Página 15 da Empresarial do Diário Oficial do Estado de São Paulo (DOSP) de 13 de Agosto de 2015

Concessionária do Sistema

Anhangüera-Bandeirantes S.A.

Companhia Aberta

CNPJ/MF nº 02.451.848/0001-62 - NIRE 35300154461

FATO RELEVANTE

A Concessionária do Sistema Anhangüera-Bandeirantes S.A. (“Companhia”) vem, em cumprimento ao disposto na Instrução da Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”) nº 358, de 3 de janeiro de 2002, conforme alterada, e da Instrução da CVM nº 471, de 8 de agosto de 2008 (“Instrução CVM 471”), comunicar aos seus acionistas e ao mercado em geral que, nesta data, a Companhia submeteu à Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (“ANBIMA”) pedido de análise prévia para registro de oferta pública de distribuição da 7ª emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie quirografária, em série única, da Companhia (“Debêntures” e “Emissão”, respectivamente), a ser realizada em conformidade com os procedimentos da Instrução da CVM nº 400, de 29 de dezembro de 2003, conforme alterada (“Instrução CVM 400”), e da Instrução CVM 471, condicionada à prévia aprovação do Ministério dos Transportes, conforme previsto na Lei nº 12.431, de 24 de junho de 2011, conforme alterada (“Lei 12.431/11” e “Debêntures Incentivadas”), sob a coordenação do Banco Bradesco BBI S.A. (“Coordenador Líder”) e BB-Banco de Investimento S.A. (“BB-BI” e, em conjunto com o Coordenador Líder, “Coordenadores”), podendo contar, ainda, com a participação de determinadas instituições consorciadas autorizadas a operar no mercado de capitais brasileiro, convidadas pelos Coordenadores a participar da Oferta (“Participantes Especiais” e “Oferta”, respectivamente), que deverá se realizar da seguinte forma: • Serão ofertadas, no âmbito da Oferta, 930.000 (novecentas e trinta mil) debêntures (“Debêntures”), sem considerar as Debêntures Adicionais e as Debêntures Suplementares (conforme abaixo definido); • Nos termos do artigo 14, parágrafo 2º, da Instrução CVM 400, a quantidade de Debêntures inicialmente ofertada (sem considerar as Debêntures Suplementares (conforme abaixo definido)) poderá ser acrescida em até 20% (vinte por cento), ou seja, em até 186.000 (cento e oitenta e seis mil) Debêntures adicionais, nas mesmas condições das Debêntures inicialmente ofertadas (“Debêntures Adicionais”), que somente poderão ser emitidas pela Companhia em comum acordo com os Coordenadores até a data de conclusão do Procedimento de Bookbuilding (conforme abaixo definido); • Nos termos do artigo 24 da Instrução CVM 400, a quantidade de Debêntures inicialmente ofertada (sem considerar as Debêntures Adicionais), poderá ser acrescida em até 15% (quinze por cento), ou seja, em até 139.500 (cento e trinta e nove mil e quinhentas) Debêntures suplementares, nas mesmas condições das Debêntures inicialmente ofertadas (“Debêntures Suplementares”), destinadas a atender a um excesso de demanda que eventualmente seja constatado no Procedimento de Bookbuilding (conforme abaixo definido), conforme opção a ser outorgada pela Companhia aos Coordenadores no contrato de distribuição da Oferta, que somente poderá ser exercida pelos Coordenadores em comum acordo com a Companhia até a data de conclusão