Artigo 36 da Lei nº 10.406 de 10 de Janeiro de 2002

CC - Lei nº 10.406 de 10 de Janeiro de 2002

Institui o Código Civil.
Art. 36. Se o ausente aparecer, ou se lhe provar a existência, depois de estabelecida a posse provisória, cessarão para logo as vantagens dos sucessores nela imitidos, ficando, todavia, obrigados a tomar as medidas assecuratórias precisas, até a entrega dos bens a seu dono.
Eleiriane Duarte, Bacharel em Direito
ano passado

Vão- se os anéis...ficam os filhos:

(Lei 4.121 de 27 de agosto de 1962) houve alteração do art. 326 do Código Civil de 1916 voltando-se a valorar a culpa... seu artigo 9º e 10º, o teor dos art. 326 e 327 do Código Civil a época. …

Da possibilidade de indenização pelas benfeitorias realizadas em imóvel objeto de contrato de locação.

São recorrentes as dúvidas que pairam sobre a possibilidade ou não de retenção ou indenização sobre as benfeitorias realizadas em bem imóvel objeto de locação. Antes de adentrar no mérito da…
Felipe Fridman, Estudante de Direito
há 5 anos

Análise acadêmica acerca do Processo Civil

INTRODUÇÃO Muito se debate à respeito da Jurisdição civil e da competência internacional, e neste trabalho abordaremos tal tema de maneira abrangente e crítica, baseado em pensamentos de…

Sucessões: Problemas e soluções do Dia a Dia

Diego Oliveira da Silveira [1] Thaise Nara Grazziotin Costa [2] Sumário: 1) Considerações iniciais. 2) Doações inoficiosas. 2.1) Momento a ser configurada a doação inoficiosa: data da realização do…

A ausência

Em sentido comum, ausência quer dizer não presença, no sentido jurídico, ausente é a pessoa que desaparece de seu domicílio sem deixar notícias, e sem deixar representante ou procurador, ou deixando,…

Análise da Lei das Águas em tempos de colapso hídrico no Brasil

A Lei nº 9.433 /97 regulamentou o artigo 21 , XIX , da Constituição Federal de 1988, e instituiu a Política Nacional de Recursos Hídricos que cria o Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos…

União Estável qual a sua estabilidade

Renato Franco de Almeida I. INTRODUÇÃO Não podemos falar sobre união estável - fato criador - sem tocarmos, mesmo que perfunctoriamente, no assunto família - fato criado. Com efeito, passada a fase…