Art. 131 Consolidação das Leis do Trabalho - Decreto Lei 5452/43

CLT - Decreto Lei nº 5.452 de 01 de Maio de 1943

Aprova a Consolidação das Leis do Trabalho.
Art. 131 - Não será considerada falta ao serviço, para os efeitos do artigo anterior, a ausência do empregado: (Redação dada pelo Decreto-lei nº 1.535, de 13.4.1977)
I - nos casos referidos no art. 473; (Incluído pelo Decreto-lei nº 1.535, de 13.4.1977)
Il - durante o licenciamento compulsório da empregada por motivo de maternidade ou aborto, observados os requisitos para percepção do salário-maternidade custeado pela Previdência Social; (Redação dada pela Lei nº 8.921, de 25.7.1994)
III - por motivo de acidente do trabalho ou enfermidade atestada pelo Instituto Nacional do Seguro Social - INSS, excetuada a hipótese do inciso IV do art. 133; (Redação dada pela Lei nº 8.726, de 5.11.1993)
IV - justificada pela empresa, entendendo-se como tal a que não tiver determinado o desconto do correspondente salário; (Incluído pelo Decreto-lei nº 1.535, de 13.4.1977)
V - durante a suspensão preventiva para responder a inquérito administrativo ou de prisão preventiva, quando for impronunciado ou absolvido; e (Incluído pelo Decreto-lei nº 1.535, de 13.4.1977)
VI - nos dias em que não tenha havido serviço, salvo na hipótese do inciso III do art. 133. (Incluído pelo Decreto-lei nº 1.535, de 13.4.1977)

Suspensão disciplinar no contrato de trabalho

Conforme extrai-se do Art. 130 da CLT , a suspensão pode ser descontada para efeito de férias, já que o doutrinador não dispôs do contrário. Como a Suspensão Disciplinar é tida como ausência…

MPT: Usinas e sindicatos são processados em R$ 4 milhões

Grupo Cocal e duas entidades sindicais firmaram acordo coletivo que permite descontos ilegais e o pagamento de trabalhadores por produção Bauru – O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Bauru (SP)…

Usinas e sindicatos são processados em R$ 4 milhões

O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Bauru (SP) pede à Justiça a condenação do Grupo Cocal (Cocal Termoelétrica, Cocal Indústria Canaã e Álcool e Marcos Fernando Garms) e de duas entidades…

Marfrig é condenada por punir trabalhadores

A pedido do Ministério Público do Trabalho a 2ª Vara da Justiça do Trabalho de Tangará da Serra (MT) condenou a empresa Marfrig Alimentos ao pagamento de indenização por dano moral coletivo no valor…

Marfrig é condenada por punir trabalhadores

Cuiabá - A pedido do Ministério Público do Trabalho a 2ª Vara da Justiça do Trabalho de Tangará da Serra (MT) condenou a empresa Marfrig Alimentos ao pagamento de indenização por dano moral coletivo…

Licença-maternidade não compromete direito a férias vencidas

Uma comerciária de Santa Catarina deve receber férias integrais e proporcionais que haviam sido negadas pela K. Smart Importação e Exportação Ltda. A determinação é da Terceira Turma do Tribunal…

Licença-maternidade não compromete direito a férias

A Terceira Turma do Tribunal Superior do Trabalho reconheceu o direito de uma comerciária a receber férias integrais e proporcionais que haviam sido negadas pelo empregador. Ex-funcionária da K.

Prisão em flagrante do empregado não pode justificar demissão por justa causa

Pela ausência de previsão expressa na lei, gera controvérsia o tratamento a ser conferido ao empregado que é preso em flagrante. Ou seja, o que fazer com o contrato de trabalho? Há a autorização…