Processo nº 1023893-26.2020.8.26.0576

Silvia Rodrigues Freitas x Reinaldo dos Santos Meira

TJSP · Foro de São José do Rio Preto, SP
Cível · Despejo por Falta de Pagamento Cumulado Com Cobrança
Valor da causa:
R$ X.XXX,XX
O processo teve origem no Tribunal de Justiça de São Paulo, em 17 de junho de 2020. Tem como partes envolvidas Luis Paulo Invernize Cardozo, Silvia Rodrigues Freitas, Reinaldo dos Santos Meira.
Processo em andamento
Informações sincronizadas ano passado com tribunais e Diários Oficiais.

Andamento processual

Assine para desbloquear todas as movimentações desse processo
27/08/2020ano passado
Movimentação visível apenas para assinantes.
30/07/2020ano passado
Movimentação visível apenas para assinantes.
29/07/2020ano passado
Movimentação visível apenas para assinantes.
19/07/2020ano passado
Movimentação visível apenas para assinantes.
07/07/2020ano passado
Movimentação visível apenas para assinantes.
Certidão de Publicação Expedida Relação :0576/2020 Data da Disponibilização: 07/07/2020 Data da Publicação: 08/07/2020 Número do Diário: 3076 Página: 1667/1672
06/07/2020ano passado
Remetido ao DJE Relação: 0576/2020 Teor do ato: Vistos. Trata-se de ação de despejo por falta de pagamento. A autora alega que comprou o imóvel locado e, desde então, o réu não lhe pagou os alugueis. O que torna a pessoa proprietária de um imóvel é o registro da escritura de compra e venda na matrícula do imóvel. A inicial não veio acompanhada da certidão da matrícula do imóvel com o registro da escritura de compra e venda, nem está comprovado nos autos que o réu foi notificado sobre a venda do imóvel para que tivesse conhecimento de que o pagamento deveria ser feito à autora e não ao anterior locador. Diante disso, concedo à autora o prazo de 15 dias para juntar a certidão da matrícula do imóvel com o registro da escritura de compra e venda e comprovar a notificação do réu para pagar os alugueis à autora, sob pena de rejeição da inicial. Intime-se. Advogados(s): Luis Paulo Invernize Cardozo (OAB 334619/SP)
29/06/2020ano passado
Determinada a Emenda à Petição Inicial Vistos. Trata-se de ação de despejo por falta de pagamento. A autora alega que comprou o imóvel locado e, desde então, o réu não lhe pagou os alugueis. O que torna a pessoa proprietária de um imóvel é o registro da escritura de compra e venda na matrícula do imóvel. A inicial não veio acompanhada da certidão da matrícula do imóvel com o registro da escritura de compra e venda, nem está comprovado nos autos que o réu foi notificado sobre a venda do imóvel para que tivesse conhecimento de que o pagamento deveria ser feito à autora e não ao anterior locador. Diante disso, concedo à autora o prazo de 15 dias para juntar a certidão da matrícula do imóvel com o registro da escritura de compra e venda e comprovar a notificação do réu para pagar os alugueis à autora, sob pena de rejeição da inicial. Intime-se.
17/06/2020ano passado
Distribuído Livremente (por Sorteio) (movimentação exclusiva do distribuidor)
Conclusos para Decisão
Detalhes do processo
Poder Judiciário
Justiça dos Estados e do Distrito Federal e Territórios
Tribunal de Origem
TJSP · Comarca · Foro de São José do Rio Preto, SP
Valor da Causa
R$ X.XXX,XX
Data de tramitação
17/06/2020 a 27/08/2020
Natureza
Despejo por Falta de Pagamento Cumulado Com Cobrança
Área do Direito
Cível
Assunto
Espécies de Contratos / Locação de Imóvel
Juiz
Ricardo de Carvalho Lorga
Início do Processo
2020
Partes envolvidas
Documentos anexos
O acesso a estes documentos é disponibilizado apenas para assinantes do Jusbrasil que estão envolvidos no processo ou advogados.
Documento 1 - Páginas 1....pdf
Certidões de Cartório -....pdf
Planilha de Cálculos - ....pdf
Procuração - Página 6.pdf
Decisão - Página 38.pdf
Fontes de informações
Todas as informações exibidas nesta página são públicas e foram coletadas nos Sistemas dos Tribunais e Diários Oficiais.
SABER MAIS