Artigo 9 do Decreto Lei nº 1.001 de 21 de Outubro de 1969

CPM - Decreto Lei nº 1.001 de 21 de Outubro de 1969

Art. 9º Consideram-se crimes militares, em tempo de paz:
I - os crimes de que trata êste Código, quando definidos de modo diverso na lei penal comum, ou nela não previstos, qualquer que seja o agente, salvo disposição especial;
II – os crimes previstos neste Código e os previstos na legislação penal, quando praticados: (Redação dada pela Lei nº 13.491, de 2017)
a) por militar em situação de atividade ou assemelhado, contra militar na mesma situação ou assemelhado;
b) por militar em situação de atividade ou assemelhado, em lugar sujeito à administração militar, contra militar da reserva, ou reformado, ou assemelhado, ou civil;
c) por militar em serviço ou atuando em razão da função, em comissão de natureza militar, ou em formatura, ainda que fora do lugar sujeito à administração militar contra militar da reserva, ou reformado, ou civil; (Redação dada pela Lei nº 9.299, de 8.8.1996)
d) por militar durante o período de manobras ou exercício, contra militar da reserva, ou reformado, ou assemelhado, ou civil;
e) por militar em situação de atividade, ou assemelhado, contra o patrimônio sob a administração militar, ou a ordem administrativa militar;
f) revogada. (Redação dada pela Lei nº 9.299, de 8.8.1996)
III - os crimes praticados por militar da reserva, ou reformado, ou por civil, contra as instituições militares, considerando-se como tais não só os compreendidos no inciso I, como os do inciso II, nos seguintes casos:
a) contra o patrimônio sob a administração militar, ou contra a ordem administrativa militar;
b) em lugar sujeito à administração militar contra militar em situação de atividade ou assemelhado, ou contra funcionário de Ministério militar ou da Justiça Militar, no exercício de função inerente ao seu cargo;
c) contra militar em formatura, ou durante o período de prontidão, vigilância, observação, exploração, exercício, acampamento, acantonamento ou manobras;
d) ainda que fora do lugar sujeito à administração militar, contra militar em função de natureza militar, ou no desempenho de serviço de vigilância, garantia e preservação da ordem pública, administrativa ou judiciária, quando legalmente requisitado para aquêle fim, ou em obediência a determinação legal superior.
§ 1o Os crimes de que trata este artigo, quando dolosos contra a vida e cometidos por militares contra civil, serão da competência do Tribunal do Júri. (Redação dada pela Lei nº 13.491, de 2017)
§ 2o Os crimes de que trata este artigo, quando dolosos contra a vida e cometidos por militares das Forças Armadas contra civil, serão da competência da Justiça Militar da União, se praticados no contexto: (Incluído pela Lei nº 13.491, de 2017)
I – do cumprimento de atribuições que lhes forem estabelecidas pelo Presidente da República ou pelo Ministro de Estado da Defesa; (Incluído pela Lei nº 13.491, de 2017)
II – de ação que envolva a segurança de instituição militar ou de missão militar, mesmo que não beligerante; ou (Incluído pela Lei nº 13.491, de 2017)
III – de atividade de natureza militar, de operação de paz, de garantia da lei e da ordem ou de atribuição subsidiária, realizadas em conformidade com o disposto no art. 142 da Constituição Federal e na forma dos seguintes diplomas legais: (Incluído pela Lei nº 13.491, de 2017)
a) Lei no 7.565, de 19 de dezembro de 1986 - Código Brasileiro de Aeronáutica; (Incluída pela Lei nº 13.491, de 2017)
b) Lei Complementar no 97, de 9 de junho de 1999; (Incluída pela Lei nº 13.491, de 2017)
c) Decreto-Lei no 1.002, de 21 de outubro de 1969 - Código de Processo Penal Militar; e (Incluída pela Lei nº 13.491, de 2017)
d) Lei no 4.737, de 15 de julho de 1965 - Código Eleitoral. (Incluída pela Lei nº 13.491, de 2017)
Crimes militares em tempo de guerra

