Artigo 557 da Lei nº 5.869 de 11 de Janeiro de 1973

CPC - Lei nº 5.869 de 11 de Janeiro de 1973

Institui o Código de Processo Civil.
Art. 557. O relator negará seguimento a recurso manifestamente inadmissível, improcedente, prejudicado ou em confronto com súmula ou com jurisprudência dominante do respectivo tribunal, do Supremo Tribunal Federal, ou de Tribunal Superior. (Redação dada pela Lei nº 9.756, de 1998)
§ 1o-A Se a decisão recorrida estiver em manifesto confronto com súmula ou com jurisprudência dominante do Supremo Tribunal Federal, ou de Tribunal Superior, o relator poderá dar provimento ao recurso. (Incluído pela Lei nº 9.756, de 1998)
§ 1o Da decisão caberá agravo, no prazo de cinco dias, ao órgão competente para o julgamento do recurso, e, se não houver retratação, o relator apresentará o processo em mesa, proferindo voto; provido o agravo, o recurso terá seguimento. (Incluído pela Lei nº 9.756, de 1998)
§ 2o Quando manifestamente inadmissível ou infundado o agravo, o tribunal condenará o agravante a pagar ao agravado multa entre um e dez por cento do valor corrigido da causa, ficando a interposição de qualquer outro recurso condicionada ao depósito do respectivo valor. (Incluído pela Lei nº 9.756, de 1998)

O mandado de segurança e sua aplicabilidade contra os atos do poder público

RESUMO: Este artigo tem como principal objetivo levar os leitores a uma reflexão sobre um tema importante em nossa sociedade – a atuação do Estado frente ao dever constitucional de garantir a todas…
Devilson Sousa, Advogado
há 4 anos

A figura sumular e o Novo Código De Processo Civil 2015 – Os novos contornos dos precedentes judiciais

Introdução Devido ao alto número de ações e demandas a cargo do julgamento dos juízes e tribunais brasileiros, ocorreu por aqui uma grande e diversificada desproporção no teor das decisões proferidas…

Do Processo Administrativo Disciplinar no âmbito da Administração Pública Indireta Federal

INTRODUÇÃO Trata-se de comentário acerca da possibilidade de aplicação de sanção administrativa aos empregados público, quando tal é apenas prevista em regimentos internos, manuais ou acordos…

Multa de trânsito anulada com ajuda do Google. Saiba como

Se preferir, assista ao vídeo em nosso canal clicando aqui! Em se tratando de multas de trânsito, extremamente difícil provar o não cometimento da infração. Não é por outro motivo que muitos optam…
Juliana Ferrari, Advogado
há 4 anos

Proventos depositados erroneamente a servidor público, interpretação conforme STJ

Juliana Leme Ferrari Procuradora do Munícipio direito_julianaf@hotmail.com Direito Público RESUMO Este breve estudo aborda a decisão do Superior Tribunal de Justiça no REsp 1387971 DF 2013/0184278-9…
Kamila Arruda, Bacharel em Direito
há 4 anos

Educação para o consumo: Consumidor consciente exercício da cidadania

1. A evolução do direito do consumidor Desde os primitivos as normas e leis buscam a igualdade na relação de consumo, sendo assim a sociedade buscou sempre equilibrar esta relação, como será visto a…

A sistemática recursal nos Juizados Especiais Cíveis Estaduais: o cabimento do Agravo de Instrumento e os impactos do novo Código de Processo Civil

Processual Civil Resumo: Segundo dados divulgados pelo Conselho Nacional de Justiça CNJ ainda no ano de 2014 existiam no Brasil cerca de 72 milhões de processos em trâmite nos Juizados Especiais.
Gisele Leite, Professor de Direito do Ensino Superior
há 4 anos

Considerações sobre os Embargos de Divergência

1. Breve Histórico O aparecimento dos embargos de divergência tem como fator determinante o problema resultante da divisão do STF em turmas [1] . O recurso surgiu devido à preocupação de existir o…

O exercício regular do direito de utilizar as redes sociais

O marco civil da internet - lei 12.965 /2014- esclareceu que o acesso à internet é essencial ao exercício da cidadania; inclusive, assegura direitos e garantias aos usuários de internet, conforme…

Taxa de corretagem e assessoria técnico-imobiliária

1- Objetivo deste artigo Como é de entendimento pela jurisprudência pátria, o taxa de cobrança conhecida como SATI (assessoria técnico-imobiliária) é inconstitucional, entretanto uma decisão do STF…