Processo nº 0611195-36.2019.8.04.0015

Almir Cabral da Silva x Banco Bradesco S.A.

TJAM · Fórum Mário Verçosa da Comarca de Manaus, AM
Cível · Recurso Inominado Cível
Valor da causa:
R$ XX.XXX,XX
O processo teve origem no Tribunal de Justiça do Amazonas, no Fórum Mário Verçosa da Comarca de Manaus, AM, em 20 de fevereiro de 2020. Tem como partes envolvidas Almir Cabral da Silva, Luis Albert dos Santos Oliveira, André de Souza Oliveira, Andréa Caldeira do Couto e outros.
Processo inativo
Informações sincronizadas ano passado com tribunais e Diários Oficiais.

Andamento processual

Assine para desbloquear todas as movimentações desse processo
27/07/2020ano passado
Movimentação visível apenas para assinantes.
23/07/2020ano passado
Movimentação visível apenas para assinantes.
Movimentação visível apenas para assinantes.
Movimentação visível apenas para assinantes.
Movimentação visível apenas para assinantes.
29/06/2020ano passado
Publicação no DJ Eletrônico Disponibilizado em 26/06/2020 Tipo de publicação: Intimação de Acórdão Número do Diário Eletrônico: 2874
Publicação no DJ Eletrônico Certifico ainda, que a publicação da Ementa do Acórdão foi disponibilizado no Diário da Justiça Eletrônico DJE na data *, às fls. *-*, número do Diário * e publicado em *. Inicia-se a contagem de 15 (quinze) úteis no dia **/**/****.
26/06/2020ano passado

Tribunal de Justiça

Seção VIII

Turma Recursal

Conclusão de Acórdãos

Processo: 0611195-36.2019.8.04.0015 - Recurso Inominado Cível, 16ª Vara do Juizado Especial Cível

Recorrente: Almir Cabral da Silva

Advogado: Luis Albert dos Santos Oliveira (OAB: 8251/AM)

Recorrido: Banco Bradesco S.a.

Advogado: Wilson Sales Belchior (OAB: 17314/CE)

Advogado: André de Souza Oliveira (OAB: 5219/AM)

Relator: Luiza Cristina Nascimento da Costa Marques. Revisor: Revisor do processo Não informado

EMENTA: EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. ACÓRDÃO PROFERIDO EM RECURSO INOMINADO. INEXISTÊNCIA DE CONTRADIÇÃO. OMISSÃO OU OBSCURIDADE. ART. 1022 DO CPC NÃO PREVÊ INTERPOSIÇÃO DE EMBARGOS PARA FINS DE PRÉ QUESTIONAMENTO. NÍTIDO INTUITO DE REEXAME DO MÉRITO. ASSOCIAÇÃO PREVIPLAN. ASSOCIADO QUE POSSUI ALGUNS BENEFÍCIOS TAIS COMO, EMPRÉSTIMOS COM CONDIÇÕES MAIS ATRATIVAS. EMBARGOS CONHECIDOS E NÃO ACOLHIDOS.. DECISÃO: “Vistos e discutidos os autos em epÃgrafe, DECIDE a Terceira Turma Recursal dos Juizados Especiais, à unanimidade, CONHECER dos Embargos e no mérito, NEGAR ACOLHIMENTO, nos termos do voto da Relatora que integra esta decisão, para todos os fins de direito.”.

25/06/2020ano passado
Publicação gerada Em 25/06/2020
Nota Finalizada / Encaminhada para publicação no DJE
Documentos anexos
O acesso a estes documentos é disponibilizado apenas para assinantes do Jusbrasil que estão envolvidos no processo ou advogados.
Administrativa.pdf
Decisão Interlocutória.pdf
Certidão.pdf
Petição.pdf
Certidão.pdf
Fontes de informações
Todas as informações exibidas nesta página são públicas e foram coletadas nos Sistemas dos Tribunais e Diários Oficiais.
SABER MAIS