do Procedimento de Bookbuilding (conforme abaixo definido); • Na data de emissão das Debêntures (“Data de Emissão”), o valor nominal unitário das Debêntures será de R$1.000,00 (um mil reais), totalizando R$930.000.000,00 (novecentos e trinta milhões de reais) (“Valor Total da Emissão”), sem considerar as Debêntures Adicionais e as Debêntures Suplementares. O prazo de vencimento das Debêntures será de 5 (cinco) anos, contados da Data de Emissão (“Data de Vencimento”); • A taxa final que será aplicável à remuneração das Debêntures será determinada após a conclusão do procedimento de coleta de intenções de investimento (“Procedimento de Bookbuilding”), a ser conduzido pelos Coordenadores, nos termos do artigo 23, parágrafos 1º e 2º, e do artigo 44, ambos da Instrução CVM 400; • Nos termos do contrato de distribuição da Oferta, os Coordenadores promoverão a distribuição pública das Debêntures sob o regime de garantia firme de colocação e liquidação de forma individual e não solidária, no valor total de R$930.000.000,00 (novecentos e trinta milhões de reais), sem considerar as Debêntures Adicionais e/ou as Debêntures Suplementares que, caso venham a ser emitidas, serão colocadas sob o regime de melhores esforços. Assim, caso não haja demanda suficiente de investidores para as Debêntures até atingir o Valor Total da Emissão, os Coordenadores, na data de realização do Procedimento do Bookbuilding, realizarão a colocação, com a posterior subscrição e integralização das Debêntures que não tenham sido colocadas para os investidores (“Garantia Firme de Colocação”). A Garantia Firme de Colocação deverá ser exercida pelos Coordenadores na data de Realização do Procedimento de Bookbuilding. Na hipótese de não haver integralização por parte daqueles investidores que apresentaram os seus Pedidos de Reserva e ordens de investimentos, os Coordenadores ou os Participantes Especiais, conforme o caso, deverão prestar a garantia firme de liquidação das Debêntures, sobre o montante total de Debêntures que não forem integralizadas (“Garantia Firme de Liquidação”). • A totalidade dos recursos líquidos obtidos pela Companhia com as Debêntures será destinada para o reembolso de gastos, despesas e/ou dívidas relacionadas a projetos de investimento, conforme serão descritos nos documentos da Oferta, nos termos da Lei 12.431/11; • A Oferta somente terá início após: (i) a concessão do respectivo registro pela CVM; a divulgação do anúncio de início da Oferta, a ser divulgado pela Companhia e pelos Coordenadores, nos termos do artigo 52 da Instrução CVM 400; (iii) o registro para distribuição e negociação das Debêntures nos ambientes da CETIP e/ou BM&FBOVESPA; e (iv) a disponibilização aos investidores do prospecto definitivo da Oferta, incluindo o formulário de referência, elaborado pela Companhia em conformidade com a Instrução da CVM nº 480, de 7 de dezembro de 2009, conforme alterada. Este Fato Relevante não constitui uma oferta, convite ou solicitação de oferta para aquisição das Debêntures, sendo que nem este Fato Relevante nem qualquer informação aqui contida constituirão a base de qualquer contrato ou compromisso. Mais informações sobre a Oferta podem ser obtidas diretamente com a Companhia.

