Processo nº 2177188-19.2018.8.26.0000

Itaú Unibanco S/A x Giovanna e Heloísa Restaurante EIRELI (nome de Fantasia: Montana Express)

TJSP · Foro Unificado da Comarca de São Paulo, SP
Cível · Agravo de Instrumento
Valor da causa:
R$ XXX.XXX,XX
O processo teve origem no Tribunal de Justiça de São Paulo, no Tribunal de Justiça, em 23 de agosto de 2018. Tem como partes envolvidas Cleusa Maria Buttow da Silva, Itaú Unibanco S/A, Giovanna e Heloísa Restaurante EIRELI (Nome de Fantasia: Montana Express), Mário André Holtz de Almeida e outros.
Processo em andamento
Informações sincronizadas há 11 meses com tribunais e Diários Oficiais.
Sincronizar

Andamento processual

Assine para desbloquear todas as movimentações desse processo
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Movimentação visível apenas para assinantes.
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Expedido Certidão Certidão de Publicação de Despacho [Digital]
....-files-andamento-processual-None-None
Expedido Certidão.pdf
Prazo

Seção III

Subseção V - Intimações de Despachos

Processamento 19º Grupo (38ª Câmara Direito Privado)

Despacho

2177188-19.2018.8.26.0000 - Processo Digital. Petições para juntada devem ser apresentadas exclusivamente por meio eletrônico, nos termos do artigo 7º da Res. 551/2011 - Agravo de Instrumento - Itupeva - Agravante: Itaú Unibanco S/A - Agravado: GIOVANNA E HELOÍSA RESTAURANTE EIRELI (Nome de fantasia: MONTANA EXPRESS) - Agravada: THAIS DALL ACQUA HOLTZ DE ALMEIDA - Agravado: MÁRIO ANDRÉ HOLTZ DE ALMEIDA - 1.- Trata-se de agravo de instrumento interposto em face da decisão de fl. 78 dos autos originais que, em execução de título extrajudicial, indeferiu o pedido de arresto em face dos executados ainda não citados, sob o argumento de que não foram esgotados os meios para localização dos mesmos. Pleiteia o agravante a reforma da decisão. Sustenta, em síntese, que houve duas diligências para a citação dos agravados que não tiveram êxito. Entende que o deferimento das pesquisas BACENJUD, RENAJUD e INFOJUD é medida que deve ser imposta, afirmando estar presentes os requisitos do fumus boni juris e periculum in mora. No caso em exame, não se verifica a presença de elementos que evidenciem probabilidade de direito ou perigo de dano a justificar a concessão da medida neste momento processual. Assim, nos termos do artigo 932, inciso II, c/c artigo 1019, inciso I, ambos do CPC, indefiro a antecipação dos efeitos da tutela recursal. 2.- Remetam-se os autos à Mesa para julgamento, uma vez que as peças que instruem o presente recurso permitem a compreensão da questão jurídica a ser decidida, bem como ainda não aperfeiçoado o contraditório em primeiro grau. 3.- Comunique-se ao Juízo singular o teor deste despacho. 4.- Intimem-se. Tutela antecipada negada. - Magistrado (a) Spencer Almeida Ferreira - Advs: Cleusa Maria Buttow da Silva (OAB: 91275/SP) - Páteo do Colégio -Salas 313/304

Seção III

Subseção IX - Intimações de Acórdãos

Processamento 19º Grupo (38ª Câmara Direito Privado)

Intimação de Acórdão

2177188-19.2018.8.26.0000 - Processo Digital. Petições para juntada devem ser apresentadas exclusivamente por meio eletrônico, nos termos do artigo 7º da Res. 551/2011 - Agravo de Instrumento - Itupeva - Agravante: Itaú Unibanco S/A - Agravado: GIOVANNA E HELOÍSA RESTAURANTE EIRELI (Nome de fantasia: MONTANA EXPRESS) - Agravada: THAIS DALL ACQUA HOLTZ DE ALMEIDA - Agravado: MÁRIO ANDRÉ HOLTZ DE ALMEIDA - Magistrado(a) Spencer Almeida Ferreira - Deram provimento ao recurso. V. U. - ARRESTO EXECUTIVO EXECUÇÃO DE TÍTULO EXTRAJUDICIAL PEDIDO DE ARRESTO DE BENS, POR MEIO DOS SISTEMAS BACENJUD, RENAJUD E INFOJUD ADMISSIBILIDADE PRIMEIRA TENTATIVA DE CITAÇÃO PESSOAL DOS EXECUTADOS CONCLUÍDA O ARRESTO EXECUTIVO, OU PRÉ-PENHORA, CONSISTE NA APREENSÃO PROVISÓRIA DE BENS E OBJETIVA NÃO SOMENTE A CELERIDADE PROCESSUAL, COMO TAMBÉM A GARANTIA DA EXECUÇÃO, ATENDENDO-SE AOS PRINCÍPIOS DA EFETIVIDADE DA JURISDIÇÃO E RAZOÁVEL DURAÇÃO DO PROCESSO - MEDIDA DE ARRESTO EXECUTIVO OU PRÉ-PENHORA AUTORIZADA PELO ART. 830, CAPUT, DO CPC - DECISÃO REFORMADA RECURSO PROVIDO. ART. 1007 CPC - EVENTUAL RECURSO - SE AO STJ: CUSTAS R$ 179,37 - (GUIA GRU NO SITE http://www.stj.jus.br) - RESOLUÇÃO Nº 2 DE 01/02/2017 DO STJ; SE AO STF: CUSTAS R$ 198,95 - GUIA GRU - COBRANÇA - FICHA DE COMPENSAÇÃO - (EMITIDA ATRAVÉS DO SITE www.stf.jus.br) E PORTE DE REMESSA E RETORNO R$ 98,00 - GUIA FEDTJ - CÓD 140-6 - BANCO DO BRASIL OU INTERNET - RESOLUÇÃO Nº 609 DE 23/04/2018 DO STF. Os valores referentes ao PORTE DE REMESSA E RETORNO, não se aplicam aos PROCESSOS ELETRÔNICOS, de acordo com o art. 4º, inciso II, da Resolução nº 609/2018 do STF de 23/04/2018. - Advs: Cleusa Maria Buttow da Silva (OAB: 91275/SP) - Páteo do Colégio - Salas 313/304

30/08/2018há 4 anos
Processo encaminhado para o Processamento de Grupos e Câmaras para Intimação do Acórdão - Julgamento Virtual
Bloqueio de timeline
Crie uma conta para visualizar informações mais antigas

Já tem conta? Entrar

Documentos anexos
Estamos trabalhando para ampliar nossa coleta de documentos (autos) nos tribunais.
O acesso a estes documentos é disponibilizado apenas para assinantes do Jusbrasil que estão envolvidos no processo ou advogados.
Termos.pdf
Certidões.pdf
Certidões.pdf
Procuração.pdf
Cópia da inicial (ação ....pdf
Fontes de informações
Todas as informações exibidas nesta página são públicas e foram coletadas nos Sistemas dos Tribunais e Diários Oficiais.
SABER MAIS