Processo nº 000XXXX-75.2014.8.21.0151

Jose Terra Machado - Espólio x Gilberto Ferreira Machado - Inventariante

TJRS · Palmares do Sul, RS
DIREITO CIVIL · AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL
Valor da causa:
R$ XX.XXX,XX

Andamento processual

Assine para desbloquear todas as movimentações desse processo
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
CONCLUSOS PARA DESPACHO
27/11/2019há 3 anos
RECEBIDOS OS AUTOS JUNTAR DOCUMENTOS
14/11/2019há 3 anos
DISPONIBILIZADO NO DJ ELETRONICO 143/2019 DJE Nº 6631 EM 14/11/2019

Novo Hamburgo

Vara Judicial da Comarca de Palmares do Sul Nota de Expediente Nº 143/2019

151/1.14.0000076-1 (CNJ 000XXXX-75.2014.8.21.0151) - S.J.T.M. E S.N.C.F.M. (PP. CESAR AUGUSTO BIER 14834/RS) X S.S.B. (SEM REPRESENTAÇÃO NOS AUTOS).

VISTOS. CONSOANTE DECLARAÇÕES DE ITCD ANEXADAS ÀS FLS. 373/385, POSSÍVEL VERIFICAR QUE O MONTANTE PATRIMONIAL DEIXADO PELAS SUCESSÕES É COMPOSTO POR GRANDE

QUANTIDADE DE HECTARES DE TERRAS E CABEÇAS DE GADO. COM EFEITO, EMBORA AS TERRAS NÃO POSSUAM PRONTA LIQUIDEZ, DAS PRÓPRIAS DECLARAÇÕES TEM-SE QUE TODAS ELAS SÃO

DOTADAS DE EXPRESSIVA CAPACIDADE DE PRODUÇÃO, TANTO PECUÁRIA QUANTO AGRÁRIA, CAPAZES DE GERAR RECEITAS E LUCROS. LOGO, A PARTE AUTORA, INQUESTIONAVELMENTE, É CAPAZ DE ARCAR COM O PAGAMENTO DAS CUSTAS PROCESSUAIS, SEM SEQUER NECESSITAR DA ALIENAÇÃO DE ALGUM DOS BENS. OUTROSSIM, TENDO EM VISTA O VALOR ATRIBUÍDO PELA FAZENDA

ESTADUAL, NENHUMA OUTRA CONCLUSÃO, QUE NÃO PELO INDEFERIMENTO DA CONCESSÃO DA GRATUIDADE DA JUSTIÇA, SERIA CABÍVEL. ORA! DEVE-SE LEMBRAR QUE A GRATUIDADE JUDICIÁRIA É BENEFÍCIO VOLTADO À POPULAÇÃO MAIS NECESSITADA, ÀQUELES PARA QUEM A CONCESSÃO DA BENESSE REPRESENTA CONDIÇÃO SINE QUA NON PARA LITIGAR EM JUÍZO. O DEFERIMENTO DO

BENEFÍCIO IMPLICA, INCLUSIVE, O CUSTEAMENTO DA ATIVIDADE LITIGIOSA ENTRETIDA ENTRE AS PARTES POR TODA A SOCIEDADE. OU SEJA, TRATA-SE DA SOLIDARIZAÇÃO DE CUSTOS, QUE SERÃO SUPORTADOS POR TODAS AS GAMAS SOCIAIS PELO PAGAMENTO DE TRIBUTOS, INCLUSIVE POR AQUELES MENOS FAVORECIDOS, QUE, NO MÍNIMO, SUPORTAM IMPOSTOS INDIRETOS, COMO, POR EXEMPLO, O ICMS. POR ESSA RAZÃO, O DEFERIMENTO DA GRATUIDADE JUDICIÁRIA DEVE SER CRITERIOSO, ALCANÇADO SOMENTE OS REALMENTE HIPOSSUFICIENTES ECONOMICAMENTE,

CATEGORIA DENTRO DA QUAL A PARTE POSTULANTE, PRODUTOR RURAL COM EXPRESSIVA PRODUÇÃO, NÃO SE ENQUADRA, PELO QUE INDEFIRO O BENEFÍCIO. SENDO ASSIM, NO PRAZO DE 15 DIAS, CUMPRE À PARTE AUTORA O RECOLHIMENTO DAS CUSTAS, SOB PENA DE CANCELAMENTO DA DISTRIBUIÇÃO. DIL. LEGAIS.

07/11/2019há 3 anos
EXPEDIÇÃO DE NOTA DE EXPEDIENTE 143/2019
Bloqueio de timeline
Crie uma conta para visualizar informações mais antigas

Já tem conta? Entrar

Fontes de informações
Todas as informações exibidas nesta página são públicas e foram coletadas nos Sistemas dos Tribunais e Diários Oficiais.
SABER MAIS