Jundiaí, 12 de agosto de 2015.

Concessionária do Sistema Anhangüera-Bandeirantes S.A.

Maurício Soares Vasconcellos

Diretor Presidente e de Relação com Investidores

TPI – Triunfo Participações

e Investimentos S.A.

CNPJ/MF nº 03.014.553/0001-91 – NIRE 35.300.159.845

Ata da Reunião do Conselho de Administração de 17/07/2015

Data e Local: Realizada às 14 horas, do dia 17/07/2015, na sede social da Companhia, localizada na Rua Olimpíadas, nº 205, conjunto 142/143, São Paulo, SP. Convocação e Presença: Dispensada a convocação em virtude da presença da totalidade dos membros do Conselho de Administração da Companhia, nos termos do § único do artigo 14 do Estatuto Social da Companhia. Mesa: Antônio José Monteiro da Fonseca de Queiroz, Presidente; Maria Fernanda Campello Dipp, Secretária. Ordem do Dia: Análise e deliberação sobre a realização, pela controlada da Companhia Maestra Navegação e Logística S.A., de Renovação de Cédula de Crédito Bancário (“CCB”) junto ao Banco ABC Brasil S.A. (“Banco ABC”), no valor de até R$40.000.000,00 bem como a prestação de Aval nesta operação por parte da Triunfo. Deliberações: Iniciados os trabalhos, os Conselheiros aprovaram, por unanimidade, a realização, pela Maestra Navegação e Logística S.A., de Renovação de Cédula de Crédito Bancário (“CCB”) junto ao Banco ABC Brasil S.A. (“Banco ABC”), no valor de até R$40.000.000,00 bem como a prestação de Aval nesta operação por parte da Triunfo. Encerramento: Não havendo nada mais a ser discutido, foi lavrada a presente ata que, após lido seus termos em voz alta, foi por todos os presentes aprovada. São Paulo, 17/07/2015. Assinaturas: Mesa: Antonio José Monteiro da Fonseca de Queiroz – Presidente; Maria Fernanda Campello Dipp – Secretária. Conselheiros: Ana Cristina S. C. de Carvalho; Ricardo Stabille Piovezan; Leonardo Almeida Aguiar; Antonio José Monteiro da Fonseca de Queiroz; Marcelo Souza Monteiro; João Villar Garcia; Ronny Anthony Janovitz, François Moreau. Certifico e dou fé que a presente ata é cópia fiel da lavrada em livro próprio arquivado na sede da Companhia. JUCESP – Certifico o registro sob nº 328.311/15-7 em 29/07/2015. Flávia Regina Britto – Secretária Geral.

