Carregando...
Jusbrasil - Tópicos
17 de outubro de 2018
Artigo 144 da Constituição Federal de 1988

Art. 144 da Constituição Federal de 88

Constituição Federal de 1988

Nós, representantes do povo brasileiro, reunidos em Assembléia Nacional Constituinte para instituir um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social e comprometida, na ordem interna e internacional, com a solução pacífica das controvérsias, promulgamos, sob a proteção de Deus, a seguinte CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL.

Art. 144. A segurança pública, dever do Estado, direito e responsabilidade de todos, é exercida para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio, através dos seguintes órgãos:

I - polícia federal;

II - polícia rodoviária federal;

III - polícia ferroviária federal;

IV - polícias civis;

V - polícias militares e corpos de bombeiros militares.

§ 1º - A polícia federal, instituída por lei como órgão permanente, estruturado em carreira, destina-se a:

§ 1º A polícia federal, instituída por lei como órgão permanente, organizado e mantido pela União e estruturado em carreira, destina-se a: (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 1998)

I - apurar infrações penais contra a ordem política e social ou em detrimento de bens, serviços e interesses da União ou de suas entidades autárquicas e empresas públicas, assim como outras infrações cuja prática tenha repercussão interestadual ou internacional e exija repressão uniforme, segundo se dispuser em lei;

II - prevenir e reprimir o tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins, o contrabando e o descaminho, sem prejuízo da ação fazendária e de outros órgãos públicos nas respectivas áreas de competência;

III - exercer as funções de polícia marítima, aérea e de fronteiras;

III - exercer as funções de polícia marítima, aeroportuária e de fronteiras; (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 1998)

IV - exercer, com exclusividade, as funções de polícia judiciária da União.

§ 2º - A polícia rodoviária federal, órgão permanente, estruturado em carreira, destina-se, na forma da lei, ao patrulhamento ostensivo das rodovias federais.

§ 2º A polícia rodoviária federal, órgão permanente, organizado e mantido pela União e estruturado em carreira, destina-se, na forma da lei, ao patrulhamento ostensivo das rodovias federais. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 1998)

§ 3º A polícia ferroviária federal, órgão permanente, estruturado em carreira, destina-se, na forma da lei, ao patrulhamento ostensivo das ferrovias federais .

§ 3º A polícia ferroviária federal, órgão permanente, organizado e mantido pela União e estruturado em carreira, destina-se, na forma da lei, ao patrulhamento ostensivo das ferrovias federais. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 1998)

§ 4º Às polícias civis, dirigidas por delegados de polícia de carreira, incumbem, ressalvada a competência da União, as funções de polícia judiciária e a apuração de infrações penais, exceto as militares.

§ 5º Às polícias militares cabem a polícia ostensiva e a preservação da ordem pública; aos corpos de bombeiros militares, além das atribuições definidas em lei, incumbe a execução de atividades de defesa civil.

§ 6º As polícias militares e corpos de bombeiros militares, forças auxiliares e reserva do Exército, subordinam-se, juntamente com as polícias civis, aos Governadores dos Estados, do Distrito Federal e dos Territórios.

§ 7º A lei disciplinará a organização e o funcionamento dos órgãos responsáveis pela segurança pública, de maneira a garantir a eficiência de suas atividades.

§ 8º Os Municípios poderão constituir guardas municipais destinadas à proteção de seus bens, serviços e instalações, conforme dispuser a lei.

§ 9º A remuneração dos servidores policiais integrantes dos órgãos relacionados neste artigo será fixada na forma do § 4º do art. 39. (Incluído pela Emenda Constitucional nº 19, de 1998)

§ 10. A segurança viária, exercida para a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do seu patrimônio nas vias públicas: (Incluído pela Emenda Constitucional nº 82, de 2014)

I - compreende a educação, engenharia e fiscalização de trânsito, além de outras atividades previstas em lei, que assegurem ao cidadão o direito à mobilidade urbana eficiente; e (Incluído pela Emenda Constitucional nº 82, de 2014)

II - compete, no âmbito dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, aos respectivos órgãos ou entidades executivos e seus agentes de trânsito, estruturados em Carreira, na forma da lei. (Incluído pela Emenda Constitucional nº 82, de 2014)

