Artigo 2 da Lei nº 4.771 de 15 de Setembro de 1965

Lei nº 4.771 de 15 de Setembro de 1965

Institui o novo Código Florestal .
Art. 2º Consideram-se de preservação permanente, pelo só efeito desta Lei, as florestas e demais formas de vegetação natural situadas:
a) ao longo dos rios ou de outro qualquer curso d'água, em faixa marginal cuja largura mínima será:
(Revogado)
1 - de 5 (cinco) metros para os rios de menos de 10 (dez) metros de largura:
(Revogado)
2 - igual à metade da largura dos cursos que meçam de 10 (dez) a 200 (duzentos) metros de distancia entre as margens;
(Revogado)
3 - de 100 (cem) metros para todos os cursos cuja largura seja superior a 200 (duzentos) metros.
(Revogado)
1. de 30 (trinta) metros para os rios de menos de 10 (dez) metros de largura; (Redação dada pela Lei nº 7.511, de 1986)
(Revogado)
2. de 50 (cinqüenta) metros para os cursos d’água que tenham de 10 (dez) a 50 (cinqüenta) metros de largura; (Redação dada pela Lei nº 7.511, de 1986)
(Revogado)
3. de 100 (cem) metros para os cursos d’água que meçam entre 50 (cinqüenta) e 100 (cem) metros de largura; (Redação dada pela Lei nº 7.511, de 1986)
(Revogado)
4. de 150 (cento e cinqüenta) metros para os cursos d’água que possuam entre 100 (cem) e 200 (duzentos) metros de largura; igual à distância entre as margens para os cursos d’água com largura superior a 200 (duzentos) metros; (Incluído dada pela Lei nº 7.511, de 1986)
(Revogado)
b) ao redor das lagoas, lagos ou reservatórios d'água naturais ou artificiais;
(Revogado)
c) nas nascentes, mesmo nos chamados "olhos d'água", seja qual for a sua situação topográfica;
(Revogado)
d) no topo de morros, montes, montanhas e serras;
(Revogado)
e) nas encostas ou partes destas, com declividade superior a 45º, equivalente a 100% na linha de maior declive;
(Revogado)
f) nas restingas, como fixadoras de dunas ou estabilizadoras de mangues;
(Revogado)
g) nas bordas dos taboleiros ou chapadas;
(Revogado)
h) em altitude superior a 1.800 (mil e oitocentos) metros, nos campos naturais ou artificiais, as florestas nativas e as vegetações campestres.
(Revogado)
a) ao longo dos rios ou de qualquer curso d'água desde o seu nível mais alto em faixa marginal cuja largura mínima será: (Redação dada pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
1 - de 30 (trinta) metros para os cursos d'água de menos de 10 (dez) metros de largura; (Redação dada pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
2 - de 50 (cinquenta) metros para os cursos d'água que tenham de 10 (dez) a 50 (cinquenta) metros de largura; (Redação dada pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
3 - de 100 (cem) metros para os cursos d'água que tenham de 50 (cinquenta) a 200 (duzentos) metros de largura; (Redação dada pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
4 - de 200 (duzentos) metros para os cursos d'água que tenham de 200 (duzentos) a 600 (seiscentos) metros de largura; (Redação dada pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
5 - de 500 (quinhentos) metros para os cursos d'água que tenham largura superior a 600 (seiscentos) metros; (Incluído pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
b) ao redor das lagoas, lagos ou reservatórios d'água naturais ou artificiais;
c) nas nascentes, ainda que intermitentes e nos chamados "olhos d'água", qualquer que seja a sua situação topográfica, num raio mínimo de 50 (cinquenta) metros de largura; (Redação dada pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
d) no topo de morros, montes, montanhas e serras;
e) nas encostas ou partes destas, com declividade superior a 45º, equivalente a 100% na linha de maior declive;
f) nas restingas, como fixadoras de dunas ou estabilizadoras de mangues;
g) nas bordas dos tabuleiros ou chapadas, a partir da linha de ruptura do relevo, em faixa nunca inferior a 100 (cem) metros em projeções horizontais; (Redação dada pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
h) em altitude superior a 1.800 (mil e oitocentos) metros, qualquer que seja a vegetação. (Redação dada pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
i) nas áreas metropolitanas definidas em lei. (Incluído pela Lei nº 6.535, de 1978) (Vide Lei nº 7.803 de 18.7.1989)
Parágrafo único. No caso de áreas urbanas, assim entendidas as compreendidas nos perímetros urbanos definidos por lei municipal, e nas regiões metropolitanas e aglomerações urbanas, em todo o território abrangido, obervar-se-á o disposto nos respectivos planos diretores e leis de uso do solo, respeitados os princípios e limites a que se refere este artigo.(Incluído pela Lei nº 7.803 de 18.7.1989)