Banco Bradescard S.A.

CNPJ n 04.184.779/0001-01 - NIRE 35.300.182.359

Ata Sumária da Assembleia Geral Ordinária

realizada em 30.4.2015

Data, Hora, Local: Em 30.4.2015, às 8h, na sede social, Alameda Rio Negro, 585, 15 andar, parte, Bloco D, Edifício Jauaperi, Alphaville Industrial, Barueri, SP, CEP 06454-000. Mesa: Presidente: Antonio José da Barbara; Secretário: Ariovaldo Pereira. Quórum de Instalação: Totalidade do Capital Social. Presença Legal: Administrador da Sociedade e representante da empresa KPMG Auditores Independentes. Edital de Convocação: Dispensada a publicação, de conformidade com o disposto no § 4 do Artigo 124 da Lei n 6.404/76. Publicações Prévias: Os documentos de que trata o Artigo 133 da Lei n 6.404/76, quais sejam: as Demonstrações Contábeis, os Relatórios da Administração e dos Auditores Independentes, relativos ao exercício social findo em 31.12.2014, foram publicados em 17.3.2015, nos jornais “Diário Oficial do Estado de São Paulo”, páginas 2 a 5, e “Valor Econômico”, páginas E43 a E45. Disponibilização de Documentos: os documentos citados no item “Publicações Prévias”, a proposta da Diretoria, bem como as demais informações exigidas pela regulamentação vigente, foram colocados sobre a mesa para apreciação do acionista. Deliberações: I) tomaram as contas dos Administradores e aprovaram integralmente as Demonstrações Contábeis relativas ao exercício social findo em 31.12.2014; II) aprovada a proposta da Diretoria, sem qualquer alteração ou ressalva, registrada na Reunião daquele Órgão de 20.4.2015, dispensada sua transcrição, por tratar-se de documento lavrado em livro próprio, para destinação do lucro líquido do exercício no valor de R$ 192.334.579,11, da seguinte forma: R$ 9.616.728,96 para a conta “Reserva de Lucros -Reserva Legal”; R$ 180.890.671,64 para a conta “Reserva de Lucros – Estatutária”; e R$ 1.827.178,51 para pagamento de Dividendos, o qual deverá ser feito até 30.6.2015; III) reeleitos, para compor a Diretoria da Sociedade, os senhores: Diretor-Presidente: Luiz Carlos Trabuco Cappi , brasileiro, viúvo, bancário, RG 5.284.352-X/SSP-SP, CPF 250.319.028/68; Diretores Vice-Presidentes: Domingos Figueiredo de Abreu , brasileiro, casado, bancário, RG 6.438.883-9/SSP-SP, CPF 942.909.898/53; Sérgio Alexandre Figueiredo Clemente , brasileiro, casado, bancário, RG 55.799.633-8/SSP-SP, CPF 373.766.326/20; Marco Antonio Rossi , brasileiro, casado, bancário, RG 12.529.752-X/ SSP-SP, CPF 015.309.538/55; Alexandre da Silva Glüher , brasileiro, casado, bancário, RG 57.793.933-6/SSP-SP, CPF 282.548.640/04; Josué Augusto Pancini , brasileiro, casado, bancário, RG 10.389.168-7/SSP-SP, CPF 966.136.968/20; Maurício Machado de Minas , brasileiro, casado, bancário, RG 7.975.904-X/SSP-SP, CPF 044.470.098/62; e Marcelo de Araújo Noronha , brasileiro, casado, bancário, RG 56.163.018-5/SSP-SP, CPF 360.668.504/15, todos com domicílio no Núcleo Cidade de Deus, Vila Yara, Osasco, SP, CEP 06029-900; Diretores: Alexandre Rappaport , brasileiro, casado, bancário, RG 23.102.640-7/SSP-SP, CPF 261.852.188/95; Carlos Giovane Neves , brasileiro, solteiro, bancário, RG 09.002.454-8/IFP-RJ, CPF 019.600.887/50; Cesario Narihito Nakamura , brasileiro, casado, bancário, RG 14.130.520-4/SSP-SP, CPF 065.816.148/23; Francisco José Pereira Terra , brasileiro, casado, bancário, RG 13.739.154-7/ SSP-SP, CPF 111.112.668/24; e Elias de Souza , brasileiro, casado, bancário, RG 2.136.922/SSP-PR, CPF 395.110.659/04, todos com domicílio na Alameda Rio Negro, 585, 15 andar, Edifício Jauaperi, Alphaville, Barueri, SP, CEP 06454-000; e eleito Diretor Superintendente o senhor Eurico Ramos Fabri , brasileiro, casado, bancário, RG 20.336.308-5/SSP-SP, CPF 248.468.208/58, com domicílio no Núcleo Cidade de Deus, Vila Yara, Osasco, SP, CEP 06029-900. Os Diretores reeleitos e o eleito: 1) declararam, sob as penas da lei, que não estão impedidos de exercer a administração de sociedade mercantil em virtude de condenação criminal; 2) terão: a) seus nomes levados à aprovação do Banco Central do Brasil, após o que tomarão posse de seus cargos; b) mandato de 1 (um) ano, estendendo-se até a posse dos novos Diretores que serão eleitos na Assembleia Geral Ordinária a ser realizada no ano de 2016; IV) fixado o montante global anual da remuneração dos Administradores, no valor de até R$170.000,00 (cento e setenta mil reais). Conforme determina a letra g do Artigo 9 do Estatuto Social, a distribuição da mencionada verba será deliberada em reunião da Diretoria. Encerramento: Nada mais havendo a tratar, o senhor Presidente esclareceu que, para as deliberações tomadas, o Conselho Fiscal da Companhia não foi ouvido por não se encontrar instalado no período, e encerrou os trabalhos, lavrando-se a presente Ata, que lida e achada conforme, foi aprovada e assinada pelos Membros da Mesa e pelo Acionista presente. aa) Presidente: Antonio José da Barbara; Secretário: Ariovaldo Pereira; Acionista: Banco Bradesco Cartões S.A., por seus procuradores, senhores Antonio José da Barbara e Ariovaldo Pereira. Declaração: Declaro para os devidos fins que a presente é cópia fiel da Ata lavrada no livro próprio e que são autênticas, no mesmo livro, as assinaturas nele apostas. a) Ariovaldo Pereira – Secretário. Certidão – Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação – JUCESP – Certifico o registro sob número 312.854/15-8, em 22.7.2015. a) Flávia Regina Britto – Secretária Geral.

