Artigo 195 da Lei nº 9.279 de 14 de Maio de 1996

Lei nº 9.279 de 14 de Maio de 1996

Regula direitos e obrigações relativos à propriedade industrial.
Art. 195. Comete crime de concorrência desleal quem:
I - pública, por qualquer meio, falsa afirmação, em detrimento de concorrente, com o fim de obter vantagem;
II - presta ou divulga, acerca de concorrente, falsa informação, com o fim de obter vantagem;
III - emprega meio fraudulento, para desviar, em proveito próprio ou alheio, clientela de outrem;
IV - usa expressão ou sinal de propaganda alheios, ou os imita, de modo a criar confusão entre os produtos ou estabelecimentos;
V - usa, indevidamente, nome comercial, título de estabelecimento ou insígnia alheios ou vende, expõe ou oferece à venda ou tem em estoque produto com essas referências;
VI - substitui, pelo seu próprio nome ou razão social, em produto de outrem, o nome ou razão social deste, sem o seu consentimento;
VII - atribui-se, como meio de propaganda, recompensa ou distinção que não obteve;
VIII - vende ou expõe ou oferece à venda, em recipiente ou invólucro de outrem, produto adulterado ou falsificado, ou dele se utiliza para negociar com produto da mesma espécie, embora não adulterado ou falsificado, se o fato não constitui crime mais grave;
IX - dá ou promete dinheiro ou outra utilidade a empregado de concorrente, para que o empregado, faltando ao dever do emprego, lhe proporcione vantagem;
X - recebe dinheiro ou outra utilidade, ou aceita promessa de paga ou recompensa, para, faltando ao dever de empregado, proporcionar vantagem a concorrente do empregador;
XI - divulga, explora ou utiliza-se, sem autorização, de conhecimentos, informações ou dados confidenciais, utilizáveis na indústria, comércio ou prestação de serviços, excluídos aqueles que sejam de conhecimento público ou que sejam evidentes para um técnico no assunto, a que teve acesso mediante relação contratual ou empregatícia, mesmo após o término do contrato;
XII - divulga, explora ou utiliza-se, sem autorização, de conhecimentos ou informações a que se refere o inciso anterior, obtidos por meios ilícitos ou a que teve acesso mediante fraude; ou
XIII - vende, expõe ou oferece à venda produto, declarando ser objeto de patente depositada, ou concedida, ou de desenho industrial registrado, que não o seja, ou menciona-o, em anúncio ou papel comercial, como depositado ou patenteado, ou registrado, sem o ser;
XIV - divulga, explora ou utiliza-se, sem autorização, de resultados de testes ou outros dados não divulgados, cuja elaboração envolva esforço considerável e que tenham sido apresentados a entidades governamentais como condição para aprovar a comercialização de produtos.
Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa.
§ 1º Inclui-se nas hipóteses a que se referem os incisos XI e XII o empregador, sócio ou administrador da empresa, que incorrer nas tipificações estabelecidas nos mencionados dispositivos.
§ 2º O disposto no inciso XIV não se aplica quanto à divulgação por órgão governamental competente para autorizar a comercialização de produto, quando necessário para proteger o público.

Petição Inicial - TJSP - Ação Cominatória Cumulada com Pedido de Indenização por Perdas e Danos - Procedimento Comum Cível - de Eurofarma Laboratorios contra Sanofi Medley Farmacêutica

DOC. 05  e-SAJ | Consulta de Processos do 1ºGrau  Visualizar autos Peticionar b XXXXX-63.2019.8.26.0100 Classe Procedimento Comum Cível Assunto Propriedade Intelectual / Industrial Foro Foro…
0
0

TJMG • [CÍVEL] PROCEDIMENTO COMUM CÍVEL • XXXXX-82.2018.8.13.0024 • 35 do Tribunal de Justiça de Minas Gerais

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE MINAS GERAIS COMARCA DE BELO HORIZONTE 35ª Vara Cível da Comarca de Belo Horizonte Avenida Raja Gabaglia, 1753, Luxemburgo, BELO HORIZONTE - MG - CEP: 30380-900 PROCESSO…
0
0

