Página 27 da Seção II do Diário de Justiça do Estado de Goiás (DJGO) de 15 de Abril de 2015

PORTANTO, FRENTE AS ORIENTACOES JURISPRUDENCIAIS SOBRE A QUESTAO,

INCLUSIVE DO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA, A SUSCITACAO DO PRESE NTE CONFLITO A SER DIRIMIDO POR UMA DAS SECOES DESSA CORTE E MEDI DA QUE SE IMPOE, RAZAO PELA QUAL SOLICITO A ESSE EGREGIO TRIBUNAL

QUE DECLARE QUAL E O JUÍZO COMPETENTE, SE ESTE OU O DA VARA ACIM A INDICADA. NO AGUARDO, POIS, DA R. DECISAO. MARCIO DE CASTRO MOL INARI 1 JUIZ DE DIREITO 1 VARA CIVEL

NR. PROTOCOLO : 506315-22.2011.8.09.0051

AUTOS NR. : 228 NATUREZA : DECLARATORIA REQUERENTE : GRACE MARA LUCENA GUEDES

REQUERIDO : BANCO CRUZEIRO DO SUL S/A ADV REQTE : 28256 GO - CLAUDIO BELCHIOR CAMARGO ADV REQDO : 27024 GO - NELSON WILIANS FRATONI RODRIGUES

DESPACHO : INTIMO AS PARTES PARA REQUEREREM O QUE ENTENDEREM DE DIREITO NO P RAZO COMUM DE 15 (QUINZE) DIAS, TENDO EM VISTA O RETORNO DOS AUTO S DO EGRéGIO TRIBUNAL DE JUSTIçA. RESSALVA-SE QUE CASO AS PARTES NãO REQUEIRAM O CUMPRIMENTO DE SENTENçA, OS AUTOS SERãO ARQUIVADO S (ARTIGO 59, INSTRUçãO DE SERVIçO 01/2008).

NR. PROTOCOLO : 64938-97.2015.8.09.0051

AUTOS NR. : 427 NATUREZA : REVISIONAL REQUERENTE : SEBASTIANA FLOR DA SILVA

REQUERIDO : BANCO ITAUCARD S/A ADV REQTE : 27179 GO - EPITACIO BARBOSA DOS REIS

DESPACHO : ANTE O EXPOSTO, NOS TERMOS DO ARTIGO 257 DO CPC, DETERMINO O CANC ELAMENTO DA DISTRIBUICAO DO PROCESSO, INDEPENDENTEMENTE DE PREVIA

INTIMACAO PESSOAL1. APOS O TRÂNSITO EM JULGADO, DESAPENSEM-SE E ARQUIVEM-SE OS AUTOS. P. R. I. GOIANIA, 26/03/15. HELOISA SILVA M ATTOS JUIZA DE DIREITO

NR. PROTOCOLO : 33932-72.2015.8.09.0051

AUTOS NR. : 252 NATUREZA : REVISIONAL REQUERENTE : FRANCISCO DE ASSIS NOGUEIRA DE SOUZA

REQUERIDO : BANCO BV FINANCEIRA S/A ADV REQTE : 6452 GO - PAULO DE TARSO PIMENTEL

DESPACHO : AUTOS N 252/2015 (201500339320) DECISAO DISPOE O ART. 5, LXXIV, D A CF, QUE DAR-SE-A ASSISTÊNCIA JURIDICA INTEGRAL E GRATUITA AOS Q UE COMPROVAREM INSUFICIENCIA ECONOMICA DE RECURSOS, O QUE, OBVIAM ENTE, DEVE SER FEITO NA INICIAL, SE O PEDIDO FOR DO AUTOR E, DO R EU, POR OCASIAO DE SUA RESPOSTA. NO CASO DOS AUTOS, A PARTE AUTOR A NAO FEZ PROVA SUFICIENTE DE SEU ESTADO DE NECESSIDADE, POIS PER CEBE-SE QUE FINANCIOU UM AUTOMOVEL CIENTE DO VALOR DAS PRESTACOES , DA QUANTIDADE E DO IMPACTO QUE CAUSARIA EM SEU ORCAMENTO. E CER TAMENTE NAO DESCUROU TAMBEM DOS GASTOS QUE TERIA COM IPVA, SEGURO S, TAXAS ADMINISTRATIVAS, COMBUSTIVEL, MANUTENCAO ETC., SEM MENCI ONAR AINDA AS DESPESAS NORMAIS COM A PROPRIA SOBREVIVENCIA. PORTA NTO, SE ENTENDEU POSSUIR CONDICOES FINANCEIRAS PARA HONRAR TODOS ESSES COMPROMISSOS, BEM COMO AGORA PARA CONTINUAR DEPOSITANDO O V ALOR DAS PRESTACOES E AINDA PAGAR ADVOGADO PARTICULAR (AFINAL, ES TE NAO DECLAROU ESTAR ATUANDO PRO BONO), REVELA-SE NITIDAMENTE IN VEROSSIMIL SUA DECLARACAO DE NECESSITADO (A) E OS DOCUMENTOS JUNTA DOS COM A INICIAL. POR OUTRO LADO, NAO SE PODE IGNORAR TAMBEM QUE

NESSE TIPO DE AÇÃO O QUE A PARTE BUSCA E EXCLUSIVAMENTE AUFERIR UMA VANTAGEM FINANCEIRA COM BASE NUMA SUPOSTA ABUSIVIDADE PRATICA