Banco Fibra S.A.

CNPJ/MF nº 58.616.418/0001-08 - NIRE 35.300.118.782

Extrato da Ata de Reunião do Conselho de Administração

Aos 30/04/2015, na sede, às 14:00 h. Presença: Presentes os seguintes membros do Conselho de Administração: Benjamin Steinbruch, Elisabeth Steinbruch Schwarz, Clarice Steinbruch e José Antônio Miguel Neto. Mesa: Presidente: Benjamin Steinbruch. Secretária: Flavia Zahr. Deliberações tomadas pela unanimidade dos presentes: item (i) foi aprovado: a) Eleger os membros da Diretoria da Companhia, a saber: (a) Diretor Presidente: Luis Felix Cardamone Neto, RG nº 11.759.329 SSP/SP e CPF/MF nº 042.649.938-73; (b) Diretor Vice-Presidente: o Sr. Arno Schwarz, RG nº 18.120.948-2 SSP/SP e CPF/MF nº 290.691.338-30; (c) Diretor Vice-Presidente: o Sr. Marcos Matioli de Souza Vieira, RG nº 04.831.494-2 SSP/IFP/RJ e CPF/MF nº 735.597.687-72; (d) Diretor Vice-Presidente: Yan Maia Tironi, RG nº 505224500 SSPBA e CPF/MF nº 565.839.665-49; (e) Diretor sem designação específica: o Sr. Kumagae Hinki Junior, RG nº 7.893.422-9 SSP/SP e CPF/MF nº 063.935.908-66; (f) Diretor sem designação específica: o Sr. Marcos Braga Dainesi, RG nº 10.202.309 SSP/SP e CPF/MF nº 748.104.137-72; (g) Diretor sem designação específica: SergioTimoner, RG nº 21.242.454-3 SSP/SP e CPF/MF nº 257.110.568-08. Registrar que a remuneração da Diretoria será definida oportunamente pelo Conselho de Administração em conformidade com a Resolução CMN 3921/2010. item (ii) foi aprovado: a) Eleger os membros do Comitê de Auditoria da Companhia, a saber: como Membro Qualificado e Presidente (i) Arno Schwarz, acima qualificado; e como demais membros: (ii) José Antonio Miguel Neto, RG nº 13.565.120/SSP-SP e CPF/MF nº 052.393.918-31; (iii) Marcos Matioli de Souza Vieira, acima qualificado; e Kumagae Hinki Junior, acima qualificado. b) Registrar que os membros da Diretoria e do Comitê de Auditoria ora eleitos terão mandato até a 1ª RCA da Companhia que ocorrer após a AGO a ser realizada em 2017, e investir-se-ão em seu cargo, após a homologação do Banco Central do Brasil. c) Registrar que os membros da Diretoria e do Comitê de Auditoria ora eleitos declararam que preenchem todas as condições previstas na legislação vigente, nas regulamentações do CMN e no Regulamento do Comitê de Auditoria da Companhia para o exercício dos seus respectivos cargos. d) Declarar que: (i) os Srs. Arno Schwarz, Marcos Matioli de Souza Vieira e Kumagae Hinki Junior optam em manter a remuneração relativa aos seus cargos atuais na Diretoria da Companhia e (i) o José Antonio Miguel Neto opta em manter a remuneração relativa ao seu cargo atual no Conselho de Administração da Companhia. e) Ainda, de acordo com o parágrafo 3º do artigo 35 do Estatuto Social da Companhia, Nomear os Srs. José Antonio Miguel Neto, acima qualificado (e também membro do Comitê de Auditoria), e Sra. Clarice Steinbruch, RG nº 7.526.365-8-SSP/SP e CPF/MF nº 032.473.948-69, para acompanharem os trabalhos do Comitê de Auditoria. Nada mais a ser tratado. São Paulo, 30/04/2015. Flavia Zahr - Secretária. JUCESP nº 340.060/15-3 em 05/08/2015. Flávia Regina Britto - Secretária Geral.

Barinas Holdings S.A.

