Artigo 129 do Decreto Lei nº 2.848 de 07 de Dezembro de 1940

CP - Decreto Lei nº 2.848 de 07 de Dezembro de 1940

Art. 129. Ofender a integridade corporal ou a saúde de outrem:
Pena - detenção, de três meses a um ano.
Lesão corporal de natureza grave
§ 1º Se resulta:
I - Incapacidade para as ocupações habituais, por mais de trinta dias;
II - perigo de vida;
III - debilidade permanente de membro, sentido ou função;
IV - aceleração de parto:
Pena - reclusão, de um a cinco anos.
§ 2° Se resulta:
I - Incapacidade permanente para o trabalho;
II - enfermidade incuravel;
III perda ou inutilização do membro, sentido ou função;
IV - deformidade permanente;
V - aborto:
Pena - reclusão, de dois a oito anos.
Lesão corporal seguida de morte
§ 3° Se resulta morte e as circunstâncias evidenciam que o agente não quís o resultado, nem assumiu o risco de produzí-lo:
Pena - reclusão, de quatro a doze anos.
Diminuição de pena
§ 4° Se o agente comete o crime impelido por motivo de relevante valor social ou moral ou sob o domínio de violenta emoção, logo em seguida a injusta provocação da vítima, o juiz pode reduzir a pena de um sexto a um terço.
Substituição da pena
§ 5° O juiz, não sendo graves as lesões, pode ainda substituir a pena de detenção pela de multa, de duzentos mil réis a dois contos de réis:
I - se ocorre qualquer das hipóteses do parágrafo anterior;
II - se as lesões são recíprocas.
Lesão corporal culposa
§ 6° Se a lesão é culposa: (Vide Lei nº 4.611, de 1965)
Pena - detenção, de dois meses a um ano.
Aumento de pena
§ 7o Aumenta-se a pena de 1/3 (um terço) se ocorrer qualquer das hipóteses dos §§ 4o e 6o do art. 121 deste Código. (Redação dada pela Lei nº 12.720, de 2012)
§ 8º - Aplica-se à lesão culposa o disposto no § 5º do art. 121.(Redação dada pela Lei nº 8.069, de 1990)
Violência Doméstica (Incluído pela Lei nº 10.886, de 2004)
§ 9o Se a lesão for praticada contra ascendente, descendente, irmão, cônjuge ou companheiro, ou com quem conviva ou tenha convivido, ou, ainda, prevalecendo-se o agente das relações domésticas, de coabitação ou de hospitalidade: (Redação dada pela Lei nº 11.340, de 2006)
Pena - detenção, de 3 (três) meses a 3 (três) anos. (Redação dada pela Lei nº 11.340, de 2006)
§ 10. Nos casos previstos nos §§ 1o a 3o deste artigo, se as circunstâncias são as indicadas no § 9o deste artigo, aumenta-se a pena em 1/3 (um terço). (Incluído pela Lei nº 10.886, de 2004)
§ 11. Na hipótese do § 9o deste artigo, a pena será aumentada de um terço se o crime for cometido contra pessoa portadora de deficiência. (Incluído pela Lei nº 11.340, de 2006)
§ 12. Se a lesão for praticada contra autoridade ou agente descrito nos arts. 142 e 144 da Constituição Federal, integrantes do sistema prisional e da Força Nacional de Segurança Pública, no exercício da função ou em decorrência dela, ou contra seu cônjuge, companheiro ou parente consanguíneo até terceiro grau, em razão dessa condição, a pena é aumentada de um a dois terços. (Incluído pela Lei nº 13.142, de 2015)
§ 13. Se a lesão for praticada contra a mulher, por razões da condição do sexo feminino, nos termos do § 2º-A do art. 121 deste Código: (Incluído pela Lei nº 14.188, de 2021)
Pena - reclusão, de 1 (um) a 4 (quatro anos). (Incluído pela Lei nº 14.188, de 2021)

Introdução - Capítulo 11. Crimes Ambientais - Direito Penal Econômico - Ed. 2023

Sumário: Introdução 11.1. Breve exposição sobre o debate da legitimidade dos crimes ambientais 11.1.1. Os crimes ambientais como integrantes do Direito Penal econômico? 11.2. O bem jurídico nos…
0
0

Parte Geral - Capítulo 12. Crimes Contra as Relações de Consumo - Direito Penal Econômico - Ed. 2023

Sumário: Parte Geral Introdução 12.1. As mudanças de paradigma e a tutela do consumidor 12.2. Vulnerabilidade do consumidor 12.3. Da proteção constitucional ao consumidor 12.3.1. Sobre as previsões…
0
0

9.1.. Considerações Preliminares - Capítulo 9. Lei de Organização Criminosa (Lei Nº 12.850/2013) - Direito Penal Econômico - Ed. 2023

Sumário: 9.1. Considerações preliminares 9.2. Histórico e contextualização atual 9.3. Associação criminosa e organização criminosa 9.4. Organização criminosa e lavagem de dinheiro 9.5. A Lei nº…
0
0

22. Revisão Criminal - Parte III - Ações Autônomas de Impugnação - Manual dos Recursos Penais

Sumário: 22.1. Noções gerais 22.2.Condições da ação 22.2.1.Interesse de agir: hipóteses de cabimento previstas em lei 22.2.1.1.Contrariar o texto expresso da lei penal 22.2.1.1.1.Revisão criminal e a…
0
0

77. Introdução aos Crimes Contra o Estado Democrático de Direito - Parte II - Dos Crimes Contra o Estado Democrático de Direito - Direito Penal - Parte Especial: Arts. 312 a 359-R

Parte II - Dos crimes contra o Estado democrático de direito 77.1.Considerações iniciais A Lei nº 14.197/2021 introduziu no Código Penal um novo Título XII em sua Parte Especial, concernente aos…
0
0

50.1.Considerações Iniciais - 50. Constituição de Milícia Privada (Art. 288-A) - Direito Penal - Parte Especial: Arts. 235 a 311-A

Sumário: 50.1.Considerações iniciais 50.2.Objetividade jurídica 50.3.Sujeitos do delito 50.4.Tipicidade objetiva e subjetiva 50.5.Consumação e tentativa 50.6.Pena e ação penal Constituição de milícia…
0
0

21.1.Considerações Iniciais - 21. Desabamento ou Desmoronamento (Art. 256) - Direito Penal - Parte Especial: Arts. 235 a 311-A

Sumário: 21.1.Considerações iniciais 21.2.Objetividade jurídica 21.3.Sujeitos do delito 21.4.Tipicidade objetiva e subjetiva 21.5.Consumação e tentativa 21.6.Crime culposo 21.7.Pena e ação penal…
0
0

Capítulo 11. Provas no Processo Penal - Curso de Processo Penal

11.1. Prova: importância e acepções do vocábulo O tema prova é essencial para a ciência processual. Isto porque, entre outros motivos, as consequências da atividade probatória projetam-se de maneira…
1
0

Capítulo 13. Medidas Cautelares Pessoais - Curso de Processo Penal

13.1. Teoria geral das medidas cautelares pessoais 13.1.1. Considerações gerais e espécies O tema das medidas cautelares é revelador de uma das grandes tensões existentes no processo penal: de um…
0
0

Art. 144 - Capítulo III. Da Segurança Pública - Constituição Federal Comentada

Capítulo III Da Segurança Pública Art. 144. A segurança pública, dever do Estado, direito e responsabilidade de todos, é exercida para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e…
0
0