Busca sem resultado
Novas Áreas, Tecnologia Aplicada e Habilidades - Ed. 2023

Novas Áreas, Tecnologia Aplicada e Habilidades - Ed. 2023

Times Multidisciplinares e o Direito: Destravando a Inovação em Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia

Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Sumário:

Fernando Eduardo Serec 1

Patrícia Helena Marta Martins 2

Victor Cabral Fonseca 3

Júlia Aragão Lanfranqui 4

Introdução

No começo de 2019, o estudioso de inovação e fundador da Rede Acadêmica para Cidades Inteligentes (RACI), Marcos Cesar Weiss, apelidou carinhosamente de sociedade sensoriada a sociedade da transformação digital 5 . Assim como em outros períodos da história, as últimas décadas transitaram em seus ciclos de evolução organizacional e comportamental motivadas pelo desenvolvimento de novas tecnologias. Contudo, o que difere a geração social em que nos encontramos, principalmente, é a velocidade e a intensidade com a qual estas tecnologias surgem – e são substituídas. A esse tipo de inovação tecnológica costuma-se dar o nome de inovação exponencial, sendo a responsável por acelerar cada vez mais a transformação não apenas de ferramentas e sistemas, mas também da sociedade a seu redor 6 .

Longe de se propagar qualquer tipo de determinismo tecnológico, não se pode negar, contudo, o impacto da popularização das Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) na organização das relações humanas, bem como o de sua rápida evolução. Na realidade, o que ocorre é quase uma relação simbiótica entre o desenvolvimento tecnológico e o desenvolvimento social: ambos caminham juntos, codependentes e coestimulados. Nesse sentido, Weiss destaca a importância de fatores como “restrições legais, políticas e religiosas, de custos e até mesmo potenciais intervencionismos governamentais [que] poderiam inibir o espírito criativo, inovador e empreendedor dos indivíduos e das organizações” 7 .

O mercado jurídico, assim como os demais, não é alheio a essa movimentação. Um relatório elaborado em 2016 pela International Bar Association (IBA) destacou, quantitativa e qualitativamente, a força da onda da inovação no segmento específico da advocacia 8 . Segundo a publicação, diante de uma pressão cada vez mais intensa pela prestação de serviços e entrega de resultados de excelência ao menor custo possível, por parte de clientes, e da crescente competição em relação a prestadores de serviços alternativos e start-ups jurídicas (as legaltechs), escritórios de advocacia enfrentam um chamado urgente para a reinvenção. Urge “reformar suas estruturas e modelos de negócios, ou enfrentar consequências potencialmente desastrosas” 9 .

Nesse contexto, como se inserem as estratégias de gestão de escritórios de advocacia que compreendem as demandas atuais e futuras de seus clientes, aqueles que, potencialmente, sejam capazes de entregar resultados cujos padrões, além de altos, são dinâmicos e multifacetados? À primeira vista, a implementação de sistemas mais modernos e tecnologia de ponta pode parecer uma boa solução; a curto prazo, inovação e tecnologia podem parecer sinônimos, apesar de a doutrina já reconhecer que a inovação tecnológica não é o único fator de transformação tanto na sociedade 10 , como no mercado jurídico em si 11 . Para consagrar seu lugar na vanguarda da inovação jurídica, contudo, é imprescindível que organizações – e, aqui, inserem-se desde escritórios até mesmo departamentos jurídicos – promovam mudanças estruturais e mais profundas na maneira como o profissional pensa e exerce a advocacia.

Inserido neste contexto, o presente artigo discorrerá sobre o papel das habilidades multidisciplinares como poderosos fatores diferenciais no mercado da advocacia da atualidade. Para tanto, destacará a importância da construção de uma cultura de inovação institucionalizada, com incentivo constante ao aprendizado multidisciplinar por parte de seus advogados, tendo como principais exemplos duas técnicas que têm sido destaque no campo de inovação jurídica internacional: a combinação da expertise técnica jurídica com conhecimentos oriundos de outras disciplinas, como design, tecnologia e ciência de dados.

Por fim, apresentará como a criação e o crescimento de equipes multidisciplinares em escritórios de advocacia pode contribuir na preparação para as novas demandas e expectativas de seus clientes.

1. Interdisciplinaridade em escritórios …

Uma nova experiência de pesquisa jurídica em Doutrina. Toda informação que você precisa em um só lugar, a um clique.

Com o Pesquisa Jurídica Avançada, você acessa o acervo de Doutrina da Revista dos Tribunais e busca rapidamente o conteúdo que precisa dentro de cada obra.

  • Acesse até 03 capítulos gratuitamente.
  • Busca otimizada dentro de cada título.
Ilustração de computador e livro
jusbrasil.com.br
26 de Maio de 2024
Disponível em: https://www.jusbrasil.com.br/doutrina/secao/introducao-times-multidisciplinares-e-o-direito-destravando-a-inovacao-em-departamentos-juridicos-e-escritorios-de-advocacia/2208840642