o

CNPJ n 15.011.336/0001-27 – NIRE 35.300.419.049

Ata Sumária das Assembleias Gerais Extraordinária e

Ordinária realizadas cumulativamente em 28.4.2015

Data, Hora, Local: Em 28.4.2015, às 8h30, na sede social, Núcleo Cidade de Deus, Prédio Prata, 4 andar, Vila Yara, Osasco, SP, CEP 06029-900. Mesa: Presidente: Antonio José da Barbara; Secretário: Ariovaldo Pereira. Quórum de Instalação: Totalidade do Capital Social. Presença legal: Administrador da Sociedade. Edital de Convocação: Dispensada a publicação, de conformidade com o disposto no § 4 do Artigo 124 da Lei n 6.404/76. Deliberações: Assembleia Geral Extraordinária: aprovada, sem qualquer alteração ou ressalva, a proposta da Diretoria, registrada na Reunião daquele Órgão de 16.4.2015, dispensada sua transcrição, por tratar-se de documento lavrado em livro próprio, para aprimorar a redação do Artigo 3 do Estatuto Social incluindo o termo “Núcleo” no endereço da Sociedade, em razão de já constar no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica – CNPJ, a qual passa a ser a seguinte: “Artigo 3 ) A Sociedade tem sede no Núcleo Cidade de Deus, Prédio Prata, 4 andar, Vila Yara, no Município de Osasco, Estado de São Paulo, CEP 06029-900, e foro no mesmo Município.”. Assembleia Geral Ordinária: I) tomaram as contas dos Administradores e aprovaram integralmente as Demonstrações Contábeis relativas ao exercício social findo em 31.12.2014, registrando que, tendo em vista a Sociedade enquadrarse no disposto no “caput” do Artigo 294 da Lei n 6.404/76 e de conformidade com o disposto no Inciso II do já mencionado Artigo, as referidas Demonstrações Contábeis não foram publicadas e serão levadas a registro juntamente com esta Ata; II) reeleitos, para compor a Diretoria da Sociedade, os senhores: Diretor-Presidente: Luiz Carlos Trabuco Cappi , brasileiro, viúvo, bancário, RG 5.284.352-X/SSP-SP, CPF 250.319.028/68; Diretores: Domingos Figueiredo de Abreu , brasileiro, casado, bancário, RG 6.438.883-9/SSP-SP, CPF 942.909.898/53; Sérgio Alexandre Figueiredo Clemente , brasileiro, casado, bancário, RG 55.799.633-8/SSP-SP, CPF 373.766.326/20; Marco Antonio Rossi , brasileiro, casado, bancário, RG 12.529.752-X/ SSP-SP, CPF 015.309.538/55; Alexandre da Silva Glüher , brasileiro, casado, bancário, RG 57.793.933-6/SSP-SP, CPF 282.548.640/04; Josué Augusto Pancini , brasileiro, casado, bancário, RG 10.389.168-7/SSP-SP, CPF 966.136.968/20; Maurício Machado de Minas , brasileiro, casado, bancário, RG 7.975.904-X/SSP-SP, CPF 044.470.098/62; e eleito Diretor , o senhor Marcelo de Araújo Noronha , brasileiro, casado, bancário, RG 56.163.018-5/SSP-SP, CPF 360.668.504/15, todos com domicílio no Núcleo Cidade de Deus, Vila Yara, Osasco, SP, CEP 06029-900. Todos terão mandato de 1 (um) ano, estendendo-se até a posse dos Diretores que serão eleitos na Assembleia Geral Ordinária que se realizar no ano de 2016. Consignada a apresentação, pelos Diretores reeleitos e eleito, da documentação comprobatória de atendimento das condições prévias de elegibilidade, previstas nos Artigos 146 e 147 da Lei n 6.404/76; e III) não fixar remuneração aos Administradores da Sociedade, tendo em vista que todos já recebem remuneração pelas funções que exercem no Banco Bradesco S.A., controlador indireto, em consonância com a prática da Organização Bradesco. Encerramento: Nada mais havendo a tratar, o senhor Presidente esclareceu que, para as deliberações tomadas, o Conselho Fiscal da Companhia não foi ouvido por não se encontrar instalado no período, e encerrou os trabalhos, lavrando-se a presente Ata, que lida e achada conforme, foi aprovada e assinada pelos Membros da Mesa e pelos Acionistas presentes. aa) Presidente: Antonio José da Barbara; Secretário: Ariovaldo Pereira; Acionistas: Bradesplan Participações Ltda. e União Participações Ltda., representada por seus procuradores, senhores Antonio José da Barbara e Ariovaldo Pereira. Declaração: Declaro para os devidos fins que a presente é cópia fiel da Ata lavrada no livro próprio e que são autênticas, no mesmo livro, as assinaturas nele apostas. a) Ariovaldo Pereira – Secretário. Certidão - Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação -JUCESP - Certifico o registro sob número 313.033/15-8, em 22.7.2015. a) Flávia Regina Britto - Secretária Geral.

Hidrovias do Brasil - Vila do Conde S.A.

