Processo nº 0011778-05.2010.8.26.0361

Paula de Cássia Guidella Teixeira Squarcine x Armazéns Gerais de Mogi das Cruzes LTDA

TJSP · Foro de Mogi das Cruzes, SP
Cível · Apelação Cível
Valor da causa:
R$ XXX.XXX,XX
O processo teve origem no Tribunal de Justiça de São Paulo, no Foro de Mogi das Cruzes, em 16 de agosto de 2012. Tem como partes envolvidas NEY Teixeira, Paula de Cássia Guidella Teixeira Squarcine, Agmc Armazens Gerais de Mogi das Cruzes LTDA, Armazéns Gerais de Mogi das Cruzes LTDA e outros.
Processo em andamento
Informações sincronizadas há 3 meses com tribunais e Diários Oficiais.
Sincronizar

Andamento processual

Assine para desbloquear todas as movimentações desse processo
22/10/2021há 3 meses
Movimentação visível apenas para assinantes.
Movimentação visível apenas para assinantes.
21/10/2021há 3 meses
Movimentação visível apenas para assinantes.
20/10/2021há 3 meses
Movimentação visível apenas para assinantes.
19/10/2021há 3 meses
Movimentação visível apenas para assinantes.
AG. 05.11.2021 Autos no Prazo
Certidão - Genérica Certidão de Cartório Expedida
07/10/2021há 4 meses

Mogi das Cruzes

Cível

3ª Vara Cível

JUÍZO DE DIREITO DA 3ª VARA CÍVEL

JUIZ(A) DE DIREITO FABRICIO HENRIQUE CANELAS

ESCRIVÃ(O) JUDICIAL MARIA CECÍLIA MONTEIRO DE MELLO

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE PARTES E ADVOGADOS

Relação Nº 0960/2021

Processo 0011778-05.2010.8.26.0361/01 - Cumprimento de sentença - Liquidação / Cumprimento / Execução - Paula de Cássia Guidella Teixeira Squarcine - Agmc Armazens Gerais de Mogi das Cruzes Ltda - (FLS. 276) - Vistos. 1. Diante do trânsito em julgado do v. Acórdão de fls. 257/264 que deu provimento ao recurso especial interposto pela embargante para, “julgando procedentes os embargos de terceiro, declarar a invalidade do contrato de fiança e, consequentemente, a ilegalidade da penhora realizada”, providencie a serventia o translado de fls. 257/264 e de fls. 269/271 para os autos do processo nº 0002870-66.2004.8.26.0361 (Ordem nº 515/2004 Despejo por Falta de Pagamento interposto pela aqui embargada) 2. No mais, anoto que, em que pese o desinteresse - à época - manifestado pela embargante quanto a dar início à execução provisória (fls. 210), observo que esta foi devidamente cadastrada no sistema quando da petição de fls. 196/197. Assim, prossiga-se neste Cumprimento de Sentença nº 0011778.05.2010.8.26.0361/01 (agora definitivo). Nos termos do art. 513, § 2º, inciso I e art. 523, caput ambos do Código de Processo Civil, intime-se a executada, pela imprensa, através de seu procurador para que pague a quantia indicada (“o valor líquido de R$ 19.081,40 (72,5%) e recolher, através de DARF em nome de Ney Teixeira CPF nº XXX.628.408-XX, telefone (...), o valor de R$ 7.237,78 (27,5%), fazendo a devida comprovação nos autos.” valores atualizados para JUNHO/2021), devidamente atualizada, no prazo de (15) quinze dias, sob pena de ser acrescida ao valor devido multa de 10% (dez por cento) e, para tal hipótese, fixo os honorários advocatícios no percentual de 10% sobre o valor do débito principal. Não efetuado tempestivamente o pagamento voluntário, será expedido, desde logo, mandado de penhora e avaliação, seguindo-se os atos de expropriação. Decorrido o prazo de 15 dias referido acima, certifique-se; em caso de pagamento, dê-se ciência do depósito ao exequente, para manifestação no prazo de 05 dias, com posterior conclusão dos autos para eventual extinção; não tendo havido o pagamento, inicia-se o prazo de 15 (quinze) dias para que o executado, independentemente de penhora ou nova intimação, apresente, nos próprios autos, sua impugnação. Não sendo apresentada impugnação, certifique-se e intime-se o exequente para requerer o que de direito. No silêncio, ao arquivo. Cumpra-se na forma e sob as penas da Lei. Intime-se. - ADV: JOSE RENATO DE PONTI (OAB 96836/SP), NEY TEIXEIRA (OAB 18055/SP), JOSE ROBERTO MOREIRA DE AZEVEDO JUNIOR (OAB 202697/SP)

Serventuário
Relação :0960/2021 Data da Publicação: 08/10/2021 Número do Diário: 3377 Certidão de Publicação Expedida
Fontes de informações
Todas as informações exibidas nesta página são públicas e foram coletadas nos Sistemas dos Tribunais e Diários Oficiais.
SABER MAIS