Intimação - Procedimento Comum Cível - 1028922-25.2023.8.11.0041 - Disponibilizado em 17/04/2024 - TJMT

NÚMERO ÚNICO: 1028922-25.2023.8.11.0041 POLO ATIVO ARNALDO DICK ADVOGADO(A/S) PEDRO FELIPE ANDRADE SILVA VIEIRA | 27757-B/MT DATA DE DISPONIBILIZAÇÃO: 17/04/2024 DATA DE PUBLICAÇÃO: 18/04/2024 ESTADO…

Intimação - Apelação Cível - 0021060-73.2009.4.03.6182 - Disponibilizado em 16/04/2024 - TRF3

NÚMERO ÚNICO: 0021060-73.2009.4.03.6182 POLO ATIVO DESTILARIA DIAMANTE S/A ADVOGADO(A/S) EDUARDO AUGUSTO FALEIROS | 362803/SP DATA DE DISPONIBILIZAÇÃO: 16/04/2024 DATA DE PUBLICAÇÃO: 17/04/2024 PODER…

Intimação - Apelação Cível - 0005880-17.2010.4.03.6106 - Disponibilizado em 15/04/2024 - TRF3

NÚMERO ÚNICO: 0005880-17.2010.4.03.6106 POLO ATIVO MARIANA MARCONDES DO AMARAL CARDOSO DA ROSA ADVOGADO(A/S) EDUARDO LEMOS PRADO DE CARVALHO | 192989/SP ANDRE GUSTAVO DE GIORGIO | 183021/SP ELAINE…

Intimação - Procedimento Comum Cível - 5008247-81.2023.4.03.6102 - Disponibilizado em 15/04/2024 - TRF3

NÚMERO ÚNICO: 5008247-81.2023.4.03.6102 POLO ATIVO CELENE BEATRIZ REBELO PRADO ADVOGADO(A/S) JOAO EMMANUEL MATTOS VIDOTTI | 460719/SP FLAVIO BASILE | 344217/SP JOAO GABRIEL MENEZES FARIA | 344496/SP…

Intimação - Petição Cível - 0008445-08.2023.8.16.0025 - Disponibilizado em 15/04/2024 - TJPR

NÚMERO ÚNICO: 0008445-08.2023.8.16.0025 POLO ATIVO JOSE CORSINO POLO PASSIVO ASSOCIAçãO DE DEFESA DO MEIO AMBIENTE DE ARAUCáRIA ADVOGADO(A/S) RENATO OLIVEIRA DE AZEVEDO | 22971/PR ERNESTO DAL VITT…

Página 6413 do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de 12 de Abril de 2024

AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 2173633 - MG (2022/XXXXX-7) RELATOR : MINISTRO AFRÂNIO VILELA AGRAVANTE : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL AGRAVADO : MAURÍLIO CANESIN FILHO AGRAVADO : MARIA TERESA…
0
0

Publicação do processo nº 2022/0225275-7 - Disponibilizado em 12/04/2024 - STJ

AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 2173633 - MG (2022/0225275-7) RELATOR : MINISTRO AFRÂNIO VILELA AGRAVANTE : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL AGRAVADO : MAURÍLIO CANESIN FILHO AGRAVADO : MARIA TERESA…

Página 1181 da Judicial - 1ª Instância - Interior - Parte I do Diário de Justiça do Estado de São Paulo (DJSP) de 11 de Abril de 2024

bastando a mera alegação de que o pagamento das custas possa trazer prejuízos ao sustento da parte, desacompanhada de suporte documental, é o caso de manutenção da decisão que indeferiu o pedido de…
0
0

Página 9 do Diário de Justiça do Estado do Acre (DJAC) de 11 de Abril de 2024

1. A Carta Magna de 1988 albergou espaços especialmente protegidos, como regra jurídica, com o intuito de assegurar o direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, essencial à sadia qualidade…
0
0

Intimação - Apelação / Remessa Necessária - 0001643-17.2009.4.03.6124 - Disponibilizado em 11/04/2024 - TRF3

NÚMERO ÚNICO: 0001643-17.2009.4.03.6124 POLO ATIVO ARTUR PANTOJA MARQUES ADVOGADO(A/S) ALEXANDRE ABBY | 303656/SP LAURA FANUCCHI | 374979/SP WINNIE ADRIANA GONCALVES ARAUJO | 323442/SP ADRIANA ASTUTO…