Processo nº 213XXXX-97.2022.8.26.0000

Banco do Brasil S/A x Moacyr Pistore

TJSP · Foro Unificado da Comarca de São Paulo, SP
Cível · Agravo de Instrumento
Valor da causa:
R$ X.XXX,XX

Andamento processual

Assine para desbloquear todas as movimentações desse processo
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Movimentação visível apenas para assinantes.
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Movimentação visível apenas para assinantes.
Data visível apenas para assinantes
Movimentação visível apenas para assinantes.
Sem efeito suspensivo DESPACHO Agravo de Instrumento Processo 213XXXX-97.2022.8.26.0000 Relator(a): EMÍLIO MIGLIANO NETO Órgão Julgador: 18ª Câmara de Direito Privado Vistos. Trata-se de agravo de instrumento tirado pelo BANCO DO BRASIL S/A contra a r. decisão colacionada às fls. 31/53, a qual rejeitou em parte a sua impugnação, proferida nos autos da ação de cumprimento de sentença (processo 100XXXX-50.2019.8.26.0288) proposta por MOACYR PISTORE e fundada em título judicial oriundo da ação civil pública ajuizada pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor contra o Banco do Brasil S/A, cujo trâmite ocorreu perante o Juízo de Direito da 12ª Vara Cível de Brasília/DF.. Alega, contudo, que a r. decisão merece ser reformada, sustentando a ocorrência da prescrição, ilegitimidade do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios para interpor protesto interruptivo da prescrição, ilegitimidade ativa, necessidade de suspensão do feito, necessidade de liquidação da sentença exequenda, incidência dos juros de mora a partir da citação ocorrida na ação de cumprimento de sentença, não incidência dos juros remuneratórios, aplicação da correção monetária de acordo com os índices da caderneta de poupança e não de acordo com a Tabela Prática do Tribunal de Justiça e impossibilidade de fixação de honorários advocatícios em razão da rejeição da impugnação. Requereu a concessão do efeito suspensivo. A concessão de efeito suspensivo ao agravo de instrumento somente mostra-se adequada na hipótese da existência de risco de lesão grave e de difícil reparação, e ficar demonstrada a probabilidade de provimento do recurso (art. 995, parágrafo único, do CPC). Sendo assim, analisando-se a decisão agravada à vista do entendimento desta Colenda Câmara de Direito Privado sobre a matéria, ausentes estão as hipóteses do art. 995, parágrafo único do CPC, razão pela qual desacolhe-se o pedido de efeito suspensivo. Ao agravado para contraminuta, no prazo legal. Oportunamente, retornem conclusos para as deliberações necessárias. Int. São Paulo, 5 de agosto de 2022. EMÍLIO MIGLIANO NETO Relator Assinatura eletrônica
11/07/2022mês passado
Publicado em Disponibilizado em 08/07/2022 Tipo de publicação: Distribuídos Número do Diário Eletrônico: 3543
08/07/2022mês passado

Seção III

Subseção III - Processos Distribuídos

Distribuição Originários Direito Privado 2

PROCESSOS DISTRIBUÍDOS EM 05/07/2022

213XXXX-97.2022.8.26.0000; Processo Digital. Petições para juntada devem ser apresentadas exclusivamente por meio eletrônico, nos termos do artigo 7º da Res. 551/2011; Agravo de Instrumento; 18ª Câmara de Direito Privado; EMÍLIO MIGLIANO NETO; Foro de Ituverava; 1ª Vara; Cumprimento de sentença; 100XXXX-50.2019.8.26.0288; Expurgos Inflacionários / Planos Econômicos; Agravante: Banco do Brasil S/A; Advogado: Adriano Athala de Oliveira Shcaira (OAB: 140055/SP); Agravado: Moacyr Pistore; Advogado: Joao Athayde de Souza Migliorini (OAB: 121811/SP); Ficam as partes intimadas para manifestarem-se acerca de eventual oposição ao julgamento virtual, nos termos do art. 1º da Resolução 549/2011, com redação estabelecida pela Resolução 772/2017, ambas do Órgão Especial deste Tribunal.

05/07/2022mês passado
Conclusos para o Relator (Expedido Termo com Conclusão) EMÍLIO MIGLIANO NETO
Redistribuição por Competência Exclusiva Motivo: A nova distribuição em cumprimento ao r.despacho de fls 58 Processo prevento: 049XXXX-20.2010.8.26.0000 Órgão Julgador: 28 - 18ª Câmara de Direito Privado Relator: 11169 - Emílio Migliano Neto
Bloqueio de timeline
Crie uma conta para visualizar informações mais antigas

Já tem conta? Entrar

Fontes de informações
Todas as informações exibidas nesta página são públicas e foram coletadas nos Sistemas dos Tribunais e Diários Oficiais.
SABER MAIS