Intimação - Mandado De Segurança Cível - 0015548-22.2024.5.03.0000 - Disponibilizado em 25/06/2024 - TRT3

NÚMERO ÚNICO: 0015548-22.2024.5.03.0000 POLO ATIVO UBER DO BRASIL TECNOLOGIA LTDA. POLO PASSIVO JUIZ DA 8ª VARA DO TRABALHO DE BELO HORIZONTE ADVOGADO(A/S) RAFAEL ALFREDI DE MATOS | 0023739/BA DATA…

Recurso - TJSP - Ação Propriedade Intelectual / Industrial - Procedimento Comum Cível - de Eurofarma Laboratorios contra Sanofi Medley Farmacêutica

10 Quando esta empresa se vê obrigada a demonstrar num Tribunal, em resposta a um clamoroso processo, que o produto que lançou é diferente de outro já existente no mercado, e nesta tarefa compara…
0
0

Recurso - TJSP - Ação Indenização por Dano Material - Procedimento Comum Cível - de Jefferson Solenoidbras contra Jefferson Automação e Manutenção e Jefferson Automacao e Manutencao Indus

fls. 295 EXCELENTÍSSIMO (A) SENHOR (A) DESEMBARGADOR (A) DA CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO - SP JEFFERSON SUDAMERICANA S.A. , sociedade Argentina com sede na Avenida…
0
0

Documentos diversos - TJSP - Ação Propriedade Intelectual / Industrial - Procedimento Comum Cível - de Eurofarma Laboratorios contra Sanofi Medley Farmacêutica

9 Destarte, uma simples busca no sistema de ferramentas de imagens do Google pelo medicamento ALERGINYL antes de 2019 retorna sem nenhum resultado ( doc. 03 ). Além disso, é no mínimo maliciosa a…
0
0

Petição Inicial - TJSP - Ação Uso de Marca Instituto - Procedimento Comum Cível - de Jefferson Solenoidbras contra Jefferson Automação e Manutenção e Jefferson Automacao e Manutencao Indus

EXMO. SR. DR. JUÍZ DE DIREITO DA VARA FEDERAL DA SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO DE JANEIRO-RJ COM PEDIDO LIMINAR DE ANTECIPAÇÃO DE TUTELA URGENTE JEFFERSON SUDAMERICANA S.A. , sociedade Argentina com sede…
0
0

Petição Intermediária - TJSP - Ação Indenização por Dano Material - Procedimento Comum Cível - de Jefferson Solenoidbras contra Jefferson Automação e Manutenção e Jefferson Automacao e Manutencao Indus

fls. 280 EXMO (A). SR (A). DR (A). JUIZ (ÍZA) DE DIREITO DA 1a VARA REGIONAL DE COMPETÊNCIA EMPRESARIAL E DE CONFLITOS RELACIONADOS À ARGITRAGEM DA 1a RAJ - SP Processo nº OBJETIVO: PEDIDO DE…
0
0

Recurso - TJSP - Ação Indenização por Dano Material - Procedimento Comum Cível - de Jefferson Solenoidbras contra Jefferson Automação e Manutenção e Jefferson Automacao e Manutencao Indus

fls. 680 EXMO (A). SR (A). DR (A). JUIZ (ÍZA) DE DIREITO DA 1a VARA REGIONAL DE COMPETÊNCIA EMPRESARIAL E DE CONFLITOS RELACIONADOS À ARGITRAGEM DA 1a RAJ - SP Processo nº S.A. e SOLENOIDBRAS LTDA,…
0
0

Petição Inicial - TJSP - Ação de Indenização por Ato de Concorrência Desleal Cuminada com Obrigação de Fazer e Pedido de Tutela de Urgência - Procedimento Comum Cível - de Amazonia Brasileira Comercio de Cosmeticos, Cosmeceuticos e Nutraceuticos EIRELI contra H & a de Almeida

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA MM. SEGUNDA VARA CÍVEL ESPECIALIZADA EM DIREITO EMPRESARIAL DO FORO CENTRAL DE SÃO PAULO - SP. PEDIDO DE TUTELA DE URGÊNCIA DISTRIBUIÇÃO POR…
0
0