Artigo 4 da Lei nº 4.771 de 15 de Setembro de 1965

Lei nº 4.771 de 15 de Setembro de 1965

Institui o novo Código Florestal .
Art. 4o A supressão de vegetação em área de preservação permanente somente poderá ser autorizada em caso de utilidade pública ou de interesse social, devidamente caracterizados e motivados em procedimento administrativo próprio, quando inexistir alternativa técnica e locacional ao empreendimento proposto. (Redação dada pela Medida Provisória nº 2.166 -67, de 2001)
§ 1o A supressão de que trata o caput deste artigo dependerá de autorização do órgão ambiental estadual competente, com anuência prévia, quando couber, do órgão federal ou municipal de meio ambiente, ressalvado o disposto no
§ 2o deste artigo. (Incluído pela Medida Provisória nº 2.166 -67, de 2001)
§ 2o A supressão de vegetação em área de preservação permanente situada em área urbana, dependerá de autorização do órgão ambiental competente, desde que o município possua conselho de meio ambiente com caráter deliberativo e plano diretor, mediante anuência prévia do órgão ambiental estadual competente fundamentada em parecer técnico. (Incluído pela Medida Provisória nº 2.166 -67, de 2001)
§ 3o O órgão ambiental competente poderá autorizar a supressão eventual e de baixo impacto ambiental, assim definido em regulamento, da vegetação em área de preservação permanente. (Incluído pela Medida Provisória nº 2.166 -67, de 2001)
§ 4o O órgão ambiental competente indicará, previamente à emissão da autorização para a supressão de vegetação em área de preservação permanente, as medidas mitigadoras e compensatórias que deverão ser adotadas pelo empreendedor. (Incluído pela Medida Provisória nº 2.166 -67, de 2001)
§ 5o A supressão de vegetação nativa protetora de nascentes, ou de dunas e mangues, de que tratam, respectivamente, as alíneas c e f do art. 2o deste Código, somente poderá ser autorizada em caso de utilidade pública. (Incluído pela Medida Provisória nº 2.166 -67, de 2001)
§ 6o Na implantação de reservatório artificial é obrigatória a desapropriação ou aquisição, pelo empreendedor, das áreas de preservação permanente criadas no seu entorno, cujos parâmetros e regime de uso serão definidos por resolução do CONAMA. (Incluído pela Medida Provisória nº 2.166 -67, de 2001)
§ 7o É permitido o acesso de pessoas e animais às áreas de preservação permanente, para obtenção de água, desde que não exija a supressão e não comprometa a regeneração e a manutenção a longo prazo da vegetação nativa. (Incluído pela Medida Provisória nº 2.166 -67, de 2001)

Página 21 da Caderno Executivo do Diário Oficial do Estado da Bahia (DOEBA) de 9 de Janeiro de 2021

Lei. Art. 4º - Prioritariamente, a Reserva Legal deverá atender ao artigo 12 do Código Florestal (Lei 12.651/2012... artigo 67 da Lei 12.651/2012. Art. 11. - As atividades ou empreendimentos …

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Apelação Cível : AC 0001338-92.2014.8.26.0042 SP 0001338-92.2014.8.26.0042

considerada é de 100 metros, nos moldes do artigo 4º , inciso I, alínea c do Código Florestal . Uma vez adotada a Lei ... caracterizada a área de preservação permanente, nos moldes do artigo 4º , …

Andamento do Processo n. 0014691-88.2014.8.17.1130 - Apelação - 06/01/2021 do TJPE

9.605/98, o artigo 74, caput, da Lei Federal 6.514/08, o artigo 4º do Código Florestal, Lei 12.727/12... POR APLICAÇÃO DOS PRINCIPIOS DA PROPORCIONALIDADE E RAZOABILIDADE NA SITUAÇÃO DE …

Página 189 do Diário de Justiça do Estado de Pernambuco (DJPE) de 6 de Janeiro de 2021

/98, o artigo 74, caput, da Lei Federal 6.514/08, o artigo 4º do Código Florestal, Lei 12.727/12, e os artigos 96... DOS PRINCIPIOS DA PROPORCIONALIDADE E RAZOABILIDADE NA SITUAÇÃO DE FATO, À …

Ação anulatória de ato administrativo ambiental

consolidada se deve aplicar o artigo 4º, inciso I, do Código Florestal ou o artigo 4º, inciso III, da Lei de Uso... da Lei 9.605/08 e art. 2º, “a” da Lei 4.771/65, assim descritos: Decreto 3.179/99 …

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - PROCESSO CÍVEL E DO TRABALHO - Recursos - Embargos - Embargos de Declaração : ED 0008646-43.2018.8.16.0035 PR 0008646-43.2018.8.16.0035 (Acórdão)

demonstradas, pronuncie-se a Corte sobre o art. 4º , inciso I, do Código Florestal (art. 2º , a, da Lei 4.771 /1965), art. 373... como para que se pronuncie a Corte sobre o art. 4º , inciso I, …

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - PROCESSO CÍVEL E DO TRABALHO - Recursos - Embargos - Embargos de Declaração : ED 0008646-43.2018.8.16.0035 PR 0008646-43.2018.8.16.0035 (Acórdão)

Florestal (art. 2º, “a”, da Lei 4.771/1965), art. 373, do Código de Processo Civil, art. 1.238 e parágrafo único do Código..., “a”, da Lei 4.771/1965); art. 373 do CPC; art. 1.238, caput e …

TJSC • Mandado de Segurança Cível • Flora • 0302775-53.2016.8.24.0019 • 2ª Vara Cível do Tribunal de Justiça de Santa Catarina

O ART. 4º, I, 'B', DO CÓDIGO FLORESTAL. INAPLICABILIDADE. IMÓVEL INSERIDO EM ÁREA URBANA INEQUIVOCADAMENTE CONSOLIDADA.... EXIGÊNCIA DE AFASTAMENTO DE 30 METROS DO CORPO D'ÁGUA, CONFORME DISPÕE O AR…

Página 34 da Regular do Diário Oficial dos Municípios de Santa Catarina (DOM-SC) de 14 de Dezembro de 2020

° desta lei. Art. 11.º As edificações anteriores a 15 de setembro de 1965, data da Lei Federal n° 4771/1965, que é o primeiro... faixas de áreas de preservação permanente, previstas no art. 4º, …

Supremo Tribunal Federal STF - REFERENDO NA MEDIDA CAUTELAR NA ARGUIÇÃO DE DESCUMPRIMENTO DE PRECEITO FUNDAMENTAL : ADPF 0104368-73.2020.1.00.0000 DF 0104368-73.2020.1.00.0000

º no art. 4º da Lei 4.771/1965 , a Medida Provisória 2.166-67/2001 delegou expressamente ao CONAMA a definição... com base em delegação expressa do art. 4º, § 6º, da Lei 4.771/1965