jusbrasil.com.br
23 de Setembro de 2021

Peça extraída do processo n°XXXXXXX-XX.2018.4.03.9999

Petição - Ação Aposentadoria por Invalidez

Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

EXCELENTÍSSIMO (A) SENHOR (A) DOUTOR (A) JUIZ (A) DE DIREITO DA 3a VARA CÍVEL DA COMARCA DE TATUÍ/SP.

PROCESSO nº 1003269-45.2016.8.26.0624

Nome, já devidamente qualificado (a) nos autos do Processo em epígrafe, da Ação que move em face do INSS, através de seu advogado "in fine" assinado, vem, respeitosamente, perante V. Exa., em atendimento ao r. despacho de fls. 19/20, expor e requerer o que abaixo segue:

Às fls. 11 dos Autos o Autor demonstrou que, mesmo estando incapaz para o exercício de atividades laborais, o INSS, após revisão médico pericial, cessou ADMINISTRATIVAMENTE o benefício concedido por decisão judicial.

Ainda assim, Vossa Exa. determinou que o Autor comprove que recentemente fez o requerimento do benefício pretendido na esfera administrativa.

Contudo, não há requerimento recente à apresentar, posto que trata-se de pessoa pobre, de pouca instrução, portador de doença mental e que depende do Sistema Único de Saúde para providenciar atestados médicos, o que inviabilizou novos requerimentos, aguardando tão somente pelo provimento jurisdicional.

No entanto, caso o entendimento de Vossa Exa. não seja o de dar seguimento à presente Ação no estado em que se encontra, requer a suspensão do feito até que o Autor junte nos Autos recente indeferimento administrativo.

Nestes termos,

P. Deferimento.

Tatuí, 11 de Julho de 2016.

Nome

00.000 OAB/UF.