Andamento do Processo n. 0026475-20.2018.8.08.0048 - Agravo de Instrumento - 13/12/2018 do TJES

Tribunal de Justiça do Espírito Santo

Terceira Câmara Cível

Decisões

6- Agravo de Instrumento Nº 0026475-20.2018.8.08.0048

SERRA - 5ª VARA CÍVEL

AGVTE OLIVEIRA MEDEIROS COMERCIO LTDA

Advogado(a) LIGIA MARCHESI HOMEM M3523438 - ES

AGVTE LUIZ CARLOS DE SOUZA OLIVEIRA

Advogado(a) LIGIA MARCHESI HOMEM M3523438 - ES

AGVTE GILCEIA MEDEIROS DE OLIVEIRA

Advogado(a) LIGIA MARCHESI HOMEM M3523438 - ES

AGVDO COOPERATIVA CENTRAL DE CREDITO DO ESPIRITO SANTO

Advogado(a) GUILHERME SOARES SCHWARTZ 008833 - ES

DES. DAIR JOSÉ BREGUNCE DE OLIVEIRA

AGRAVO DE INSTRUMENTO N. 0026475-20.2018.8.08.0048.

AGRAVANTES: OLIVEIRA MEDEIROS COMÉRCIO LTDA., LUIZ CARLOS DE SOUZA DE OLIVEIRA E GILCEA MEDEIROS DE OLIVEIRA.

AGRAVADO: COOPERATIVA CENTRAL DE CRÉDITO DO ESPÍRITO SANTO.

RELATOR: DESEMBARGADOR DAIR JOSÉ BREGUNCE DE OLIVEIRA.

D E CI S Ã O

OLIVEIRA MEDEIROS COMÉRCIO LTDA., LUIZ CARLOS DE SOUZA DE OLIVEIRA e GILCEA MEDEIROS DE OLIVEIRA interpuseram recurso de agravo de instrumento em face da respeitável decisão de fl. 26-31⁄TJ, proferida pelo ilustre Juiz de Direito da Quinta Vara Cível de Serra, Comarca da Capital, que rejeitou a impugnação que opuseram ao “cumprimento de sentença” na ação monitória ajuizada contra eles pela COOPERATIVA CENTRAL DE CRÉDITO DO ESPÍRITO SANTO.

Nas razões recursais (fls. 02-6) os agravantes alegaram, em síntese, que deve ser oportunizada a juntada do demonstrativo do valor que entendem devido antes da rejeição liminar da impugnação.

Requereram antecipação dos efeitos da tutela recursal.

É o relatório.

Não constato a probabilidade do direito dos agravantes uma vez que nos termos do artigo 525, §4º, do Código de Processo Civil “quando o executado alegar que o exequente, em excesso de execução, pleiteia quantia superior à resultante da sentença, cumprir-lhe-á declarar de imediato o valor que entende correto, apresentando demonstrativo discriminado e atualizado de seu cálculo.” (Meu, o destaque).

Posto isso, indefiro opedido de antecipação dos efeitos da tutela recursal.

Intimem-se os agravantes desta decisão e a agravada para responder ao recurso, querendo, no prazo de 15 (quinze) dias.

Vitória-ES., 30 de novembro de 2018.

DESEMBARGADOR DAIR JOSÉ BREGUNCE DE OLIVEIRA

RELATOR