CNPJ/MF nº 13.574.672/0001-52 - NIRE 35300392922

Ata da Assembleia Geral Ordinária Realizada em 07/05/2015

Data/Horário/Local: 07/05/15, às 15hs, na sede social da Companhia, localizada em SP/SP, na Avenida Brigadeiro Faria Lima, 1912, 21º andar, conjunto L, sala 1, CEP 01451-907. Mesa: Mauro Pini França - Presidente; e Beatrice Cristina de Athayde Arfelli - Secretária. Convocação/ Presença: Dispensada, tendo em vista a presença da única acionista da Companhia, conforme o disposto no § 4º do artigo 124 da Lei 6.404/76, conforme alterada (“Lei das S.A.”). A acionista considerou sanada a falta de publicação dos anúncios previstos no artigo 133 da Lei das S.A., nos termos do § 4º de referido dispositivo legal, com o que se cumpriram as formalidades para a realização desta Assembleia. Ordem do Dia: (i) tomar as contas dos administradores, examinar, discutir e votar as demonstrações nanceiras da Companhia referentes ao exercício social encerrado em 31/12/14, acompanhadas do Relatório Anual da Administração e Notas Explicativas, conforme publicados no DOESP e no Jornal “O Dia”, em 30/04/15 e, de forma complementar, novamente em 06/05/15; (ii) deliberar sobre a destinação do lucro líquido do exercício social encerrado em 31/12/14; e (iii) deliberar sobre a expressa renúncia dos membros da Diretoria ao recebimento de remuneração para o exercício dos seus cargos. Deliberações Tomadas por Unanimidade: (i) foram aprovadas a prestação de contas dos administradores e as demonstrações nanceiras relativas ao exercício social encerrado em 31/12/14, acompanhadas do Relatório Anual da Administração e Notas Explicativas. Os acionistas decidem constar que não houve lucro líquido apurado no exercício encerrado em 31/12/14, dispensada, portanto, qualquer deliberação a respeito da destinação dos resultados de referido exercício; (ii) fazer constar que, tendo em vista que a Companhia não apurou lucro líquido no exercício social ndo em 31/12/14, não há lucros a serem distribuídos aos acionistas da Companhia; e (iii) fazer constar que, os membros da Diretoria, reeleitos e eleitos na AGO/E, realizada em 30/04/14, registrada perante a JUCESP nº326.7255/1433 em 22/08/14, a saber os Srs. René Pinto da Silva, Leonardo Perissé Moreira Veras, Carlos Augusto Pasqualetto Chies e Mauro Pini França, renunciam e renunciaram, no momento de suas respectivas eleições, expressamente, ao recebimento de remuneração para o exercício dos seus cargos. Encerramento/Lavratura da Ata: Nada mais havendo a ser tratado, o Sr. Presidente ofereceu a palavra a quem dela quisesse fazer uso e, como ninguém a pediu, declarou encerrados os trabalhos e suspensa a reunião pelo tempo necessário à lavratura desta ata na forma de sumário, conforme o dispositivo no§ 1ºº do artigo1300 da Lei6.4044/76, a qual, reaberta a sessão, foi lida, aprovada e por todos os presentes assinada. Presidente: Mauro Pini França; Secretária: Beatrice Cristina de Athayde Arfelli. Acionista: Hidrovias do Brasil - Holding Norte Ltda., Mauro Pini França e René Pinto da Silva. A presente ata é cópia el da lavrada em livro próprio. SP, 07/05/15. Mesa: Mauro Pini França -Presidente; Beatrice Cristina de Athayde Arfelli - Secretária. Acionista: Hidrovias do Brasil - Holding Norte Ltda., Mauro Pini França - Diretor; René Pinto da Silva - Diretor. JUCESP nº 309.299/15-9 em 17/07/15. Flávia Regina Britto - Secretária Geral.

Kess Participações Ltda

CNPJ/MF 07.347.829/0001-04

Redução de Capital Social - Extrato da Ata de Reunião de Sócios Data e Local: em 30/07/2015, sede Rua Zacarias Alves de Melo, 180 - São Paulo/SP. Presença: Totalidade do capital social. Deliberação: Tendo em vista o valor excessivo do capital social em relação ao objeto social, e à problemas para integralização do aumento de capital por conferência de bens, os sócios decidem, com fundamento no inciso II do artigo 1.082 do Código Civil, reduzir o capital social não integralizado em R$ 4.178.712,00, passando de R$ 43.159.925,00 para R$ 38.981.213,00. Para os efeitos do § 1º, do artigo 1.084, da Lei nº 10.406/02, o arquivamento da Alteração Contratual se dará no prazo de 90 dias contados a partir dessa publicação. São Paulo, 30 de julho de 2015.