jusbrasil.com.br
1 de Julho de 2022

Peça extraída do processo n°XXXXXXX-XX.2014.8.26.0114

Petição Inicial - TJSP - Ação de Execução de Título Extrajudicial com Pedido de Tutela Antecipada - Monitória

Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA VARA CÍVEL DA COMARCA DE CAMPINAS/SP - CIDADE JUDICIÁRIA

Nome, brasileiro, solteiro, advogado, portador do RG º 00000-00, inscrito no CPF sob o nº 000.000.000-00, residente e domiciliado à EndereçoCEP 00000-000, em São Paulo/SP, vem, data maxima venia , à presença de Vossa Excelência, por seus advogados e bastantes procuradores firmatários (mandato

procuratório em anexo) , nos termos dos artigos 273, 585, inciso II e 652 e seguintes,

todos do Código de Processo Civil, promover a presente AÇÃO DE EXECUÇÃO DE TÍTULO EXTRAJUDICIAL COM PEDIDO DE TUTELA ANTECIPADA , em desfavor de Nome, portadora do RG nº 00000-00, inscrita no CPF/MF sob o nº 000.000.000-00, NomeJUNIOR , portador do RG nº 00000-00, inscrito no CPF/MF sob o nº 000.000.000-00, Nome, portadora do RG nº 00000-00, inscrita no CPF/MF sob o nº 000.000.000-00e Nome, portador do RG nº 00000-00, inscrito no CPF/MF sob o nº 000.000.000-00, todos residentes e domiciliados à EndereçoCEP 00000-000, pelos motivos e razões jure et facto que passa a explanar, para, finalmente, requerer:

2- Os executados (principais devedores) confessaram dever ao exequente a quantia de R$ 00.000,00, sendo que os executados (garantidores) declararam serem solidariamente responsáveis por toda a dívida.

3- Comprometeram-se a saldar referida dívida da seguinte forma:

3.a) 8 (oito) parcelas iguais e sucessivas de R$ 00.000,00(setecentos e vinte e quatro reais e vinte e sete centavos) cada, vencendo-se a primeira aos 25/02/14 e as demais todo dia 10 de cada mês;

3.b) última parcela de R$ 00.000,00(hum mil e vinte e dois reais e oitenta e quatro centavos), sendo que todas as parcelas deveriam ser pagas mediante depósito bancário pelos executados (devedores principais e garantidores) na conta corrente do exequente.

4- A dívida mencionada no item anterior, refere-se à desocupação antecipada de imóvel locado, o que gerou o débito de 3 alugueres proporcional ao tempo restante do contrato, ou seja, R$ 00.000,00(três mil seiscentos e

vinte e cinco reais) , bem como o pagamento dos valores referentes aos alugueres de

novembro e dezembro/13, no importe de R$ 00.000,00(três mil duzentos e dezenove reais) .

6- In casu , os executados pagaram ao exequente apenas as 05 (cinco) primeiras parcelas, restando, portanto, inadimplidas 04 (quatro) parcelas no valor total de R$ 00.000,00, que venceram em 25/07/2014 , resultando na propositura da presente executiva, visando o recebimento do crédito no importe total lançado no demonstrativo de atualização a seguir descrito:

DADOS BÁSICOS INFORMADOS PARA CÁLCULO

Descrição do cálculo

Valor Nominal R$ 00.000,00

Indexador e metodologia de cálculo IGP-M - (FGV) - Calculado pelo critério mês cheio.

Período da correção Julho/2014 a Setembro/2014

Taxa de juros (%) 1 % a.m. simples

Período dos juros 25/07/2014 a 17/09/2014

Multa (%) 10 %

Honorários (%) 10 %

DADOS CALCULADOS

Fator de correção do período 62 dias 0,991216 Percentual correspondente 62 dias -0,878353 % Valor corrigido para 01/09/2014 (=) R$ 00.000,00 Juros (54 dias-2,00000%) (+) R$ 00.000,00 Multa (10%) (+) R$ 00.000,00 Sub Total (=) R$ 00.000,00 Honorários (10%) (+) R$ 00.000,00

VALOR TOTAL (=) R$ 00.000,00

EXISTENTES EM NOME DOS EXECUTADOS, PELO SISTEMA BACENJUD, ATÉ O LIMITE DA DÍVIDA ORA PERSEGUIDA (R$ 00.000,00 - valor atualizado até 17/09/14) , de forma a resguardar os interesses do ora exequente, sob pena de sofrer prejuízo ainda maior do que o já suportado;

B) ordenar a citação dos executados, nos exatos termos do art. 652, do CPC, ATRAVÉS DE OFICIAL DE JUSTIÇA (segue em anexo guia devidamente recolhida no

importe de R$ 00.000,00, totalizando 04 diligências) , para pagamento da dívida exequenda, já

acrescida de correção monetária, juros legais, custas processuais e honorários advocatícios de 10% (conforme acordado entre as partes) , no prazo legal de 03 (três) dias, sob pena de ser procedida a penhora forçada de bens;

C) com o mesmo mandado supra referido, ordenar a PENHORA DO VALOR INDICADO PELO EXEQUENTE , com fulcro no art. 652, § 2º, do CPC, intimando-se e cientificando-se os executados, na mesma oportunidade, de que, independentemente de penhora, depósito ou caução, poderá opor-se à execução por meio de embargos (art. 736, do CPC), no prazo de 15 (quinze) dias, contados da juntada aos autos do mandado de citação (art. 738, do CPC), e, ainda, de que, no mesmo prazo, se reconhecerem o crédito do exequente e comprovarem o depósito de 30% (trinta por cento) do valor da execução, inclusive custas e honorários de advogado, poderá requerer o pagamento do restante em até 06 (seis) parcelas mensais, acrescidas de correção monetária e juros de 1%

E) ao final, julgar a presente ação TOTALMENTE PROCEDENTE , com as cominações de estilo e verbas sucumbenciais.

Outrossim, para fins de recebimento das publicações de vossos R. Despachos/Sentenças junto ao D.J.E., requer-se constem os nomes dos seguintes advogados do exequente: Dr. Richard Franklin Mello d ́Avila - 00.000 OAB/UFe Dra. NomeMorelli d ́Avila - 00.000 OAB/UF.

Por derradeiro, requer valer-se de todos os meios de prova em Direito admitidos, sem exceção, especialmente através da juntada de novos documentos e outros mais que se fizerem necessários, atribuindo-se à vertente demanda executiva o valor de R$ 00.000,00, para fins fiscais.

Nestes termos,

D., R. e A. com os inclusos documentos.

Pede e Espera Deferimento.

Campinas/SP, 17 de setembro de 2.014.

Dr. Richard Franklin Mello d‘Avila

Advogado - 00.000 OAB/UF

Dra. Nome