Art. 201, § 3 do Código Processo Penal - Decreto Lei 3689/41

CPP - Decreto Lei nº 3.689 de 03 de Outubro de 1941

Art. 201. Sempre que possível, o ofendido será qualificado e perguntado sobre as circunstâncias da infração, quem seja ou presuma ser o seu autor, as provas que possa indicar, tomando-se por termo as suas declarações. (Redação dada pela Lei nº 11.690, de 2008)
§ 3o As comunicações ao ofendido deverão ser feitas no endereço por ele indicado, admitindo-se, por opção do ofendido, o uso de meio eletrônico. (Incluído pela Lei nº 11.690, de 2008)

O ofendido no processo penal

Flávio Augusto Maretti Sgrilli Siqueira Doutor em Direito Penal e Política Criminal - Universidad de Granada Mestre em Direito Penal e Tutela dos Interesses Supraindividuais -Universidade Estadual de…

Breves considerações sobre a prova no processo penal

No processo penal ninguém poderá ser condenado se não houver provas que liguem um autor ao ato pelo qual se está sendo acusado, pois vigora o Princípio da Verdade Real, além do que, não se pode…
Alice Bianchini, Advogado
há 8 anos

Obrigatoriedade de comunicação à vítima da prisão e da saída do agressor do sistema prisional: série novela fina estampa

Alice Bianchini* Pesquisador: Alexandre Palma da Cunha Benedito* No capítulo da novela “Fina Estampa”, exibido em 29 de outubro de 2011, pela Rede Globo, Solange (filha) assusta-se ao ver Baltazar…