MAIOR HARMONIA

COM EFEITO, A SIMPLICIDADE E NEUTRALIDADE DO *TO FORAM O

FATORES PROPICIARAM, RECONHECIMENTO PELA UNESCO,

QUE O SEU DESTE REAL'. ADA MO.NTEß. EMI

1954, QUE NA CONFERENCIA GERAL ARGAO, EM

DEU, MANIFFESTOU-SE NO SENTIDO DE QUE FOSSEM AUTORIZADAS EXPETAS

RELATIVAA A UTILIZACAO DAQUELA LINGUA NA EDUCACAO CIENCIA E CULTURA E

COM ESTA FINALIDADE COLABORAR COM A ASSOCIACAO UNIVERSAL DO

ESPERANTO, NOS DOMINIOS QUE INTERESSAM AS DUAS ORGANIZACOES -AS

DECLARARAM OPORTUNIDADE, DIVERSOS METADOS MEMBROS -

PRONTOS A INTRODUZIR OU DESENVOLVER O ENSINO DO ESPERANTO EM SUAS

OCOLAS BASKAUS E SUPERIORES E A MANTEREM INFORMADO DIREITO GERAL DA DA

UNESCO SOBRE RESULTADODO OBTIDOS DOMINIO•SER/AMA DE-

ISTO OO ESPERANTO, NESSE - LINGUA

POSTO, E ENTENDENDO QUE O POR

FACIL APRENDIZADO E DE ACEITACAO UNANME ENTRE OS HOMENS, DEVE SER

ASTEE ENA NOSSO

AMPLAMENTE DIVULGADA ASSIMILADA PAIS APRESENTAS *

GUINTE PROPOSITURA: -

A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SIN PAULO AFLA PART O

EXCENTISSIMO SENHOR PRESIDENTE DA REPUBL NO SENTIDO RIE QUE

SEIAM ADORADA PROVIDENCIAS ATRVES DOS ORGOS COMPETENTES, SANDO

DIFUNDIR APRENDIZADO DO PAIS

SALAODAS SESSOES, 6-9-83. ESPERANTO EM NOSSO -

A) ¿)SKO IEIRA EM -

MOCAO

A MUDARA NO SISTEMA TRIBUTARIO NACIONAL VEM SEDO 'BU-

COM SETOSO ASV

EM A SUA NO TEMPO E NO ES/SAC,

LDRMUITA TENDOAMPLITUDE VISTA PELOS ESTAGNACAO DIVERSOS DA VIDA ECONOMIA

OSATUALMENTE MATERIA E OBJETO DE GUMERAS CÑMAS, TANTO

DE ESPECIALISTAA DO ADO. BEM DO DA ATIRAI

PANNE SETOR PRO, COMO SET

NISTRO PAULKA QUE CONSIDERA AMAL SEMEMA .MIM.TARIO NACIO

CAUSA DIRETA DO EMPOBRECIMENTO DO ESTADOO E MUAKIPTOS.

* ALTERACOES INTRODUZIDAS PELO FEDERAL PERCEBAM DE."

GOLEMO NO * *

AIFRECURSOS A

DITRIBUICAO * DE DURANTE ULUMA DECADA COM.BASC.

CES ESTABECIDO PELO SEPERADO SISTEMA, UILMA TIOL .SP EN.TE

SERVIU COMPLICAR FINANCERA DOS ESTADOS MUMPS

PARA A SATURACAO E E

LEVA-LO AO CAOS E A IOSOLVENDA.

NA

ARUNIDADE A APREENSAO DOS RESTXMSAWIS PELA .A*.* . -

PAULKA E TAO GRANDE NIO CONFORMAM INSECTA DE

VETTAS DAREM PROSSEGUIMENTO QUE SE PLANOSCOM DE DEMMLER A DOS

PARA RESPOMABILID#...E AOS *

SOBREE SOB SUA E, POMESSA RAZAO: ..E LOPRM

*O GOVERNO DA UNIAO NO SENTIDO DE ACETAR A *Q**O DE CINCO

REPRESENTANTES DOS MUNCIPIOS NA COMISSAO DO M* DO

.PL JAATENTO. COM A FINALIDADE DE OBTEREM SUBSTANTIVAL MUDADA NO SEMEMA

PERDE DISTÑBUICAO DE RENDAS E O CONSEQUENTE RETOMO DA AUTONOMIA

DIDA

DIAME DESSA SITUACAO PRODURAMEC*,. E

DA A BORA DE ENOMEAR UMA SAIDA HONROSA PARA ITK OE NMN

QOE AGRAVADA A ESTMTRA A MAQUIM ADMINI=MTI

POEMAS DE TODA

IKIRA.

CAREAL CONJUNTURA ECONOMIA BRASILEIRA, OS GRAMDE

HIRQUES

ENORME

D.U. ,RIA VEM ABSORVENDO QUANTIDADE DE MAO-DE-OBRA

ESPECIALIZADA OU NAO, SGURANCA IDA AO EMPREGADO

JUSTAMENTE PELA AERCC

MAIS *3. * SALARIO, INDENIZACOES, FERIAS, ASSISTENCIA HOSPITALAR FUNDO

DE GARANTIA, APOSENTADORIA ETC PREJUDICANDO SOBREMANEIRA O

INTEDO HOMEM DO ....

RESSE CAMPO

ASSIM DIANTE DE TAMANHA DISPARIDADE SUGERIMOS QUE OS MUNK

PRES * SOAM BENEFICIADOS COM UM AUMENTO DE 10% EM SEU PERCENTUAL

PARA SE ATINGIR OGRAU DE SUPERPRODUCAO, NECESSITARA O MUNIPIO DE

GRANDE QUANTIDADE DE MAO-DE-OBRA E, EM CONSEQUENCA DISSO,

OFERECERA CONDICOES PARA FIXAR O AGRICULTOR EM SEU '.' HABITAT", EVITANDO

DESSA FORMA O &ODO RURAL

REFERIDO PERCENTUAL SRIA DESTINADO SEGU/NTES FINALIDADES: *

PARA AS

A) 2% PATA O MEMENTO AGRICOLA NOS MUNICIPIOS AUTO-SUFICIENTES B)