Inteiro Teor. RECURSO ORDINARIO TRABALHISTA: RO 10779420175170181

Acórdão (PJe) - 0001077-94.2017.5.17.0181 - 02/10/2018 (Ac. 0/0) 15/10/2018 11:36 PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 17ª REGIAO Identificação RECURSO ORDINÁRIO

Inteiro Teor. Recurso em Sentido Estrito: RSE 70076337138 RS

JACP Nº 70076337138 (Nº CNJ: 0397828-20.2017.8.21.7000) 2018/Crime RECURSO EM SENTIDO ESTRITO. DELITOS DOLOSOS E CULPOSOS CONTRA A PESSOA. HOMICÍDIO QUALIFICADO TENTADO (ARTIGO 121, §2º, INCISO VII,

Inteiro Teor. Apelação: APL 10161901120168260309 SP 1016190-11.2016.8.26.0309

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SAO PAULO Registro: 2018.0000812204 ACÓRDAO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação / Remessa Necessária nº 1016190-11.2016.8.26.0309,

Inteiro Teor. RECURSO ESPECIAL: REsp 1697146 MA 2017/0240799-9

Superior Tribunal de Justiça Revista Eletrônica de Jurisprudência RECURSO ESPECIAL Nº 1.697.146 - MA (2017⁄0240799-9) RELATOR : MINISTRO JORGE MUSSI RECORRENTE : MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO

AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL: AREsp 734181 DF 2015/0153257-6

AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 734.181 - DF (2015/0153257-6) RELATOR : MINISTRO REYNALDO SOARES DA FONSECA AGRAVANTE : G B DE L ADVOGADOS : MARCELO LUIZ ÁVILA DE BESSA - DF012330 FABIO FERREIRA AZEVEDO E OUTRO(S) - DF030568 AGRAVANTE : J L B AGRAVANTE : M A R N ADVOGADO : RAFAEL TEIXEIRA MARTINS E OUTRO(S) - DF019274 AG...

HABEAS CORPUS: HC 474361 SP 2018/0272474-0

HABEAS CORPUS Nº 474.361 - SP (2018/0272474-0) RELATOR : MINISTRO REYNALDO SOARES DA FONSECA IMPETRANTE : DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE SAO PAULO ADVOGADOS : DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE SAO PAULO BENNO BUCHMAN - SP210745 IMPETRADO : TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SAO PAULO PACIENTE : DANIEL LEITE LOPES DA SILVA...

Andamento do Processo n. 0000254-51.2018.5.07.0024 - Rtord - 17/10/2018 do TRT-7

Processo Nº RTOrd-0000254-51.2018.5.07.0024 RECLAMANTE MARCOS ANTONIO RAMOS ADVOGADO LIVIO WESLEY VASCONCELOS DE ALMEIDA(OAB: 26094/CE) RECLAMADO FTL - FERROVIA TRANSNORDESTINA LOGISTICA S.A ADVOGADO

Pg. 627. Judicial - 1ª Instância - Interior - Parte I. Diário de Justiça do Estado de São Paulo DJSP de 17/10/2018

CARLOS JOELSON ROCHA DOS SANTOS E RAFAEL VILAÇA FERREIRA por infração ao art. RUAN MENEZES DE LIMA (OAB 390039/SP) JUÍZO... da denúncia basta o laudo de constatação, para demonstrar a materialidade delitiva (artigo Ministério Público . Intime...

Pg. 6290. Superior Tribunal de Justiça STJ de 17/10/2018

a restrita interpretação que se havia do art. 144 , § 8º , da Constituição Federal , dando-lhes, dentre outras competências... jurídico pátrio, nos termos em que entelhado no art. 331 , do Código Penal . Precedente (STJ -HC 379.269/MS - Rel. Min...

Pg. 6334. Superior Tribunal de Justiça STJ de 17/10/2018

de que "os artigos 5º , incisos LIV e LV , 129 , incisos III e VIII , e 144 , inciso IV , § 4º , da Constituição Federal , não tornam... na fundamentação apresentada, com a finalidade de demonstrar a alegada ofensa ao art. 1º da Lei n. 8.038 /1990, situação... que inviabiliza o conhecimento da irresignação quanto à ma...

×