Andamento do Processo n. 0012935-41.2018.8.01.0001 - Apelação Criminal - 17/05/2022 do TJAC

Classe: Apelação Criminal n. 0012935-41.2018.8.01.0001 Foro de Origem: Rio Branco Órgão: Câmara Criminal Relator: Des. Pedro Ranzi Revisor: Des. Elcio Mendes Apelante: Fábio de Oliveira Barbosa…

Página 20 do Diário de Justiça do Estado do Acre (DJAC) de 17 de Maio de 2022

Advogado: Mario Rosas Neto (OAB: 4146/AC) Advogado: Atami Tavares da Silva (OAB: 3911/AC) Advogado: Efrain Santos da Costa (OAB: 3335/AC) Advogado: Saulo de Tarso Rodrigues Ribeiro (OAB: 4887/AC)…

Razões - TJSP - Ação Preconceituosa - Apelação Criminal - contra Ministério Público do Estado de São Paulo

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA 16a VARA CRIMINAL DA COMARCA DE SÃO PAULO. Processo n°: Ação Penal , já qualificado nos autos da ação penal em epígrafe, por meio de seu advogado, vem,…

Andamento do Processo n. 7000314-62.2022.7.00.0000 - Habeas Corpus - 16/05/2022 do STM

HABEAS CORPUS Nº 7000314-62.2022.7.00.0000 RELATOR: Ministro MARCO ANTÔNIO DE FARIAS. PACIENTE: IGOR CÂMARA DE ARAÚJO. IMPETRADO: Juiz Federal Substituto da Justiça Militar da Auditoria da 12ª CJM -…

Andamento do Processo n. 0004025-88.2019.8.01.0001 - Ação Penal Militar - 16/05/2022 do TJAC

ADV: WELLINGTON FRANK SILVA DOS SANTOS (OAB 3807/AC), ADV: MARIO ROSAS NETO (OAB 4146/AC) - Processo 0004025-88.2019.8.01.0001 -Ação Penal Militar - Procedimento Ordinário - Crimes Militares -…

Andamento do Processo n. 0707448-82.2022.8.07.0020 - Petição Criminal - 16/05/2022 do TJDF

N. 0707448-82.2022.8.07.0020 - PETIÇÃO CRIMINAL - A: NURY SALIM BILEL RAAD. Adv (s).: DF39578 - THALES MEIRELLES BASTOS TELES. R: BALTHAZAR DE MELO AMORIM. Adv (s).: Nao Consta Advogado. T:…

Página 3 do Superior Tribunal Militar (STM) de 16 de Maio de 2022

extinguir-se o processo impetrado em razão de violação ao princípio do devido processo legal. Em 14 de março de 2022, proferi Despacho solicitando informações à autoridade apontada como coatora,…

Página 4 do Superior Tribunal Militar (STM) de 16 de Maio de 2022

11. Relatado o suficiente, passa-se à Decisão. 12. Exsurge impeditivo para o seguimento do presente "writ". 13. Embora a Impetração se revista de nova roupagem, o seu escopo reproduz tema de fundo…

Página 5 do Superior Tribunal Militar (STM) de 16 de Maio de 2022

Militar, não incidindo, de outra parte, em qualquer das hipóteses elencadas no artigo 78 do mesmo Código. Não cabe falar em inépcia da Denúncia, bem como assegurar - na via estreita e expedita do…

Página 31 do Diário de Justiça do Estado do Acre (DJAC) de 16 de Maio de 2022

JUIZ(A) DE DIREITO ALESSON JOSÉ SANTOS BRAZ ESCRIVÃ(O) JUDICIAL FRANCYELLE MELISSA DA SILVA COSTA EDITAL DE INTIMAÇÃO DE ADVOGADOS RELAÇÃO Nº 0248/2022 ADV: WELLINGTON FRANK SILVA DOS SANTOS (OAB…