Andamento do Processo n. 0008197-49.2018.8.21.0002 - 30/08/2019 do TJRS

Alegrete

2ª Vara Cível da Comarca de Alegrete Nota de Expediente Nº 292/2019

002/1.18.0004212-1 (CNJ 0008197-49.2018.8.21.0002) - ELISABEL ROGOSKI DORNELLES (PP. JORI PAULO LONDERO 61791/RS E LUCIANA COSTA GUTERRES VASCONCELOS 49905/RS) X RGE SUL

DISTRIBUIDORA DE ENERGIA S.A (PP. CARLOS JERONIMO ULRICH TEIXEIRA 22666/RS E VINÍCIUS LUZ JULIANOTTI 107732/RS).

VISTOS. INDEFIRO, NESTE MOMENTO PROCESSUAL, O PEDIDO DE PROVA PERICIAL A SER REALIZADA POR ENGENHEIRO CIVIL, BEM COMO A AVALIAÇÃO A SER REALIZADA POR PERITO AVALIADOR, TENDO EM VISTA QUE EM CASO DE PROCEDÊNCIA DA AÇÃO OS VALORES DEVERÃO SER OBJETO DE LIQUIDAÇÃO DE SENTENÇA. DOS DOCUMENTOS JUNTADOS PELA PARTE AUTORA, DÊ-SE VISTA A PARTE RÉ. APÓS, DEFIRO A REALIZAÇÃO DE PROVA PERICIAL A SER REALIZADA POR ENGENHEIRO ELETRICISTA. NOMEIO PERITO O ENGENHEIRO ELETRICISTA RENATO PASQUETTI PICCOLI. TENDO EM VISTA QUE A PERÍCIA FOI REQUERIDA PELO AUTOR E PELA PARTE RÉ, A MESMA DEVE SER RATEADA ENTRE AS PARTES, CONFORME ART. 95 DO CPC. ASSIM, COM RELAÇÃO A METADE DOS

HONORÁRIOS DE RESPONSABILIDADE DO AUTOR, VAI DESDE JÁ FIXADA NO VALOR DE R$ 441,74 E SERÁ PAGA PELO TRIBUNAL DE JUSTIÇA APÓS A HOMOLOGAÇÃO DO LAUDO. O PERITO SER

INTIMADO PARA DIZER SE ACEITA A NOMEAÇÃO E DECLINAR SUA PRETENSÃO HONORÁRIA REFERENTE A OUTRA METADE DOS HONORÁRIOS PERICIAIS. INFORMADA A PRETENSÃO, A PARTE RÉ

DEVERÁ EFETUAR O DEPÓSITO JUDICIAL DO VALOR REFERENTE A OUTRA METADE DOS HONORÁRIOS. COMPROVADO NOS AUTOS O DEPÓSITO DOS HONORÁRIOS, AO PERITO PARA DAR INÍCIO À

PERÍCIA. COM A JUNTADA DO LAUDO, INTIMEM-SE AS PARTES.