jusbrasil.com.br
12 de Maio de 2021

Petição - Ação Despesas Condominiais

Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA VARA CÍVEL REGIONAL DA BARRA DA TIJUCA.

GRERJ no 00000-00-10

CONDOMÍNIO DO CONJUNTO ARQUITETÔNICO DENOMINADO DOWNTOWN , pessoa formal, devidamente inscrito no CNPJ do MF sob o no 00.000.000/0000-00, situado nesta cidade do Rio de Janeiro, na EndereçoCEP: 00000-000, e-mail: email@email.com, representado neste ato por seu Síndica DWT Administradora de Imóveis e Condomínios LTDA., vem, por seu advogado regularmente constituído, o qual possui escritório no endereço grafado no rodapé desta, onde receberá intimações, propor em face de Nome, brasileira, viúva, empresária, portadora da identidade no (00)00000-0000, expedida pelo IFP e CPF do MF no 000.000.000-00, domiciliada na cidade do Rio de Janeiro, na Avenida das

Américas no 19.019, sala 375 – Barra da Tijuca / RJ, CEP: 00000-000,

email: desconhecido, a presente,

EXECUÇÃO POR TÍTULO EXTRAJUDICIAL

e o faz com fundamento no artigo 1.336, inciso I, do Código Civil, e o artigo 784, inciso X, do Código de Processo Civil, pelas razões de fato e de direito que passa a expor:

A Executada é proprietária da unidade condominial caracterizada pela sala 214 do bloco 22, onde situa-se o Condomínioexequente (doc. no 01/08) , estando assim, por força legal e convencional, obrigada ao pagamento do rateio das despesas condominiais do mesmo, conforme espelha sua competente Convenção Condominial em anexo.

Ocorre que a Executada desde Agosto de 2019, encontrase inadimplente com despesas condominiais, ora totalizando o débito principal em R$ 00.000,00, valor este já devidamente atualizado, acrescido da multa legal de 2% (dois por cento), bem como dos juros moratórios de 1% (um por cento) ao mês, conforme devidamente comprovado pelos recibos em anexo do Condomínio, tudo devidamente discriminado e pormenorizado pela memória de cálculos também em anexo (doc. no 09/10) .

Esgotadas todas as tentativas amigáveis junto a Executada para o recebimento de seu crédito, vale-se o Exequente do presente rogo jurisdicional para receber as referidas cotas condominiais em atraso.

Do que foi exposto, requer a V.Exa., que determine a citação da Executada, pela via postal, para que no prazo de 3 (três) dias contados da citação, pague o débito ora de R$ 00.000,00, acrescido dos honorários advocatícios de 10% (dez por cento) e das custas processuais.

Em cumprimento ao disposto no artigo 798, II, c, do Código de Processo Civil, em não ocorrendo o pagamento no prazo legal, o Exequente indica para penhora o imóvel localizado na Endereço, sem prejuízo da inclusão do nome da Executada nos cadastros de inadimplentes do SPC e SERASA, na forma do artigo 782, § 3o, do Código de Processo Civil.

Dá-se à causa o valor de R$ 00.000,00.

Termos em que, Pede deferimento.

Rio de Janeiro, 16 de dezembro de 2020.

Nome 00.000 OAB/UF